Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TIVE QUE PAGAR COM MINHA MULHER - AGIOTA



Aconteceu a 2 anos atrás. Estava trabalhando em uma boa empresa, e o que ganhava era razoavel.

Minha mulher tambem ganhava razoavelmente bem e levavamos uma vida sossegada.



Porem minha mulher casou virgem comigo e depois de um certo tempo de casados (10 anos), começamos a entrar na monotomia. Ela reclamava muito que nunca teve outra experiênxia sexual e que adoraria transar com outro homem, para ver como é". De certa maneira eu até dava razão para ela, mas como libera-la, para qualquer um. E o medo dela gostar e virar mania, sabe como é, liberou uma vez, tem que liberar outras.



Ela tambem falava que queria mas não tinha coragem, pois tem muito medo de doenças venéreas e Aids, e com isto eu ia levando, comendo ela a cada duas semanas e a coisa se tornando cada vez mais insossa.



Passou um tempo eu fiquei desempregado, depois de alguns meses fiquei sem dinheiro e ela quem pagava tudo, algumas mulheres um pouco mais velhas ( e este é meu caso), são de uma geração, que acham que o homem tem que providenciar tudo, e ela começou a achar "que estava fazendo demais", pagando tudo e via que ela tinha cada vez menos interesse em mim, ela até chegou a falar em divárcio.

A questão toda que eu via era o dinheiro, faltou dinheiro, faltou amor, falta sexo, falta tudo.

Minha esposa tinha na epoca 43 anos, bem conservada, ja tinha feito duas plásticas e estava em cima, várias pessoas ja tinham me perguntado se ela era minha filha, e isto porque eu tinha 48 anos, não que eu estou acabado, era minha esposa que estava "bem cuidada".

Da ultima briga ela me deu um ultimatum, ou eu arranjava alguma coisa para fazer que desse dinheiro ou ela me abandonava, pois ela ja estava cheia de pagar tudo.



Foi ai que fiz a maior besteira, em todo bairro, tem seu agiota, e como vivia andando por ali sem ter o que fazer um dia este agiota, me ofereceu dinheiro e, quem esta desempregado, e risco de perder a familia, sei que é errado mas aceitei, pedi R$10.000,00 e paguei, tudo que estava atrasado, cartão de crédito, limite de cheque especial, etc.



Minha esposa nem desconfiou, para ela eu pagando as contas estava bom,, para ela o que interessava é que o dinheiro entrava e nem queria saber o que eu estava fazendo. Mas sentia que ela não se satisfazia comigo, ela sá gozava com sexo oral e quando eu a masturbava, a coisa ia mal.



Sá que um dia voce tem que pagar para este agiota, sá que eu não tinha o dinheiro

Quando o agiota, ficou sabendo, não quis saber, ou eu pagava, ou morria, como não tinha dinheiro, comecei a fugir dele, porem ele sabia onde eu morava e num belo dia me parou na esquina de onde eu morava com mais dois caras bem fortes, e entraram comigo em minha casa tranquilamente.

E começaram a me pressionar lá, estavam armados e tudo mais, depois de umas duas horas minha esposa chegou, e justo aquele dia ela tinha ido com um vestido bem decotado. Quando ela entrou em casa e viu aqueles três homens armados e me apontando uma arma, ela perguntou o que estava acontecendo, ela achou que era um assalto, logo o agiota foi falando do que se tratava, e perguntou se ela não pagasse eu ia morrer. Minha esposa assustada fez aquela cara que nada podia fazer, foi quando o agiota disse, que eu podia pagar de outra maneira, com a minha esposa, vi que desde que ela entrou ele não tirava os olhos dela, chegou a fazer um acordo comigo para cada transa dele com ela ele descontava R$1.000,00 de minha divida, de tão assustado não conseguia falar nada, para ele foi "quem cala consente", minha esposa tentou correr e eles a seguraram e a levaram para o quarto e obrigaram eu ir tambem, deixaram eu sázinho com ela no quarto por dez minutos para "tentar convence-la, por bem".

Ela não queria de jeito nenhum, mas a fiz ver que se não seria por bem seria por mal, e ela mesmo não tinha a vontade de transar com outros!!!!!!

Ela me olhou com aquela cara, "mas não era desta maneira", seja como for os dez minutos passaram e os caras entraram, sá via dois deles arrancando a roupa dela, e o outro me apontando a arma, logo ela estava nua na cama.

O agiota que não era tão velho deveria ter uns trinta e poucos anos, foi para cima dela beijando e mordendo os peitos dela que são bem volumosos, minha esposa tentou ficar estatica sem mostrar interesse, mas quando ele colocou a boca na boceta dela, ela se entregou, mesmo porque eu ja estava vendo que ela queria mesmo, sá faltava o motivo, como a situação, era a força, creio que para ela foi até mais facil deixar a coisa rolar. depois do sexo oral, o cara tirou a roupa e tinha um cacete bem maior que o meu, minha esposa sem o cara falar nada, caiu de boca no cacete dele, o cara delirou, colocou ela na posição frango assado e mandou ver de uma vez sá, ela gritou porem transou as pernas em volta dele e deu "uma chave inglesa no cara", o cara bombava tanto que minha esposa revirava os olhos, até que em dez minutos o cara gozou tanto que minha esposa desfaleceu. O agiota aproveitou saiu de cima dela, se recuperou rapidamente ( o pau dele subiu de novo), pediu para "o segurança dele" colocar na boceta dela, ela ficando por cima, e ele esperou minha esposa voltar ao normal, quando ela abriu os olhos o segundo estava mandando ver na boceta dela, ai então o agiota, pegou um KY, lambuzou o cu de minha esposa a vontade, e colocou o cacete dele no cu de minha esposa e foi enterrando, ela gritou que até fiquei com medo dos vizinhos escutarem, mas o agiota teve dificuldade, porque era um cu virgem, mas conseguiu enfiar tudo no cu dela e ficou bombamdo varia vezes. Sá sei que ela sendo bombada dos dois lados em uma dupla penetração, gozou diversas vezes e falava coisas desconexas, sá sei que ela gozava e os dois gozaram dentro dela juntos.

