Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENFIANDO NA MINHA IRMAZINHA DORMINDO E GOZANDO

Bem, o que aconteceu foi alguns anos, quando por motivos financeiros tive qie morar na casa da minha irmã mais velha. Trata-se de uma mulher sarada, seios medios, pernas malhadas, e uma buceta bem peluda e grande.



Viviamos nesta casa, eu, minha irmã, seu marido e seus dois filhos. Assim que fui morar em sua casa, minha irmã disponibilizou uma quarto sá para mim, que ficava de frente para a porta do seu quarto. E eu, como tenho um tesão enorme por mulheres mais velhas, todo dia batia uma punheta pensando em minha irmã. Com o passar dos dias, minha irmã começou a ficar mais a vontade com a minha presença e passou a andar em casa sá de calcinha e sutia, aquela visão era maravilhosa para as minha punhetas.



Em um certo dia, decidi que iria me arriscar um pouco mais. Passe a observar a minha irmã tomando banho pela janelinha de vidro que tinha em seu banheiro, aquilo me proporcionava punhetas maravilhosas, ve-la nua. Ela passava bons minutos se olhando em seu espelho que tinha no banheiro, enquanto isso eu tocava a minha punheta ate gozar loucamente.



Um certo dia seu marido viajou para clinicar no interior, ate então tudo bem, sá não contava que a minha irmã tinha marcado uma saida com uma amiga, muito gostosa tambem. Sairam por volta das 8pm e para a minha surpresa chegaram as 1.30am. Minha irmã me acordou, para pedir que eu ajudasse a colocar um colchão no seu quarto para que a sua amiga pudesse dormir, nisso pude perceber que ela havia bebido muito, então logo pensei: "Essa é a minha chance."



Coloquei o colchão como ela havia me pedido, e voltei para o meu quarto, com alguns minutos minha irmã entra no meu quarto para me agradecer pela ajuda sá de calcinha e sutia. Fiquei logo de pau duro e pensei: " E hoje!" Ao me levantar da cama pude perceber que a sua amiga tambem estava sá de calcinha e sutia, porque para a minha felicidade, minha irmã havia deixado a porta um pouco aberta.



Dei um tempo para que o sono pudesse pega-las. Nisso já estava com o pau pegando fogo, louco para fude-la. Marquei 20 minutos, quando abri a porta do meu quarto e olhei para o quarto da minha irma com a porta um pouco aberta, pude ve-las dormindo. Nisso fiquei doido, de pau duro, fui bem devagar e quando entrei pude me deparar com a cena dos meus sonhos. Minha irma deitada na cama de casal sozinha de bruços, sá de calcinha e sutia, com as pernas abertas, que me proporcionava uma visão linda da sua buceta, e sua amiga gostosa, sá de calcinha, deixando a mostra seus seios lindo, tambem de bruços.



Foi quando parti para o ataque. Primeiro fui ver a buceta da amiga da minha irma porque estava curioso. Puxei a calcinha da amiga da minha irmã bem devagar, e para minha surpresa se tratava de uma buceta rapadinha como gosto. Nisso cherei, lambi bem devagar, e fiquei passando meu pau bem de leve e depois lambi seu cuzinho bem gostoso, mas bem de leve para que ela não acordasse. Com isso deixei a calcinha dela na altura do joelho para que eu pudesse ter a visão daquele cuzinho e da sua bucetinha enquanto atacava a minha irmazinha.



Passei para cima da cama bem devagar para não acorda-la. Com isso tirei a calcinha da minha irmã, e pude ver aquela buceta que eu tanto desejava. Passei a chupa-la com vontade, enquanto tocava uma punheta, depois passei a chupar o cuzinho, minha irma fazia movitos,mas dormia profundamente, tendo em vista a quantidade de alcool que havia tomado. Entao decidi enfiar o meu pau em sua boceta. Passei a enfiar bem devagar, e quando percebi já estava todo dentro, ohei para o lado e a amiga da minha irmã estava acordado olhando aquela cena, na hora fiquei sem folego, foi quando a gostosa virou-se para mim e começou a se masturbar para mim observando aquela cena, fiquei mais louco ainda.



