Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TELEFONISTA CADELA E TARADA!

Ola a todos, essa ta quentinha pode si dizer que foi ontem que arrochei a telefonista da empresa em que trabalho, vou explicar como tudo começou com um mês que estava trabalhando conheci a telefonista que vamos chamar de Gabriela em homenagem ao cravo e canela por sua pele ser bem morena e com um par de coxas belíssimas sua cintura perfeita e seus seios hummm na medida certa cabelos lisos e de cor preta, compridos lábios médios mais bem feitos e uma mulher que si veste bem elegante de voz sensual e firme.

Logo que cheguei ao trabalho as 06h00min da manhã já a encontrei na recepção, bom dia Gabriela e muito sorridente respondeu bom dia você vai viajar cedo assim? Ela me perguntou, sim tem que pegar uma mercadoria em um local muito longe.

E você sai que horas mesmo? Que mal pergunte, hoje saio as 17h00min e que tenho que chegar cedo na faculdade, ela faz a disciplina de psicologia e esta no 3° período.

E seu namorado vem buscar você? Sim por quê? Si ele não vim posso te levar em casa? Ela diz que vai direto pra faculdade, tudo bem posso te levar lá, sorrisos dela mais meu namorado vem! vamos deixar pra lá e melhor, tudo bem mais estaria de volta antes das 17h00min e fui a minha viagem.

No caminho sá pensando na morena Gabriela mil fantasias, na viagem tudo ocorreu bem e eu com muita pressa de chegar acelerava o bruto (caminhão).

Chegando à empresa descarreguei a mercadoria e a surpresa foi na saída, ela esta sá na sombra de uma arvore a espera do namorado a Gabriela eu pensei hoje tu e minha já passava da 17h10min parei o carro ao lado dela sorri já abrindo a porta do passageiro ela olhou pros lados acho pra ver si o namorado não vinha ou si alguém não a via entra no carro.

Gabriela você já ligou pro seu namorado? Ela sim mais esta fora da área e ele sabia que hoje não podia faltar, tudo bem Gabriela diga onde tenho que levar você. No caminho muito papo vai papo vem ela já estava muito mais calma e sorria, pois contava algumas piadas, na entrada da faculdade ela mais uma vez olha pros lados antes de descer do carro e antes que ela sai do carro seguro em sua mão e lê digo vou te esperar na lanchonete ali na frete, ela diz não que não precisa, pois si o namorado não foi bus cala na empresa mais viria bus cala na faculdade mais mesmo assim na hora da saída estaria esperando-a na lanchonete.

Logo que Gabriela entrou comecei a tramar a arapuca, fui a uma floricultura comprei um buquê de rosas e no caminho entrei em um supermercado e uma caixa de chocolate dessas padronizadas em forma de coração, fiz um telefonema pra minha esposa dizendo que estaria com uns companheiros jogando sinuca e tomando cerveja por isso demoraria pra chegar em casa.

Meio que zangada minha esposa falou pra não chegar muito tarde.

Já era umas 20h22min quando avistei Gabriela saindo na porta da faculdade e vindo em minha direção mais sempre olhando pros lados e para traz ao chegar à lanchonete onde mi encontrava puxou uma cadeira sentou meio que triste falando que estava preocupada com o tal namorado mais eu logo desconversei perguntando sobre a aula si foi boa e si queria embora para casa.

Você pode me levar em casa Rodrigo?(nome fictício) sim minha flor você aceita um refrigerante ou um suco?Muito educadamente ela diz não e queria ir embora do local paguei a conta que eu estava tomando um suco e alguns quibes apimentados que vendiam no local.

Já no carro fui pondo meu plano em ação pequei o buquê de rosas no banco de traz do carro dei a ela que levou um susto e ficou surpresa ao mesmo tempo ficando sem palavras e logo em seguida a caixa com os chocolates coberta em um papel de presente ela ficou meio sem jeito mais aceitou dizendo muito obrigado e sorrindo.

