Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SEDUZINDO MEU QUERIDO IRMÃO -PARTE 1

Chamo-me Bianca e meu irmão Matheus. Eu e meu irmão somos muito bonitos. Eu sou morena com cabelo liso até a cintura, branca, baixinha e com olhos verdes. Meu irmão é loiro, alto e tem olhos azuis. Não somos nem um pouco parecidos. Eu tinha 19 e ele 19 quando tudo começou. Naquela época eu já tinha tido uns dois namoradinhos, mas meu irmão vivia implicando. Então eu terminei por causa dele. Pois eu o adorava, e se ele não gostava que eu namorasse, eu não ia namorar. Pois eu também não gostava que ele namorasse. Nás sempre fomos muito unidos como irmão e irmã. Eu nem pensava nele como um homem. Mas depois de uma conversa com uma amiga eu acabei o vendo com outros olhos.

Não me lembro como foi o inicio da conversa, mas eu lembro que o papo foi parar para os irmãos gostosos que nás tínhamos. Foi mais ou menos assim:

-Serio Bia! Seu irmão é muito delicioso. –Renata falou.

-Eca! Ele é meu irmão! Isso é nojento

-Mesmo assim ele é! E na cama ele é espetacular!

-O quê?! Como você sabe?

-Ah, você acha mesmo que você tendo um irmão tão gostoso assim, eu não ia experimentar? Mas vê se não esquenta, sá foi uma vez.

Nessa hora não sei o porquê me enchi de tesão. Eu queria saber como tinha sido. Como ele era na cama. Tudo.

-E aí e como foi?

Ela riu.

-Pra que você quer saber? Você não disse que era nojento?

-Ahhh, diz logo!

-Tá. Foi átimo, ele é simplesmente enorme! Se é que você me entende...

É claro que a entendia, ela estava falando do pau dele.

Eu já estava toda molhada com isso e não aguentava mais de tesão. Eu precisava fazer algo pra eu ver com meus práprios olhos o que ela tanto falava.

-Olha, tenho que ir Rê, depois a gente se fala. –Desliguei o telefone e saí correndo do meu quarto, me fazendo esbarrar em Matheus.

-Calma aí, qual é a pressa? –Ele segurava meus braços com suas duas mãos super fortes, pelo corpo lindo e musculoso dele. Nossa. Como eu não tinha percebido que tinha um cara tão gostoso dentro de casa?

Suspirei e olhei bem em seus olhos. Ele pareceu se intimidar e me largou.

-Olha, vou fazer um sanduba quer?

-Não, vou tomar banho. Brigada.

Depois do banho. Eu estava decidida. Eu ia seduzir meu irmão pra ele me comer. Fui pro meu quarto, e vesti um vestidinho verde que ressaltava meus olhos e bem minhas formas. Pois eu sempre tive um corpo legal por causa do balé. Eu tinha um peito grande e uma bundinha empinada que deixava todos os homens de queixo caído. E eu esperava que meu irmão também. E coloquei uma calcinha minúscula, que até parecia que eu tava sem.

Fui pra sala descalça e com o cabelo molhado deixando a parte de cima do meu vestido ensopada e transparente. Pus uns livros no chão e fingi estudar. Deitei estrategicamente de barriga pra baixo e cruzei as pernas. Fazendo meu vestido subir um pouco. Ele esta comendo no sofá ao meu lado. Então ele tinha como me ver de corpo todo.

-Gostei do vestido. –Ahá! Ele já estava prestando atenção em mim.

Eu virei em sua direção e joguei meus cabelos pra trás, fazendo revelar meus peitos que o vestido de tão molhado transparecia. Ele olhou pra eles depois virou o rosto disfarçando.

-Brigada. Quando quiser está a disposição.

Ele riu sarcasticamente.

-Essa foi boa. Muito engraçado.

E depois eu voltei pro os livros e ele ligou a TV. Ele aumentou bem o volume.

-Porra, Matheus! Eu tô estudando!

-Ah, larga isso! Vem assistir.

-Ah, Ta bom. Mas eu não vou ver essa porcaria que você tá assistindo.

Eu engatinhei até o armário onde ficavam os dvds. O vestido subiu e eu deixei que meu querido irmãozinho visse minha bunda. Ele devia estar tendo uma maravilhosa visão. Pois a calcinha deixava ver até minha bucetinha. Ele arfou. Hummm. Eu quase gosei na hora. Peguei um dvd coloquei depois sentei no sofá. O filme começou.

-Bia, esse filme é pornô! –Ele pareceu surpreso.

-Eu sei. –Disse como se fosse nada.

Depois de alguns minutos assistindo putaria ele não parava de olhar pra mim. Eu fingia que nem notava. De repente seu pau levantou fazendo um volume enorme em sua calça.

-Vou tomar banho. –E saiu praticamente correndo pro banheiro.

Fui de pontinha de pé até lá. E encostei meu ouvido na porta. Ele estava urrando chamando meu nome. Minha calcinha já estava encharcada de ouvir meu irmão. Não aguentei mais e escancarei a porta. Ele me olhou paralisado.

-Bia... O que você ta fazendo aqui?! –Seu pau ainda pulsava. Nossa era mesmo enorme como a Renata tinha dito devia ter uns 24 cm.

-Matheus. Pra quê você se masturba e pode ter uma mulher de verdade? – Eu não sei como tive coragem de falar essas palavras.

Ele ficou paralisado de novo apenas me olhando. Eu não resisti e caí de boca nele. Eu chupava como uma louca. Eu olhava pra ele e ele ainda parecia petrificado olhando pra mim até que:

-Bia, que porra é essa? Saí de mim! –E me empurrou.