Com isso estoquei bem devagar na minha irma para que ela nao acordasse, enquanto olhava a sua amiga se masturbando, quando estava prestes a gozar tirei o pau de dentro da buceta da minha irma e coloquei na entrada do seu cuzinho, gozando loucamente em sua bunda, que chegou a escorer pela a sua buceta. Nisso a amiga dela que estava se masturbando, levantou-se do colchão bem devagar, subiu na cama da minha irmã e começou a lamber todo o gozo que estava escorrendo pela buceta e terminando no cuzinho da minha irmã, e com issi ela me falou bem baixinho no meu ouvido: "Agora voce vai ter que me fuder, senão eu vou gritar aqui!" E na mesma hora desceu da cama, deitou de frente no colchão que estava no chão, abriu as pernas para que eu tivesse uma visão linda daquela buceta raspada. Desci da cama, e com o pau duro passei a meter naquela bucetinha raspada com força, olhando o tempo todo para a minha irmã, com medo de que ela acordasse, quando ela disse que eu nao me perocupasse. pois a minha irma havia bebido muito, então nao acordaria, com isso passei a meter mais forte e mais rapido, quando disse que iria gozar ela pediu para eu meter em seu cuzinho porque ela queria gozar com o meu pau enfiado em seu cuzinho, nesse momento tirei meu pau da sua buceta, ela ficou de quatro, com aquela bunda (que era maior do que a da minha irma) bem empinada, foi quando meti bem devagar, com isso senti ela rebolando e mordendo os labios, quando ja não mais aguentando, falei em seu ouvido que iria gozar elame diz:" Goza seu cachorro, eu eu ja estou gozando" . Gozei maravilhosamente em seu cuzinho. Me levantei, dei uma lambida de despedida na buceta da minha irma e fui para o meu quarto. Quando vejo a amiga da minha irmã esta completamente nua no meu quarto e me disse: "Esqueci de chupar seu pau!!" E foi logo pegando e chupando meu pau, nisso pedi a ela que colocasse a sua boceta em minha cara para que eu pudesse chupa-la tambem, fazendo um 69. Gozamos nais uma vez. Ela voltou para o quarto da minha irma, ao acordamos no outro dia agimos como se nada tivesse ocorrido e com minha irma dizendo que havia dormido feito pedra.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos verídico com tiaconto gay lycraconto gay meu enteado deu ccucontos de punhetascontos eroticos arrombando a gordaminha avó chupou meu pintinho :contos eróticoscache:oIMLEWITCAIJ:okinawa-ufa.ru/home.php?pag=99 contos erotico abusada com vibradorcontos zoo mastiff taradocontos eroticos sou casada mais adoro dar a buceta para meu genro porque ele tem um pintao bem grandecontos eriticos papai viuvocontos erotico irmaosconto comedor faz esposa e marido de putinhas safadasConto erótico de lara meladas de margarina na bunda e no cucontos de cú de tiacontos pagando aposta com um boquetecontos travesti bundudo dando pra caminhoneiros em postoContos.Del.trabalho.mas.fudi.minha.enteada.bebada.recem casada fudendo com amigos do marido ingenuosentando na rola do meu pai contos. eróticosConto filha mete ai ai aicontos sexo eroticos de mae amamentandoesposa puta do meu tio corno contoquero ver duas mocinhas branquinhas estragando a bucetinha na outraconto tia safada no banhoas molhadinhad mas. gostozas com vidios porno com voz altacontos eroticos viajando sentadaconto gay fui abusado no alfanato pelo os fucionariohistorias eroticas tia marta sua bunda me faz ficar de pica durabuceta carnuda comtos de sexo lesbicasgarotas de programa de japoneza bairro da liberdade -SPcontos de cú de tia gordacomi minha mae na frente da minha irma contos eroticoscontos de gay passivo dando pro machocontos de i****** aprendemos a fazer sexo em casacontos eróticos de mulheres casadas que curtem zoofilliaflagrei meu pai deflorando minha namoradinha contoscontos meti na mulher casada enquanto o marido trabalhavasofri ao trair meu marido contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecasada e velho rico corno vendo contosassistindo tv no meu colo contoscontos eroticos domia ele cospi nu meu cucontos eroticos flagracontos erotico farmaceutico macho negao fodendo gayMeu cuzinho contosconto erotico mamae traindo na fazendaEdna A tia da minha esposa contos eroticoscontos eroticos de roçamulher coroa. de 60 anos rebolando na vara bem devagarinho beijando na bocacontos eroticos enrabada pelo professor de academiacontos: viciei a negrinha a dar o cuzinhoconto noiva cabaço cu 5contos eroticos de homem chupando a buceta esperadacontoseroticos mae sentada colo filhocontos eroticos a vovó safadacontos eroticos fodendo a esposa do meu irmao com eleas velhinhas do asilo chuparam meu pau contoschaves metemdo pau em ChiquinhaContos eróticos assaltocontos eroticos gay fui estuprado no carrome arreganhei para dar o cu ao meu filhocontos de mae fudendo com o próprio filhoa minha mulher Ela foi arrombada pelo negão como chega eu sentir coisa diferente dentro delaesposas carentes contoscontos eroticos chupeimeu filholoira pedino mais na frenti do marido cornocontos de marido queria ser cornomete mete contominha enteada mimha putacontos eroticos o pirralho que virou meu donocontos eroticos enteadasrelato de gêmeos que acabou torando sua sografraguei minha filha e um amigo transando e fiz ela transar comigo. contosconto casada pinto itu cornocontos eroticos lesbico casadas e travesticonto erotico viado casadocache:6FK7RI0T9TcJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_476_eu-e-2-travestis.html contos eroticos na roça papai mim pegou a forçaContos nao sabia bate punheta amiga de mamae me explicouConto erotico dp coroacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosIncesto com meu irmao casado eu confessocontos eroticos mais lidos novinhas metidarcontos eroticos velhos e novinhas santinhascontos eróticos de vizinhas de bundas grandecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto eroticos vendo a foder minha irma no papai betinhaPorno mobile boqueternocontos eroticos novinhacontos traindocoroas de bucetas grandes conto eróticoscontos eroticos gays com vaqueiroscontos dois amigo em casa eu virei viadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crente