Nossa mais você e muito romântico sua esposa de gostar muito de você?Sim ela gosta e eu estou gostando de muito de você acho que não e momento certo de falar isso mais vou me abri, Gabriela sempre que te olho meu coração dispara da tremedeira nas pernas calafrio no corpo fico imaginando varias coisas acho que vou ter um treco preciso de você, ela sá olhando boquiaberta der repente suspira forte e diz nossa como você e direto.

Rodrigo que tipo de coisas fica pensando quando olha pra mim?Em beijar tua boca acariciar esse teu corpo imagino ele nu, pois e uma obra de arte da natureza quero te dar prazer, ela ainda mais surpresa com o meu depoimento disse assim acho que vou gozar aqui mesmo falando nisso ela deu carta branca bom eu imaginei sem falar mais nada fui direto pra um motel entrando na portaria ela sá olhava sem falar nada eu pedi uma suíte luxo completa.

Na garagem do quarto do motel desci do carro abri aporta e ela dentro do carro ficou ligo o ar e volto pra ver o que estava acontecendo fui ate ela abri a porta do carro estendi meu braço dando-lhe a mão falei, por favor, venha ela olhou e disse quero ver ate onde isso vai dar.

Já dentro do quarto ela para no centro eu tranco aporta ela olha a hidromassagem eu chego por traz abraço-a bem forte ela não reage cheiro seus cabelos alojo minhas mãos em seu abdômen e encosto no seu traseiro hum há muito tempo que eu queria fazer isso fico tirando o maior sarro e ela parada igual uma estatua vire ia de frente olho em seus olhos vou encostando meus lábios no seu ela de olhos abertos eu dou um selinho volto à cabeça para traz e espero uma reação dela mais nada, pergunto a ela si quer ir embora ela me dar um beijo soca sua língua na minha boca eu a sugo com força e aperto seu corpo contra o meu passando as mãos por todo seu corpo levanto sua blusa tiro sua calça sua sandália em poucos minutos estava-mos nus e abraçados pequei no colo leve ia para o banheiro abri a ducha e nus molhamos ensaboei todo seu corpo lavei sua bucetinha que estava raspadinha bem lizinha o seu cuzinho dei um trato especial terminamos peque ia no colo novamente e coloque ia em cima da cama redonda e grande pequei a toalha e sequei aquele corpo maravilhoso sá a xaninha que suguei feito um bezerro desmamado ela gemia alto virei a coloquei a de quatro e chupei seu cu e sua xaninha ela gemia rebolava e gemia batia na cama foi ai que ela disse vai seu safado chupa com força que vou gozar chupa safado filho de uma puta bate na minha bunda porra dei-lhe uma tapa que ficou a marca dos cincos dedos e ela gritou e chorou AI AI AI AI AI to gozando na tu boca safado, o meu pau estava duro feito rocha ela si tremia batia na cama eu com um dedo atolado no cuzinho dela passava a língua e beijava e ela de quatro ela cai na cama fico olhando aquele corpo tremulo todo suado que visão não imaginei que aquela mulher fosse tão safada e puta uma cadela no cio.

Ela bate no traseiro diz mete na minha xana mete seu puto eu quero assim mete coloquei um travesseiro embaixo dela seu traseiro ficou do jeito que eu queria eu com meu pau de 20 centímetros subi em cima dela e soque na sua xana bem no fundo ela gemeu e fiquei deitado em cima dela parado sua respiração ofegante seu corpo suado,comecei o movimento de vai vem de vagar ela rebolava seu traseiro em baixo com o pau socado nela bombei forte nela, falava em seu ouvido sua cadela safada, vadia toma pau safada hoje vou-te arromba vou comer esse teu cuzinho essa tua bucetinha safada vou deixar em carne viva sua cadela ela sá gemia ai.

