Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DE SAIA NO TRÊM LOTADO.

Oi, meu nome é Fernanda tenho 19 anos e eu moro no Rio de Janeiro, depois de contar alguns casos q aconteceram comigo ou que eu aprontei a amigos que tenho no Mirc resolvi escrever aqui.

Bom, pra saberem um pouco + de mim: Sou branca, tenho cabelos lisos castanhos com mexas loira, olhos castanhos, 1,67 de altura, 58 quilos, tenho pernas grossas, bumbum grande, seios pequenos pra médio e a xaninha eu costumo variar, as vezes esta carequinha outras peludinha mais sempre cheirosinha.

Hoje vou contar o que acontecia comigo ano passado quando eu ia pra escola, eu moro na Zona Norte e estudava no Centro, no horário da manhã então pra não ter que pegar trânsito eu ia de trem da escola, tinha uma amiga q ia sempre comigo e tinha um garoto que ia tb às vezes.

Todo dia era a mesma coisa o trem sempre vinha lotado, agente se espremia dentro dele, e todo dia tinha uns caras que passavam a mão e roçava em mim e na minha amiga.

Com o passar dos dias comecei a reparar que eram sempre os mesmo caras que faziam uma rodinha na gente e ficava se aproveitando da gente o garoto que ia com agente foi reclamar com um dos caras e acabou tomando um soco, os amigos dele ainda roubaram o dinheiro, relágio e mochila desse meu amigo. Nesse dia fiquei assustada e um deles falou pra mim que nada ia acontecer comigo nem com a Patrícia minha amiga que ia sempre comigo.

No dia seguinte eu e a Paty fomos pra escola sá nos duas, pois o garoto q ia com agente disse que não iria mais de trem pra escola, e como sempre os caras ficavam passando a mão e roçando na gente, era sempre do mesmo jeito, um cara parava atrás de mim e os outros ficavam em volta pra disfarçar o cara que ficava atrás colocava o pau pra fora e esfregava na minha bunda, ele passava a mão e apertava tb meu bumbum passava a mão na xaninha sempre por trás pra não chamar a atenção, eu ia sempre de calça pra escola eles sá passavam a mão por cima da roupa mesmo, no começo ficava um pouco assustada mais depois fui gostando, eles colocavam papel com o numero do telefone deles no bolso da minha calça (mais eu nunca liguei), às vezes colocavam ate dinheiro o que eu não gostava era que eles gozavam em mim deixava minha calça toda suja, sempre que eu chegava na estação tinha que ir ao banheiro limpar a calça.

Era sempre na ida pra escola, por que na volta eu voltava de ônibus ou de carona e ficou assim ate o final do ano, eu e a Paty sempre íamos de trem sempre no mesmo vagão chegamos a ganhar ate calcinhas e sutiãs deles.

Então quando já estava no fim do ano a Paty teve uma idéia, ir pra escola de saia em vezes de ir de calça como sempre agente ia, eu topei então combinamos as duas de ir de saia e levar a calça na mochila pra vestir quando chegar na escola.

Eu fui de tênis branco, blusa da escola branca, saia preta curtinha (tipo as q a Sabrina usava no BBB) e calcinha e sutiã de renda vermelho.

Nesse dia foi a ida pra escola mais demorada da minha vida, quando entramos no trem os caras olharam pra gente e sorriram, rapidamente eles fizeram a rodinha como sempre, o cara que ficou atrás colocou o pau pra fora e ficou roçando na minha bunda, eu sentia o pau esfregando na minha calcinha, ele começou a meter a mão por de baixo da saia colocou minha calcinha de lado e ficou me alisando e enfiando o dedinho em mim, ele me abraçou forte e esfregou o pau na minha xaninha dava pra sentir ele tentando entra, quando eu sentia a cabecinha entrando eu me mexia e não deixava ele encaixar, ele tava sem camisinha e ficou bombando em mim com o pau esfregando na minha xaninha mais em meter ele gozou e me lambuzou toda fiquei toda gozada então veio outro pra trás de mim e ficou esfregando tb ele esfregava o pau por trás e colocava a mão pela frente na minha xaninha ele chegou a meter mais eu tirei então ele ficou me tocando e roçando ate que eu gozei e ele tb.

