Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NA RUA DE SAINHA, A PUTINHA DO NEGÃO





Noite desejante. Os sonhos me buscavam e eu me encontrava louco-louca. Fogosa em minha minissaia rodada minúscula, tímida reveladora de um rabiho curioso. As cervejas fermentavam a vontade de ser menina nos braços de um macho qualquer. A blusinha rosa quasemulher.

Fui saindo do casulo... Quintal, calçada, rua...liberdade! A madrugada me presenteou com um olhar assustado-admirado-desejoso... Um negro jovem jovial se aproxima e eu, exibida, arrebito a bundinha, olho provocante. Safada sabe o que quer. Medinho. Entro no quintal e o observo parar, admirar um pouco mais e me chamar. Eu vou: "Oi gatinha"-diz ele. Me sinto o máximo:"Oi". Sua mão apalpa o volumoso do shorts. A noite quente: "Podemos conversar?". Um carro passa e me observa quase a parar. Me sinto uma cadelinha (adoro!) no cio: "Claro, entre"-respondo.

A garagem testemunha . Me ajoelho e ganho mamá. Mamadeira gigante, gemidos excitantes do meu negão. Cheiro de pau! Lambo as bolas bolete, a base, a haste, o beijo-boquete. Fogo! Minhas duas mãos não abarcam a superfície do tarugo imenso. Imensidão de delírios adiados. Acúmulo de putice na puta que agora estou. Camisinha, quase desnecessário lubrificar . Meu cuzinho chora, pidão. E ganha o garanhão. Rasgando, apagando o que resta do macho, manchando de rosa um destino que brilha feliz. Rebolando na pica picante, se acabando na rola gigante. Boladas em baixo. A púbis batendo, eu derretendo. Ele gemendo chamando:"Gostosa!". E eu, me achando:"Tesão!". A voz feminina- menininha meretriz, mereço. O que quer um cara que põe sainha e sai na noite? Adivinha? Tudo que eu quero e quiz ganhei. A primeira vez.

De frente sentei e beijei seus lábios. Ele apalpava, acariciava minhas costas com suas grandes mãos, pegava minha bundinha que subia e descia engolindo o mastro...Aiiii...Quase me esqueci do meu pintinho-o grelinho minúsculo de vadia. O gozo. A inédita tantas vezes repetida histária. Outro homem finalmente dentro de mim.

Nada mal. Nada mais. Sá o bem, o bom desejo nunca antinatural. A natureza me fez imaginosa e criativa. Os sonhos são reais. Em sonho sou menina e na real agora também, pois não podia ser diferente ali, ajoelhada, ganhando jatos de leite-moça na face-fácil. O rabinho arregaçado, quente ardente. Realizada.

Por fim beijo de tchau, o até mais no portão. Outras vezes, outras viagens. Eu - a namoradinha sapeca do negão.



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos safadezas entre famíliacontosconto erotico gay: arrombado por um japonesContos erotico padrasto pedindo para enteada gostosa experimentar calcinha e ela fica com o chotao todo de foraContos cornos pegado o pirocaocontos eroticos arrombou meu cu no quintalconto erotico bct deliciosahiatorias eroticas com amigo hetero contos de surubas inesperadasazscontos submissa crenteEstuprada pelos cachorros contos eroticoscontos detias eirmasconto de mulher casada. com lesbicasograscontoseroticocontos eroticos comendo minha sograguarda noturno maduro conto gaycontos dentistas safadacontos eroticos fiz sexo com sobrinho tia martafodendo amiga bebada contocontos horoticos verdadeiras pelotascontos comi a internadaembaixada angolana contos eroticoscontos eroticos novos comi minha irmamTravesti comeu minha sogra contoNovinha da o cuzinho contos eroticotraição xxvidiofudi.minha.cadela.da.buceta.inxada.Conto zofilia me atrasei pro trabalho casadas safadas me deu a calcinha usadas contos eroticoscontos eroticos na cachoeirameu vizinho m comeu ao meus dez anos contosgayhistórias eroticas com fotos de chantagem encestocontos eróticos de Zoófila - empregada foi amarrada e castigadaconto erotico minha irma me fez de privada humanahistoria de mulher cazada que deu a.buceta e o cuzinho por seu sogro na marra e ele tinha um pau enorme e grandebia cadela contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentezoofili negao magro com umaacontos erotico fui fudida no banheiro do posto de gasolina pelo tarado roludocontoserotico mendigo fudendo madamecorno de travesti contosmorena de seios gigantes e cintura fina fundendo com um homemcontos de lesbianismo no acampamento de escoteirascontos comendo a bundinha da dondocaCasa dos Conto a beira de uma suruba esposa casadaFlagra plugfodendo com desconhecido no motel contoscontos eroticos ele insistil que deixei tira camisinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemehoresfodascontos erotico com mim tia sem calcinhaconto erotico velho safadocontos de coroa com novinhopiercing no mamilo da priminhaContos eroticos novinha estuprada pelo borracheiroconto erotico de shortinho marcando fui abusada pelo velhocontos eroticos pegei carona e dormi com o camioneirocontos eróticos dívidi minha mulherContos eróticos bdsmesposa puta do meu tio corno contocontos eróticos babá olhando o volumeContos eroticos... Uma rapidinha com a cunhada de vestidocontoseroticosapostameu irmão me viciou em chupar pau conto gaymenininha e novinha sendo e******** contos eróticoscoleguinhas loirinhos gay novinhos trepandoCasada narra conto dando o cucontos eroticos aquele pintinhocontos eroticos arrombando a gordaesposa tomou um susto quando tirou a venda comtosContos gays passeando na rua vestindo langerie e vestidinhocontos adoro gozar com um pau no cuesposa amiga escrava conto eroticoconto com putinha novascontos nao tinha camisinhamasturbando com obras em xasa contoentregando a buceta na frente do marido cegovelhas gordas de 90kg nuaschaves metemdo pau em Chiquinhaconto hot meu marido deu o cucontos erotico gay comi meu pivetinhoconto de mulher transando com meninos novinhoscontos dexei minha mulhe tomando no cu na minha frente