Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA SOGRA LEONOR

Tenho 46 anos, casado a 22 anos, resolvi contar aqui um dos dias mais gostosos da minha vida.

Um belo dia estava em casa sem fazer nada ai minha esposa me pediu para levar umas coisas na casa da mãe dela, Dona Leonor, uma coroa de 65 anos, 1,70m, cabelos curtos, gordinha e bunduda.

Desde que me casei sempre cobicei a bunda da minha sogra, porém nunca tentei nada com ela. Atualmente ela é viúva, mora sozinha.

Fazendo o favor que minha querida esposa pediu, fui até a casa da minha sogra. Lá chegando ela me recebeu e me convidou a entrar; sentamos na mesa da cozinha e começamos a conversar, era de manha e minha sogra ainda estava de camisola, ela sempre teve essa mania em casa de ficar de camisola. Percebi que ela estava sem soutien e dava para perceber seus peitos grandes e caídos pela malha da camisola. Confesso que fiquei excitado, meu pau começou a endurecer.

Conversamos bastante e o papo virou para o assunto sobre namoro, ai resolvi arriscar e perguntei a ela se ela não pensava em arrumar um namorado. Ela nervosa me disse que já tinha passado da idade. Quem iria se interessar por uma velha gorda de 65 anos. Ai eu disse a ela que eu me interessaria sim. Que ela ainda atrairia muito um homem.

Ela me sorriu e me chamou de bobo. Ai resolvi arriscar tudo, com as mãos acariciei os seios dela. Ela ficou assustada com a minha iniciativa; se levantou e começou a lavar a Louça que estava na pia.

Quando vi aquela mulher madura de camisola e chinelos em pé na minha frente, com aquela bunda grande virada pra mim, não pensei em mais nada, me levantei e a abracei por trás; ela suspirou e pediu “não”; mas eu queria sentir aquela coroa.

Sem dar a chance dela se livrar de novo, mordi seu pescoço, senti que ela amoleceu, ai pensei é minha chance, levantei a parte de trás da sua camisola, forcei ela pra que se debruçasse sobre a pia, abaixei a sua calcinha até os tornozelos, com as mãos abri a sua enorme bunda e comecei a lamber o seu rabo, da buceta até o cuzinho. Ela gemia muito, e isso me excitava ainda mais. Enfiei a língua na buceta dela, senti o mel que dela saia, uma delicia. Louco de tesão abaixei minha bermuda e cueca, meu pau estava duro como nunca tinha visto antes, comecei a esfregá-lo no meio da sua deliciosa bunda.

Encaixei a cabeça do meu pau na entrada da sua buceta, ela deu um pequeno gemido, não dizia nada, mas deixava, senti que ela era minha; a segurei pela cintura e enfiei tudo de uma vez, ela gemeu forte, ficou na ponta dos pés, estava muito úmida me pau entrou fácil, uma delicia. Ai ela me disse: “Vai rápido antes que chegue alguém”.

Comecei a bombar aquela buceta gostosa, minhas coxas batiam nas coxas dela, o tesão era imenso, a segurei pelos ombros e fui aumentando a velocidade, ela estava sem fôlego, gozou duas vezes enquanto eu bombava, e bombei por quase 20 miutos. Ela me disse que estava com as pernas bambas, ai resolvi gozar, queria encher de porra a buceta da D.Leonor, minha sogra. E segurando ela pelos cabelos gozei como doido, foi demais sentir minha porra espirrando dentro da buceta da D.Leonor, delicia. Fiquei alguns minutos engatado nela até recuperar o fôlego. Ela pediu para eu sair dela, ela me olhou assustada, eu a beijei, ela me pediu para ir embora e entrou no banheiro. Não quis forçar a barra e fui embora. No caminho de casa fui revivendo aqueles momentos, a maior foda da minha vida.

O manha em que comi D.Leonor minha sogra de 65 anos.

Tivemos outras experiências, mas isso conto numa práxima oportunidade.



GENRO



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos: sentei no colo do velhoQuero o pau do meu filho no meu cuos amigos do marido contos eróticosSobrinha casa dos contosmulher gritando pulando no pau grande pedindo maisbuceta Detinhasubrim jegue regasa tia e prima na camameu cu ficou rasgado e sangrando contoscontos nao tinha camisinhaConto gay gordo academiaNegras gordas maduras contando contos eroticosConto erotico prostituta safada demaiscontos acavala meu tio 12minha priminha contoooooooooooooooooohhh porracontos eroticos fui arrombada pelo motorista de onibus e dois passageiroscontos eróticos férias na África do sulporno brasileiro aregasou a buceta da maninha.comcontos eroticos amiga da minha mae velha coroa viuvacontos eroticos em portugalConto ertico de mulher santa catarinacontoeroticos namorada obedece outroTio comeu minha esposa relatoconto real espiando no buraco casal sexo chacaracontos eroticos colomete mete contoconto elotico mae safadacontos eróticos gay incesto com tio dotadobrincadeira de lutar comi o viadinho. contoshomem sendo estrupado en oficinacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContoa eroticos a vizinha feiavoyeur de esposa conto eroticosobrinho viadinho da titia tarada conto gaylisinha cheirinho de xixi conto eroticoContos eroticos forcadacontos comendo a sograContos eroticos mae e filho chuva dourada gozei sem camisinhaPuta merda!!!para!(conto teen gay)levei um nfegao pra comer minha mulher e ela axou muito grande a pica dele e ele ifio tudocontos erotico incesto com minha familia todaCONTO TRAVESTI COMEDOR DE PORRAcontos eróticos marinhacontos sobre velhos taradoscontos eroticos um bebado me comeu violentamentecontos eroticos de noracavalo rasca buceta da loira emterrando td rola19 filha menina rebolanochaves lambe a buseta de chiquinhacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteseduzi os amigos do meu filhocalcinhaenfianabundaconto erótico dando pra um mendingocontos eroticos irma virgemZoofilia contosa minha cunhada casada e saia justa contos com fotosfui pesca marido bebado e seu amigo eu confesoContos rebolo na caceteo cu rosinha de minha neta de 9 aninhoscontos eroticos iniciando os maridosMinha esposa obesa dormiu bebada e abriu suas pernas e meteu contoContos corno bravo levou no cu na marraContos eróticos arrombei a linda noiva santinha do meu vizinho ciumentoSoquei muito nela e ela pediu mais contocontos eroticos de ninfetas transado com cavalotapa na bunda contos gayscontos meu corno viadinhoentregando a buceta na frente do marido cegoSou casada mas o mulekes me foderam contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos minha esposa rabudaafilhada carente contocontos minha mae a putona do bairrocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoshomen do pau bem grasso gozando dentro das bucetas e cúpau etrano de maujeito nu cu porno com muitadorMinha madrinha ela mora sozinha com sua filha eu vou sempre na casa da minha madrinha fuder ela eu fui na sua casa ela tava sozinha eu fui com ela pro seu quarto eu tava fundendo ela sua filha chegou sem fazer barulho ela entrou no quarto ela viu eu fundendo minha madrinha ela disse pra minha madrinha que ela queria perder sua virgindade da sua buceta minha madrinha disse pra ela tirar sua roupa pra ela deitar na cama eu chupei sua buceta virgem raspadinha minha madrinha disse pra ela chupar meu pau ela chupou meu pau minha madrinha disse pra ela abri bem suas pernas minha madrinha disse pra eu meter meu pau bem devagar na buceta virgem dela conto eroticoconto padrasto eintiadochortinho q deixa as magrasgostosascontos eroticos de alunas e professores de educacao fisica