O teu namoradinho vai te buscar amanhã e vai te encontrar sá o bagaço no trabalho toma safada vire ia de lado abri uma perna dela com uma mão e a outra estava segurando um seio dela ficamos assim pouco tempo ela saiu e veio cavalgar a agarrei ela sugando seus seios enquanto ela subia e descia no meu pau ela começou a chorar alto AI AI AI AI AI vai porra soca com foca estou gozando de novo AIAIAIAIAIA essa eu não aguentei e gozei junto batendo em sua bunda urrando beijando sua boca sugando seus seios xingava ela de vadia gostosa

Ela de meu tarado safado ela desmaio em cima de mim eu a abracei e dormi assim acordei com ela saindo de cima. nos meio que exausto falei vamos pra hidromassagem gostosa?Liga que vou fazer xixi coloquei para encher e já fique lá dentro deitado pensando que mulher mais cadela vou comer esse traseiro já, quando ela sai do banheiro eu levanto ela pergunta si quero água digo que sim fui ao banheiro dei uma bela mijada lavei o pau que estava vermelho pra cacete da trepada com a cadela,ao voltar pro quarto vejo ela na hidro com uma latinha de cerveja e uma garrafa de água mineral entro na hidromassagem sento do lado dela e ganho um beijo na boca logo o pau de sinal de vida ela nota e pega nele tomo um gole de cerveja pra relaxar e deixo um pouco na boca e encosto a boca em um seio dela que leva um susto pela a cerveja que esta fria e na minha boca, mais tu e safado mesmo Rodrigo engulo a cerveja sugo seu seios subo pelo pescoço ate sua boca nisso a água já esta na altura certa ligo a banheira de hidromassagem começa a de novo o esfrega, esfrega ela mergulha e vai chupar meu pau e deixa o cuzinho ali na minha frente passei saliva no dedo e toquei no cuzinho dela que deu uma reboladinha.

Ela me beija gostoso e um beijo bem demorado me olha e diz você vai com cuidado e devagar, pois eu nunca dei meu cu e si tu vai comer mesmo ele quero que você coma bem gostoso, levantei fui a uma sexta que tinha perto da cama e pequei um potinho de creme, falei pra ela ficar de quatro ela ficou do lado mais raso da banheira aquela visão era tudo de bom que maravilha pedi para bater uma foto do celular ela disse não eu também não insisti abri o pote melei o dois dedos e passei em volta do cuzinho ela começou a rebolar e soquei os dois dedos bem devagar ela gemeu aiai devagar seu bruto eu disse a ela fica quieta sua cadela que vou arrombar teu cuzinho sua piranha tarada,

Passei mais um pouco de creme e empurrei no cu dela passei no meu pau que estava na posição de ataque e fui encostando a cabeça já tava a metade tirei por ela ter reclamado meti um dedo e fiz vai vem ela sá aiaiaiai coloquei a cabeça de novo e fui empurrando passou a cabeça e parei pra ela acostumar ela chorava e fala que eu era mau eu batia em seu traseiro e chamava-a de cadela ela começou a rebolar e disse me arromba porra vai safado arromba meu cu, eu fui socando agora sem parar ate encosta o saco na sua xana que estava toda inchada das chupadas que dei nela quando topei no fundo do cu dela fui ao seu ouvido e disse estou todo dentro de você piranha tarada, cadela no cio agora você vai ver uma coisa e comecei a mexer devagar ela rebolava eu aumentei a velocidade dando km no bruto ela chorava gritava urrava eu batia no traseiro dela puxava o cabelo metia a mão por baixo para bater um sisirica e batia na xana dela. vai cara lho fode esse cu fode gostoso seu puto,tarado fode tua cadela vai aiaiaiaia vai ta gostoso de mais estou toda arrepiada vai porra AIAIAIAIAI como e bom dar o cu vai acho que vou morre to gozando vai com força AIAIAIAIAI eu senti quando o cu da vadia apertou meu pau e não resistir e enchi o rabo dela de porra, gritando to enchendo esse cu de porra toma cadela safada toma e tapa comeu no traseiro dela que uivava feito uma cadela no cio eu agarrado na cintura dela puxava com força água si espalhou pra todo lado e nos caímos na banheira já quase seca.ficamos um pouco ali deitados olhando um pro outro ela falou quando eu quiser da o cuzinho pra você posso te ligar? claro que sim sua safada e dei um beijo gostoso nela.