Eu sá olhando e ainda fiquei de pau duro, os dois sairam dela e me falaram que o serviços estava acabado para aquele dia e pagamento, porem o terceiro queria tambem, como minha esposa estava bem arrombada e nem aguentava ficar sentada o cara tirou o cacete, enfiou no cu delas umas três vezes, como era o cacete dele era menor que o do agiota, entrou com mais facilidade, ele tirou fez minha esposa abrir a boca e enfiou tudo dentro e gozou, fazendo minha esposa engolir tudo de uma vez.

Os caras desceram comigo, tomaram ainda a cerveja que tinha na geladeira, agradeceram pela esposa gostosa que eu tinha, e fizeram a conta de quanto eu ainda devia, se não eles voltariam, para cobrar de outra maneira e foram embora.

Subi rapidamente para o quarto e minha esposa estava tentando se levantar com dificuldade, ela me olhou meio envergonhada, levei a para a banheira e ajudei ela tomar um banho, depois a deixei dormir umas horas, ela acordou depois e veio conversar comigo e disse que apesar de tudo ela gostou muito e o que eu achava de tudo isto.

Falei que eu tinha sido o que causou tudo aquilo e por mim não faria nada, ela sorriu, disse que de certa maneira se realizou e assim não ficaria com dor de consciência.

E ainda quis transar comigo e transamos como nunca.

O que me preocupa é o resto da divida.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


gozou na buceta da garota que o odiavaos melhores contos de gang bangcontos erotico de filho travesti bundudocache:tCqBSJiMNvAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_6_13_orgias.html porno comendo a novinha que estava estudando pelo notbookcontos eroticos de ninfetas transado com cavaloMeu tio que chupa no meu peniscontos genro chantageando sogracontos eroticos toplesscontos veridico de priminhaconto gay perua escolarcontos eroticos excitantescontos eroticos arrombando a gordacontos chupei minha namorada a forçacontos sexomete mete contoconto gay compradecontos de incestos na madrugada ele se encaixou em mimFoto picudo estotando a bucetinha da casadacontos coral eroticosai meu cu ta doendo rregassa ele amoconto erotico meu marido ficou bebado e aproveitei a festaconto irma com tesaocontos enrabando sobrinha da minha mulherconto elotico mae safadarelatos de meninas que quando viu ja engatou com seu dogconto erotco mae chora no pau fihoContos enrotico em montes claros mgcontos cheirando pezinho de travecocontos eróticos transando com o cara do carnavalcomtos d primos d 30 cumemdo cusinho d priminhas d 15conto sexual com cadela zoofiliahistória de contos erotico com novinha da vila senta no meucoloesposa puta do meu tio corno contoContos eroticos de sexo com sogra luciaMimha mae me obrigava dar a peluda para o picudocontos eróticos gay EMMO o maconheirocontos comi i cu da amiguinha da minha folhinhaIncesto com meu irmao casado eu confessocontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelConto erotico um travesti me algemouconto erotico comendo mae do analamigoirmã transformassem roupa vídeos pornô doidomeu a chapeleta do vovô contos eróticoscontosesposasnapraiaContoseroticosviolacaodei a Bundinha gostosa Contosputa irmão contoconto menage masculinoCostoza andano d calzinha pela cazatranse com meu pai no onibusContos eróticos sogra Lúcia coroacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentelesbica conto professora fisicaConto novinha o macho pirocudo tirou minha virgindademenino pau grande me arrombou o cu contostitio me estuprou. tinha 7 aninhos incesto. analporno coroa da boda mole de fiodetaocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos eu e a minha cunhada pamelacontos eroticos eu e meu maridoSou negra e dei gostoso contos eroticoscontos de eroticos de casada fogosaRelatos eroticos dê estupros em oficinas de carrosconto gay minha mae me fez usar calcinhaa coroa contos eroticoscontos eroticos arrombando a gordacontos minha irmã cuzudacontos anal infancia chorou incestoporno aspanteras foi supeendido por minha titiacontos vendedora safada adora leitinho na bocaConto erótico incesto pai comendo cu da filhacontos eroticos .na pica do meu filhãosonhar q mulher está bulinando outra nulhercontos eróticos sentada no colo do padrasto na frente da mãe na hora da jantaeu vi uma pica toda arregaçadaSou casada meu marido viajou e meu vizinho me fodeuconto eu e a minha mulher fomos a um praia e uns muleques nos deram ums bebidas e fuderam a minha esposaporno comendo irma que tava perturbandomeu marido me fez de puta conto eroticocontos bunda cu bebadaconto erótico de iniciaçãoconto de tio e sobrinhaconto minha tia fica pelada na minha frentecontos eróticos gay esfregacao entre pai e filhocontos eróticos incestos a bucetinha da minha filha é so minhacontos de incesto pequenina