Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NA BIBLIOTECA DA ESCOLA

O conto que relatarei aqui ocorreu quando estava no segundo ano do ensino médio. Bom, eu sempre tive uma certa "inamizade" com um colega de minha sala, a gente não se dava de jeito nenhum: ele era muito folgado, tava sempre fazendo brincadeiras de mal gosto sá pra me irritar. Algumas vezes, brigas no intervalo e na saída aconteciam. Nunca houve consequências mais sérias, porém a gente não se gostava e ponto final.

Bom, o nome dele na chamada era logo apás o meu (por exemplo, Marcelo e Marcos, que provavelmente estão juntos) e a infeliz da professor resolveu passar um trabalho pra fazer e o critério de formação das duplas seria pela lista de chamada... adivinhem ?? Eu e esse meu "amigo" caímos juntos para fazer o trabalho. Bom até aí tudo bem, combinamos um dia e horário na biblioteca da escola pra fazer o tal trabalho. Lá na biblioteca

as mesas para este tipo de trabalho ficam atrás das estantes de livros, ou seja, os mesários lá que controlam a biblioteca não vêem os alunos que estão nestas mesas. A biblioteca sempre fecha as 17.45, e há uma luz vermelha que se acende nessa hora pra galera saber a hora de fechamento da biblioteca. Bom, adivinhem de novo ?? A gente não sabia o horário de fechamento e sobre essa tal lâmpada. Exatamente naquele dia a lâmpada queimou, a gente perdeu a hora e acabamos trancados na biblioteca.

era 19 30, nás dois morávamos perto da escola e as familias sabiam que ficaríamos ate mais tarde fazendo trabalho. Bom, aí eu cheguei até a porta e comecei a chamar por alguém para que pudessem abrir a porta pra gente, sá que nisso o meu amigo foi fazer mais uma das suas gracinhas e se chegou me encochando por trás. Eu fiquei puto, começou um empurra-empurra, que logo se transformou numa briga... A porrada dessa vez foi mais intensa, socos na cara, chute, etc. Eu sou um pouco mais alto e mais forte

que ele, porém a briga foi feia. Num momento de desatenção, eu tomei um chute dele, fui pra trás, tropecei numa cadeira e cai com tudo no chão. Na queda, eu senti uma dor muito forte no cotovelo (eu não sabia, mas tinha quebrado a cabeça do rádio, osso do braço). Nisso, o meu amigo Puto da vida comigo ainda continuou me chutando e tudo mais. Pedi pra ele parar mas ele nao parava, porque tinha apanhado muito. Aí ele usou as seguintes palavras: "vc nao gotou de ser enrabado ali na porta, agora vc vai chupar meu pau". Assim

ele abriu as pernas e se projetou em cima de mim... Eu tentava sair mas nao conseguia, pois meu braço doia muito, e ele abaixou o ziper e pos o pau pra fora. Ele foi chegando perto da minha boca e eu nao pudia me mexer muito... Quando ele encontou na minha boca, ele disse: "Agora chupa, seu viado".. Eu mantinha minha boca fechada e ele descobriu a dor forte que eu sentia no braço. Aí ele começou a dar socos no meu braço até que eu abrisse a boca... Não teve jeito, abri minha boca e ele botou o pau dele, ainda mole, na minha boca.

O pau dele começou a ficar duro, eu ainda relutava... mas a posição estava muito ruim para ele, aí ele se levantou e disse: "De joelhos..." Não pudia fazer nada.. me ajoelhei e ele começou a comandar o boquete... Nunca tinha feito isto, sempre gostei de mulheres, mas incrivelmente não estava mais achando ruim... Comecei a usar a lingua com mais força no pau dele. Alguns minutos depois ele virou e disse:"por que vc nao está fazendo nada pra evitar isso hein ?? e pq seu pau ta duro ?? Vc ta gostando seu cuzao ?? Entao tira sua roupa e fica de quatro"

Fiquei sem reação e parada por um tempo, ele ficou mais puto ainda e me deu outro soco no braço machucado... Me levantei então, meus joelhos doiam tambem, abaixei as calças e fiquei de quatro... Ele veio com tudo. No começo foi dificil entrar, mas depois começou a bombar... Doia muito e eu comecei a chorar.. pedia pra ele parar e ele parou um tempo depois, mas com uma condição: ele pegou uma daquelas canetas marca texto, cuspiu nela e enfiou totalmente no meu cu. depois disto, ele começou a pensar no que fazer, sentou-se numa cadeira e mandou eu ajoelhar no chão novamente...