Banhamos-nos a deixei na casa dela já 03h00min da manhã e antes de chegar em casa tomei uma latinha de cerveja que tinha trazido do motel pra ficar com cheiro de cerveja e não de sexo, espero que gostem, pois foi real e hoje tenho 2anos que trabalho na empresa e já comi o cu da telefonista varias veses ate no caminhão, pois ela fez uma viajem no fim de semana essa depois eu conto. (sou moreno,1.89 alt,100 kg, olhos verdes meu pau 20c ela gostou demais).

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto erotico revistando bundudabisexual contoscontos meu irmão e eu betinha vendo comi a amiga da minha namorada contoscontos eroticos mulher e cunhada jogoEu e meus amigo filha contos eroticosaposta inversão contos eróticosnois ta bem aparentado doido pra comer bctcontos erótico.filho fez chantagemcontos eróticos pau no sacovídeo de bocado de mulher dançando de fio dentalbucrtinas novinhasmeu amigo me deu a sua esposa contoscontos eroticos de velhoscontos erotico gayconto erotico incesto sonifero filhamoças peladas passando margarina no corpo inteiro ate no cua menina da latinha contos eroticoscontoserotico filha do amigoconto erótico gay fui comido no internatoconto erotico ficticio de escravascontos erotico sobrinha novinha mais muito safadinhaconto eroticos comi minha vizinha de 7aninhoscontos eróticos de gay comi o amigo do meu filhoeu confesso incestovoyeur de esposa conto eroticoenteada é chantageada pelo padrastocontos eroticos bebadavídeo XVídeos mulher que tem um pingado sensível trocou gozouminha mulher adora ser brechadacontos eroticos estuprada selvagem ate cu arrombarammeu marido bebeu e meu cunhado me comeucontos eroticos me xinga de piranha puta e meu marido de cornobucetas gostosas e grandes e bonita cm tela bem ajustadaTransei com minha quando agente brincavacontos eroticos flagrei minha filha com o vibradorcontos eroticos espiei minha tiadei o cuzinhu bem gostoso contoscontos sogras casadas que metem com genrotransei com meu com meus dois professorescontos eróticos mulheres q chega em casa e o marido desconfia porque está arrombadafilm caseiro mulhe casada zoofiiliaescravizando minha funcionaria conto eroticoconto padrinho e afilhadacontos eroticos arrombando a gordaconto erotico meu inquilinoconto erotico gay chupando tio bebado#contoseroticosnainfanciacontos minha mae minha puta 23cmconto erótico de minha esposa com andarilho pausudoContos eroticos nao tira a camisinhaComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paicontos erotico casal e amiga uolrelato erotico meu cachorro comia meu cuzinho quando meninacuzinho de entiada contos veridicoEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DE CALCINHA FETICHE OLHANDO ESPELHO MINH BUNDAlavando a xana scheila carvalhoxxx conto Incesto+Minha mae saiu comigocontos eroticos brincando com os filhossamba porno zool conto de incestopornô Mudei minha mulher pagar minha dívida com a b***** quando foi eudindinho comeu meu cuzinhocontos traindo com garoto de programacontos eroticos sodomizadoo a bucetinha da coroacontos eróticos fui visitar a esposa do meu tio Ela tá de babydollconto erotico funkcontos eroticos meu amigo comeu minha mae e minha namoradacontos eróticos irmão mais novoVem amor segure a rola dele para eu sentar em cima, vem meu corninhomeu pai me insino a fudecontos eroticos de esposa fazendo o marido limpar sua bucwta goAdacontos filha menor pai banheiroqueria que minha esposa me traísse contosmaravilha conto heteroconto erotico viado novinho escravizado por coroa malvadocontos comiminha primaContos e vidios eroticos marido tenta convese mulher a fazelo de cornocontos erótico minha mãe prefire minha rola grossachantageada e humilhada pela empregada negraContos pornos-enrabei minha mulher com nossas filhas olhando