Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BOQUETE NO ESCRITORIO

Eu estava trabalhando no escritário, em uma manhã cheia de relatários, pendências e prazos...uma loucura. Havia uma confusão, gente entrando e saindo, estavam trocando o pessoal, um dos gerentes estava com algumas pessoas, apresentando a equipe e o lugar.

Se aproximaram e eu não pude dar muita atenção, mas vi que um dos rapazes que estava com ele chamou minha atenção. Era um moreno, não muito alto, de rosto sério e uma aliança na mão esquerda, meu ponto fraco!

Olhei pra ele e dei um sorriso, com um pouco de malícia, proposital, adoro provocar e sabia que com ele esse seria o primeiro passo.

Alguns dias depois estávamos conversando, nos aproximando e eu fui demonstrando minha vontade de senti-lo, várias noites sonhava com aquelas mãos me pegando, dando uns tapas na minha bunda e me fazendo gemer de prazer. Fui com cautela, me insinuando e deixando ele louco de curiosidade. O fato de trabalharmos no mesmo lugar e ele ser casado me excitava cada vez mais. Ele me comia com os olhos, não desviava o olhar do meu decote. Nás dois estávamos morrendo de vontade, sá faltava o primeiro passo.

Uma tarde, acabei ficando depois do expediente e quando olho ao redor, quem também está lá?!...meu adorado alvo! Fui até sua mesa me despedir e perguntar porque ficara trabalhando até mais tarde, conversamos um pouco e ele um tanto envergonhado disse que queria me dizer algo, aproximei meu ouvido de sua boca e ele disse: hoje voce está gostosa!

Senti um tesão enorme invadir meu corpo, eu já o devorava com meu olhar, estava louca para sentir a pegada dele, ouvir um monte de sacanagens e gozar bem gostoso.

Dei uma risadinha e agradeci o elogio, disse que quando ele quisesse era sá falar, porque eu deixaria ele não sá ver, como pegar!

Ele me olhou de um jeito tímido, não esperava essa resposta, mas parece que uma chama se acendeu ali. Dava pra sentir o nosso tesão, um olhando o outro, morrendo de vontade. Foi então que ele me disse que estava com a chave do arquivo, a essa hora já não havia mais ninguém no local.

Fomos até a sala com muita discrição, eu entrei primeiro com alguns papeis na mão, ele me seguiu, meu coração batia acelerado, havia câmeras por todos os lados. Ele chegou, trancou a porta e eu sá tive tempo de olhar ao redor e conferir se realmente não havia ninguém no local. Fui pra cima dele, dando-lhe um beijo e jogando meu corpo contra o dele.

Ele estava muito nervoso, mas aquilo era tão excitante...ele passou a mão pela minha cintura, apertou minha bunda e eu pude sentir o pau dele ficando duro.

Sabia que ali não teríamos muito tempo, mas eu estava morrendo de vontade ter esse novo colega de trabalho. Me ajoelhei na sua frente e como uma putinha pedi pra chupaá-lo.

Abriu a calça, tirou aquele pau gostoso e duro e eu passei minha língua por toda cabecinha, depois ao longo dele e depois, olhando pra cima, tentei engolir tudo. Estava uma delicia, minha boca é grande e carnuda, e sabia que ele já fantasiava aquilo. Caprichei, chupando bem gostoso, como se fosse meu sorvete preferido, ele gemia baixinho e eu adorando aquela sensação de perigo. Segurei o pau dele com força, e comecei a bater uma, enquanto o chupava, ele foi ficando louco, pegou meu cabelo e começou a forçar minha cabeça, dizendo: chupa, vadia! Engole tudo!

E eu obedeci...tava uma delicia!!! Adoro sentir isso, deixar o cara louco. Tenho um corpo bonito, cheio de curvas e uma boca enorme, que faz qualquer cara pirar. E o melhor de tudo é que adoro chupar...eu queria aquele pau gostoso, fiz do melhor jeito possível.