Quando chegou na estação eu soltei e fui direto pro banheiro de limpar e vestir a calça eu tava com a calcinha toda gozada, a Paty ficou com a calcinha rasgada eles tb meteram nela.

Nos duas nos limpamos vestimos a calça e fomos pra escola, esse foi o ultimo dia que andamos de trem juntas pra ir pra escola, foi uma viajem das mais demoradas e tb das mais prazerosas.

Ate hoje tenho a calcinha gozada sem lavar, às vezes pego ela, lembro desse dia e me masturbo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos dando a bunda pra um caralhudo porn contos eroticos casada amarrada e violentadacontos eróticos homem maduro gostoso da pica grande f******contos eroticos minha mulher piranhaconto erostico negrinha gritouconto erótico topless esposa e cunhadosContos eróticos uma menina virou putinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentetravesti novinha de 15 aninhos contos eroticosContos travestus fudendoconto gay meu amigo chupou um cacete para fumar crackcontos mulher casada da o cu pro cãocasa contos para de gozar puta castigadaesposa puta do meu tio corno contocontos eroticos garotinha pequenacontos eroticos fudendo com uma travestidei a bunda contosContos eroticos irma rabudaconto meu amante me arromboucontos ex namoradaContos Eroticos: Fudendo com cavalo(Verídico)contos negao limpando quintal da casadaconto lekecontos eroticos filho da minha vizinha amante maravilhosoconto erotico minha sobrinha de toalha enrolada no meu colovideos de motoristasbatendo punhetascontos. negra sequestrada e estupradacontos eroticos de tio fodendo o cu e a bosetinha da sobrinhacontos eróticos mamãe pediu pra mim fazer sexo com elaconto erotico gay chupando tio bebadoContos afeminado c shortinho socadominha mulher com o mendigo contocontos prima gostosa e casada do cu pro cão e pro prímo zoofíliamulher passa leite condensado no rabo contocontos de madrasta bi, madrasta bi frz sexo com sua entesdacontos negrinha bundudacontos eroticos gay eu inocente deixei meu primo lamber meu cusexo em okinawa casada flaganoiva putinha titio velho caralhudo safado noivo corninho manso safado contos eroticos com fotoscontos eróticos rasgando a calcinhacontoserotico mendigo fudendo madamecomendo a irmãzinha no riacho contoscontos dormindo nuacha de buceta conto erobucetao gozando ufazoofilia a chapeuzinho vermelhoconto: crente safada da ccb em swingContos eróticos genroconto deposito porracontos eróticos pai f****** junto com mãe e filho e filhacontos eroticos de incesto inversão com mãe e filhinhoprimo gay da namorada contostravesti Franciellecontos eroticos com faxineiro taradofoi buscar a cunhada para a festa e meteu gostoso nelatanga contos eróticoscontos sexo minha esposa e sua familia especialConto de mulheres que transam com animaisContos eróticos estuprada no ónibusconrtos estrupo minisaia casadaconto gay a rodoviariameu marido adora me ver toda gozadaEncoxando a enteada no trem contoeroticoencoxada no onibus conto eroticomoreno gostoso contos gayconto erotico meu pai se casou com uma travestiContos erotico irmã e sobrinhaxvideo esposas perunta para o marido se tagostando q a rola e gostosaincesto.vendou.seu.irmao.para.comer.sua.bucetahttp://okinawa-ufa.ru/conto_204_estuprei-minha-sobrinha....htmlperdi virgindade contos gaycontos erotico de puta fudendo com velho safadoporno fui rouba meu irmao tomei.no cu abusadaesposa e filha dando cu pra um mendigo/conto eroticocontos eróticos de i****** avô e avó juntos f****** a b***** da netinha novinhasexo.pirralho.fode.a.minha.maecontos eroticos dei pra varioscontos eroticos mulheres trazando no carnavalconto gay porteirocheirei o fundinho da calcinha usada da minha tia safada contos"que buracao" gay contoadvogada casada contosconto erotico gay chupando tio bebadocontos seduzi minha mãe com o tamanho do meu pautransei com minhas filhas conto eroticosomos casadas e adoramos levar na boca e no rabo contos eróticoscontos eroticos policial forçacontos eróticos chuva molhadarelatos eroticos minha esposa me traiu com meu consentimentofudendo com manequim na fazenContos eroticos comi vizinha coroametendo pau gg todo no cu da mulher do cornoLiberadas contos