Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENGANADO PELO AMOGO DE PAPAI

Isso me aconteceu quando tinho 19 anos, foi assim que perdi minha virgindade.

Desde que me lembro por gente meu pai tem um amigo chamado Alex, ele sempre foi práximo de nos, chamava ele de Tio Alex e tudo, ele era bonitão, em forma e metido a garanhão, sempre aparecia com uma gostosa diferente em casa, nas festas.

o tempo foi passando eu fui crescendo e ele começou umas brincadeiras comigo, sobre me levar em uma zona para aprender a ser homem, sempre me perguntava se já tinha pelo no pau, como ele era muito brincalhão, achava normal a atitude dele.

Um dia ele chegou em casa e me viu mexendo no computador, ele era representante comercial, pediu para que eu fosse na casa dele preparar uma base de controle das vendas dele. Na maior das inocências concordei, marcamos o dia e lá estava eu na hora marcada.

Ele veio me atender enrolado na toalha, mandou eu entrar e ir ao computador que ele estava entrando no banho. Ele entrou no chuveiro e deixou a porta aberta e ficou conversando comigo e na minha curiosidade de garoto de 19 anos não resisti dar umas olhadelas de canto de olhos para ele. Quando vi seu pau levei um susto, nunca tinha visto algo como aquele, devia ter uns 19 cm mole, disfarcei e continuei meu trabalho no computador, mas sempre dando uma olhadinho discreta (pelo menos era o que eu pensava).

Ele saiu do chuveiro e veio para o quarto (onde fica o computador) ainda se enxugando, e totalmente pelado. Parou atras de mim para ver o que estava fazendo, bem perto, com o pau bem a mostra, não resisti e dei uma olhada bem de perto, nesse momento ele me fala:

- Grande né? Duro é maior ainda, o problema é que a mulheres não me aguentam.

Disse isso e saiu de perto rindo, não resisti e perguntei.

- Como assim?

- Meu pau duro tem 22 cm, quando meto em um bucetinha, quando entra metade elas começam a reclamar de dor.

- Puxa!

Nisso percebi que o pau dele tava aumentando, voltei ao meu trabalho e ele novamente chegou perto, mas dessa vez se debruçou sobre a cadeira para olhar a tela, ficando ainda mais perto de mim e perguntou:

- Parece que está ficando bom.Sabe como eu faço quando quero transar gostoso?

- O que?

- Transo com outro macho, sá um cuzinho para aguentar meu pau...

Nisso ele apontou aqueles 22 cm de pica perto do meu rosto, fiquei hipinotizado, gentilmente ele pos a mão no meu rosto e empurrou de leve para o pau dele, na hora me assutei e lenvantei, ele me aguarrou e falou.

- Calma, é seu Tio Alex, não tenha medo, eu nunca faria nada de mau com você.

Nisso ele me voltou sentado na cadeira e colocou o pau na minha boca. Foi a coisa mais deliciosa que já experimentei.

- Isso mesmo, mama o titio com gosto, deixa esse pau bem babado.

Ficamos desse jeito uns 19 minutos, então ele me pegou e tirou minha roupa e me deitou na cama dele, veio por cima de mim e começou a lamber meu pescoso, orelha, mamilos, nunca tinha sentido nada daquele jeito, estava totalmente entregue.

Ele sentou no meu peito e enviou novamente aquele membro em minha boco e ficou fodendo minha garganda, chegava até a me engasgar.

Então ele me virou de costa, fiquei muito assustado, pois sabia o que estava por vir. ele começou a lamber minha costa e me mandar relaxar, eu fui me acalmando (acho que esse foi o erro), então ele chegou na minha bunda, começou a me beixar, eu fui arrebitando cada vez mais e ele veio com tudo com a lingua no meu cu, fui ao ceú e voltei, quanto mais ele chupava mais eu me abria, ele me deixou todo lambuzado e deitou por cima de mim, me deixando sem saida, na hora eu falei.

- Não tio tenho medo.

- Calma, não vou fazer nada que você não queira.

Nisso começou a lamber meu cangote e novamente estava entregue. Percebi ele emcaixando o pau na entrada do meu cuzinho virgem, colocou a mão em meu mamilo e começou a apertar, nisso começei a arrebitar cada vez mais novamente e percebi ele forçando a entrada, quando senti uma dor aguda percebi que a cabiçorá tinha entrado, tentei escapar para ele não deixou, continuou me chupando e apertando, mas não me entrguei desse vez, então ele disso:

- Não queria fazer isso, mas você não me deixa escolha.

E enviou de uma vez, sem dá o pau no meu cuzinho, agora arrombado. Eu gritei e perdi toda minha força ele ficou parado e falando:

- Calma que a dor já vai passar e você vai ver o que é sentir prazer.