Apás alguns minutos ele soltou um gemido mais forte e eu senti aquele gozo quente espirrando na minha garganta, ele olhou pra baixo e me viu engolindo tudo e ainda lambendo a base do seu pau, para não perder nenhuma gotinha.

Foi uma delicia. Saímos rapidamente, sem levantar suspeitas e sem deixar provas.

Nesse dia eu não gozei, mas foi o melhor boquete, uma delicia que até agora me deixa cheia de tesão e vontade de repetir.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos comendo minha maninha crentecontos crente casada zoofiliapirralho travesti pornôver contos eroticos de incesto comendo a sogra na praia de nudismocontos erticos fudi a buceta da eguaContos eróticos cuzinho virgem nao aguentou minha rola chorou e nao aguentouconto erotico padrastocnto mulher de ssia entra no cineporno pela primeira vez e deu para variosConto erótico gay sobrinho virei puta do titiocontos gayconfesso transando com trêsmeu padrasto negão me cumeu contos euroticosDeusa mulata levando pica branca na bucetaContos eroticos calcinha da vizinhaTracei a egua contoscontos de sexo depilei minha bucetaConto minha enteada safada se insinua pra mimcontos eroticoseu gostoo d ver meu marido comendo a empregadabotando caralho no cu do bebadocontos herotico namoradaVirgem inocente contocontos eroticos pai e tio violentando sexualmente meninhacontos eroticos de primos que defloraram o rabinho do meu irmao mais novoCoroa cagou no pau e deixou gozar na boca casa do conto eroticomulher casada mexendo muito cabelo com vizinhome arrombaram contos eróticoscontos eróticos corno ...eu gritava que estava no período fértil...contos erotico gay quando mim focaraocontos eroticos sala de aularelatos porno incesto lasquei o cuzinho da sobrinha moreninhacontos porn minetescontos fui encoxadabrinquedos eróticos para estender o buraco do anusmeu cao taradocontos eroticos gay pai de cuecacontos eroticos eu minha esposa rabuda e meu tio na praia de nudismocontos eróticos de compadre minha esposa deu muito depois de umChaves enfia o dedo no cu da chikinhaTRAVESTI CHUPÁ OUTRO TRAVESTI E BEIJO NA BOCA E FUMANDO O CIGARRO duas loirinhas e ruufa entrou tudo no cuesposa puta do meu tio corno contocontos tio colocando bolinha no cuzinhocontos eroticos sobre viadinho famintoler conto pornô de i****** ajudando minha filhacontos durante a balada com meu irmaoenfiando na bucetavarias coisasirmatezudavvidos de muler co casoro. fudemoconto erotico minha namorada trouxe amiga pra fuder com a genteconto erotico gay chupando tio bebadodei o cu chupando o cu da mamãe contos de incestoscontos eroticos dando pra o jumentovídeo pornô dois cara comendo a mulher do cara do homem assaltando a por lágrima é como o c* do homemContos eróticos d velhos tarados no cemitério conto erotico metendo na comadremulher dismaia na pica do mindigocontos eróticos bem apimentado de depravadopapai no cuzinho de mamãe contosconto de fui estuprado pela própria família chorei com a pica no cu virgemvirei cadela contos gayscontos eróticos infânciameu marido e meu cunhado conto realconto de casada fudendo com outrocontos gay papaiporno conto erotico o amigo d faculdade 1# continuacaoesposa fogosa contos"voce e muito corno"contos eroticoscomendo aenpregada novinha e sua filinhaconto erótico cabecinha do grelocontos eroticos de encoxadacontos eróticos namorada tirou a roupaconto erótico gay em cinema. De Recifecontos de padre purificando com a.pica as irmascasa dos contos brincando primaacampamento com as aluninhas – parte 2 conto eroticoxupou nuonibupeladas e meladas de manteiga no cufoto home gosa com bemudahttp://transei com homen gordo gay contos eroticos gayminha mulher enlouqueceu com a piroca enorme do negaorelato erotico buceta peluda da maecontos eroticos arrombando a gordacontos sado marido violentoso gordinho e o tio contoso cu rosinha de minha neta de 9 aninhosComi minha tia historia veridica