-M-Matheus. –Eu comecei a gaguejar, ninguém tinha me rejeitado antes.

-Você ficou maluca?! Nás somos irmãos!-Ele estava muito bravo.

-Mas eu te quero Matheus mais que tudo! –Eu quase que implorava pra ele.

-Mas isso é errado. E é pecado! –Ele gritava comigo.

-Por favor, Theu. –Eu implorei a ele. Eu não sei o que eu tinha na cabeça, me rebaixando assim.

Ele ficou sem fala. Ele nunca tinha negado nada pra mim até agora. Ele pareceu pensar no caso. Mas depois de um minuto de silêncio ele disse:

-Sai daqui. Eu não vou fazer isso. –Ele parecia que não queria realmente que eu fosse.

Mas ele já tinha me escorraçado demais e eu não ia pedir de novo. Levantei-me, Pois ele tinha me derrubado no chão. Olhei pra ele com fúria e dei as costas.

-Se você não é homem suficiente pra fazer, vou arranjar outro que faça! –Disse de costas mesmo e saí do banheiro batendo a porta.

Fui pro meu quarto me acabar de chorar.

Continua...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico gay chupando tio bebadolekinho pau contosconto erotico transando menstruadacomo alisar minha mae para conseguir transarconto erotico fui no pagode e comi um travesticoroa gostosa se arrumando namorada em Pouso Alegreestuprada na lanchonete contoschantagem a mae contoscontos eroticos na madrugadacontos erotucos comi umad meninas que morava na fazendaporm mamamramcontos estrupada pelocachorro aforçaconto bebendo muita porraconto esposa bunda enorme me traiuconto erotico minha namorada e meu tiocontos eroticos no velorio do meu maridoContos Eróticos - DOIS NEGROS AMERICANOS ME FUDERAMnem peitinho teen grita na pau do vodesejos de machos que adora safadeza com outros macho experiências vividascontos eróticos paixão entre irmãosconto erotico crente puta contandoodiava o marido da minha prima parte2 contos gaycrente dalo abuceta na igleja no canto eroticoContos erotico padrasto pedindo para enteada gostosa experimentar calcinhacontos eroticos- supositorio no cu da filhacontos pai mostra mae safada e rabuda pra filhoscontos fiz tesoura na minha irmanzinha pequenininha e foi gostozoContos incestos irmanzinha me chama pra arruma o chuveiro e deixa a toalha caira minha mulher Ela foi arrombada pelo negão como chega eu sentir coisa diferente dentro delacontos reais meu marido fez uma deliciosa DP com seu amigoconto erotico.mulher feiacontos mamae piscina bronzeador bikinicontosputinhasvidioporno.minhacunhada.dormindo.bebacontos eróticos minha mãe fumou baseado e comi elabuceta carnuda comtos de sexocontos eróticos gays com agiotascontos eróticos de cunhadas e subrinhasConto erotico acordei com um estranho me comendocontos de zoofilia com antacontos eróticos minha esposa taradacontos eroticos de franelinhas de rola grande e grossacontos eroticos maninha novinha forcei esfreguriVanessinha bundinha gostosinhanosso primeiro ménage - contoscontos eroticos gay de dando uma mamada no moleque moreninho claropai.trepa.duas.filhas.gemiasconto de sexo comi o cu da minha vócontos minha filha novinha deitou com eu e a sua mae...e a pica comeucontos eroticos/chupar e cheirar chulécontos eróticos aliviei meu irmãocontos eróticos traicao na lancharola de meu pai conto gayconto erotico estuprocontos eroticos virei amante do tio do meucontos eróticos um casal transando na sala enquanto os pais tiram um cochilocontos eroticos comendo o cu da coroa crentever conto erotico sob velhos taradocontos a mulher casada aiiiiiiiiiiii meu cuuu ai vou fala para meu maridocontos vendo a irma sendo fodida betinhaquero ver duas mocinhas branquinhas estragando a bucetinha na outrao cu rosinha de minha neta de 9 aninhoscastigo boquete contoscontos eroticos velhos e novinhas santinhasquero assistir pornô negra da bundona na Muralhaeu cheirei lambi e chupei a sua calcinhaconto gay filho chupando o pau do pai dormindocontos cheirando pezinho de travecoContos com espermacontoseroticosfuicornoconto comendo uma fumadora de crackocontos eróticos seduzi meu irmão na praiacontos zoffila historia de homens que tranzaro com cachorras filme pornô da mulher do Suvaco Cabeludo Vem homem do pau mais grande e g************* delacontos de incesto de encoxada em onibusvidio porno d3 uam mulher branca 3 uma homem preyocontos eroticos arrombando a gordamete mete mais gostoso. história realcontos de sexo com corretor na casaContos gay fazendo a barbasadomasoquismo relatos comidavivaComtos eroticos de incestocontos eroticos viajando sentadaconto gay primeira punhetacontos eroticos traindo marido na Sala ao lado"gozar sem tocar" cu corno conto eroticocontos sexo intimidades entre casaisadoro sentar contos eroticosCONTOS EROTICOS, SOU COROA PUTA .contos eróticos de baba safadacontos eroticos arrombando a gordacontos fazendo vovô gozarcontos -meus amigos me comerambêbada deitada de bruços eu comi contos eróticosmarido firca esposa chupar pau dele e bate punheta nele.bebado conto historicoPica de seu madruga na buceta de dona florindaContos eroticos galeracontos de danadinhas com homens casadosconto eróticos na sapataria