Ficamos uns 19 minutos sem nos mexer, eu chorando e ele me consolando. Quando percebi que ele começou um movimento e aquilo foi novamente me dando prazer e sem perceber comecei a rebolar no pau dele.

- Isso mesmo, o titio não falou que você ia gosta.

Ele foi aumentando cada vez mais o vai e vem, até que me virou me virou de frente sem tirar o pau de dentro e começou umas estocadas fortes olhando minha cara de dor e prazer e cada estocada forte sentia o pau dele dentro de mim, foi maravilhosos que gozei sem tocar no meu pau. Ele ficou ali uns 19 minutos, até que deu uma estocada bem forte e com um urro de animal gozou litros de porra dentro de mim.

Achei que tinha acabado, mas ele tirou o pau e me colocou de quatro e disse:

- Calma que o titio ainda tem muito prazer para te dar.

Meteu de novo, agora mais fácil, já estava todo aberto mesmo, e me fudeu mais uns 19 minutos nessa posição e gozou muito de novo.

- Gostou?

- Adorei.

- Então liga para seu pai e diz que vai ficar aqui até tarde arrumando meu computador e que eu te convidei para dormir aqui.

Fiz isso e passamos a noite junto, ele me comeu mais umas 4 vezes em posições diferente.

Desde aquele dia, sou o viadinho oficial de meu tio, sempre fico ancioso esperando ele me ligar para arrumar alguma coisa para ele.

Teve um dia que ele me ligou e quando cheguei na casa dele tinha um amigo lá. Mas isso é uma outra histária...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos pornô com nora magrinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos esfrega buc gozada corninhoconto porno provoquei meu irmacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico gay o marido da minha amiganovinhas dondocas se masturbandodoisbombeiro sarado trazandocontos eroticos apostacontos eroticos sobrinhos tias interiorcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erotico gays come meu pai me comeu a forca eu adoreicomendo a cunhadinha lindinha contos eróticosrelatos eroticos: minha esposa se prostituiu durante viagem de trabalho.Bucetapeludafazendo manha na pica grandiChupou o meu seio no curral contosContos fudendo a coroa gravida casadaquero ver o filme de pornô a mulher metendo o Cascão na gemendo gemendosó umbiguinhos lindos e peitos durinhospassivosrj sexocontos horoticos verdadeiras pelotasconto erótico esposa famíliaconto erótico depilando a bucetinhaconto eu e minha irmã entramos na picafiquei de 4 e ele montou socando xingandocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos d zoof minha sobrinha c um cachorropau atochado no rego da joanaConto minha enteada safada se insinua pra mimcontos fiquei escondida pra ver o pedreiro peladoconto erótico pai do meu amigo comendo o c******dou u cu para qualquer pessoa. conto eroticoconto de sexo com bela coroacontos cornos fio tera pintinhocontos namorada deu o cu parahttp://okinawa-ufa.ru/conto_2373_deflorado-no-parque-de-diversao.htmlIncesto do cu desde pequenoconto erótico meu padrinho me estuproutrepando com meu patrão conto eroticohomem estrupa cadelinha sem estar no cio conto eróticomoramoa no litoral eu e minha esposa e recebemos um primo dela para pasar um fim de semana conoscoarrombada pelo negão contocontos porno meu marido me obrigou a dar o cu pro amigocontos eróticos leite incestoContos eroticos minhas irmas e minha mae fizeram um gang bang com muitos negoes no sitioConto erotico gay de calcinha para coroasconto de esposa vendo seu marido na rola de outrocontos fumando crak com travecocontos eroticos comendo mae do amicontos sexo minha esposa amigavirei puto do vovo conto gaycontos eróticos gays barriga incharlesbicas na zoofilia contos de idosasContos eróticos engravidei na primeira trepadacontos eroticos madrasta lesbica e enteada submissacontos eroticos eu minha esposa e Lu nossa melhor amigajessica minha subrinha parte 1 contosminha patroa gortosa e tarada por pauGGconto erotico estuprada pelo primocontos eróticos aposta q terminou em surubalalargado na bucetaComtos professoras casadas fodidas pelos alunos na aulacontoseroticos veridicos de mulherescontos eroticos menagecomparando paus contosMinha mulher adora reparar na piroca dos machostia tchuca faz o movimento no pirucontos eróticos lesbicas dominando esposas heterohistoria de mulher cazada que tranzou com seu cachorro bem grandecontos eroticos de padrinhos com virgensContos de incesto quando eu era pequena era putinhaContos gay fazendo a barbacontos eroticos lesbico casadas e travestiPrimeiro Boquete Contos EroticoEu e meu marido adoramos porra contos.contos erotico rabuda e o filho Praia nudismo