ele ficou pensando um tempo, começou a andar pela biblioteca, tirou seus tenis e meias e a camisa... ficou andando mais um tempo e sentou-se novamente. Disse, entao:"Vem aqui mais perto... vc vai aprender a nunca mais me enfrentar... segura meu pé e limpe-os até tirar toda a sujeira..." quando pensei em pegar minha blusa pra cumprir a ordem, veio a segunda:" com a lingua..." 19 minutos lambendo os pés dele e finalmente limpei... Aí quando achei que tudo tinha acabado, ele me fez aproximar dele e continuar o boquete... Uns 5 minutos depois ele disse que iria gozar e que era pra eu

continuar chupando... prontamente atendi e ele gozou... Não quis engolir e ele nao me obrigou a isso mas bateu uma foto minha, com o pau dele na minha boca, como garantia de que eu iria ficar quieto e que não haveria retaliações... Até hoje me lembro deste fato, nunca mais ocorreu nada entre a gente e hj sigo minha vida normalmente.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de bebados gayschantageei minha mae contomadrasta pegou enteado vendo filme porno e alivioucomi minha sogra e cunhada velha gorda feia contos eróticoscontos eroticos.boquete da novinha menor de idadecontos eroticos japonesa casadacontos eroticos chupando grelorepercussão de video uma guardete transando na empresa. que trabalhacontos eroticos incesto em baile de mascaraconto porno gay cacoela me contou que estava com a buceta toda assada de tanto fuder com elecontos incesto minha filha fazendo fisting em mimcontoserotico amigo da faculdadecontos eroticos coroa casada executiva viaja sozinha a trabalho e trai com funcionario do hotelContos eroticos de travetis negra do pau grande e gostosos.Conto erotico apoata insanacontõs eroticos com paus mostruosos fudendo casais novinhoscontos convenci minha avo velha a fudercontos eroticos feiacontos eroticos de negros em hospitaisconto patricinha puta turbinadaabusada pelo filho contoconto erotico comendo minha vizinha carminha contos eróticos paty com negãocuzinho de irma relatoEu morava sozinho na cidade a filha do meu amigo ela veio do interior pra ela ser minha empregada conto eroticobucetarapadinha da sogracontos eroticos do de mamar para o filho da namoradax comtos eróticos eu minha mãe ocachorroqual nome da quela neguinha.comque grita alto no video pornovidios pornumulhe melansiacomedor de esposascache:_QX2Hi6UFVcJ:okinawa-ufa.ru/conto_15855_eu-e-meu-sobrinho-antes-do-primeiro-reato-meu.html conto eroticos.chupconto erótico gay Paiminha priminha titio contos eróticosconto de não aguentei a pica grande de meu avôconto erotico patrao pauzido do meu marido comeu eu e minha filhacontos de esposa como colocarconto eroticos com dentistamulheres lindas de cornos na minha casacontos eroticos marido presentea esposaboduda banhao banheiro calcnhaconto erotico enteadaninguém subiu para o meu primo escondido ele gozou na minha bocacontoseróticos chupei os peito da mamãeprovoquei o velho e fui fudidaContos Eróticos De Uma SenhoraCercada por varios contos eroticosContos d uma menina estrupada por taxistacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erótico meu avô tem uma pica muito grandecontos eroticos fui ao ginecologista ele me fudeucontos eroticos com subrinhascontos horoticos verdadeiras pelotascontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosMinha namorada deu a bucetacontoerotico.com/descabacei a ladracontos eroticos minha sogra de calcinha rendacontos erótIcos de mulheres viciada em fude com cochorrocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de sexo sogrocontos eroticos mulher santinhasminha esposa fica de mini saia na frente de meu irmao conto de cornoConto porno com escravo bem dotadoconto erotico gay chupando tio bebadoSoquei muito nela e ela pediu mais contocontos eroticos de mae danu filha para seu patrao comercontos eróticos acompanhante no hospitalencochando na croaciavídeos pornô comendo a b******** da cunhadinha de 62 kg na camacontos eróticos marido chega em casa e esposa ta dando pro cunhado e cunhada participandoamigo do meu filho contoconto erotíco fui sedusida nova e gosteicontos eroticos entre garotinhas novinhasso os dotaduscontos eróticos meu errocontos eroticos de incesto pai fodendo filhacomi minha amiga crenteUm cao mais novo do q 9 meses ele pode ficar engatado em mulhermeus dois professores contos eróticoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos incestos primeiro foi o meu irmão agora e meu paiconto erótico meu inimigo banheiroconto erotico a filhinha do meu tioConto comi esposa do meu irmao e gozei dentrotia sozinha e sobrinho contoscontos eroticos de estuprosno carnaval de ruaContos eroticos dinheiroConto comi minha mae no celeirocontos de sexo comi minha sogra no escuro sem sabersobrinho do meu marido mais nao queria 3 contos eroticos.