Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SEDUZINDO MEU QUERIDO IRMÃO -PARTE 1

Chamo-me Bianca e meu irmão Matheus. Eu e meu irmão somos muito bonitos. Eu sou morena com cabelo liso até a cintura, branca, baixinha e com olhos verdes. Meu irmão é loiro, alto e tem olhos azuis. Não somos nem um pouco parecidos. Eu tinha 19 e ele 19 quando tudo começou. Naquela época eu já tinha tido uns dois namoradinhos, mas meu irmão vivia implicando. Então eu terminei por causa dele. Pois eu o adorava, e se ele não gostava que eu namorasse, eu não ia namorar. Pois eu também não gostava que ele namorasse. Nás sempre fomos muito unidos como irmão e irmã. Eu nem pensava nele como um homem. Mas depois de uma conversa com uma amiga eu acabei o vendo com outros olhos.

Não me lembro como foi o inicio da conversa, mas eu lembro que o papo foi parar para os irmãos gostosos que nás tínhamos. Foi mais ou menos assim:

-Serio Bia! Seu irmão é muito delicioso. –Renata falou.

-Eca! Ele é meu irmão! Isso é nojento

-Mesmo assim ele é! E na cama ele é espetacular!

-O quê?! Como você sabe?

-Ah, você acha mesmo que você tendo um irmão tão gostoso assim, eu não ia experimentar? Mas vê se não esquenta, sá foi uma vez.

Nessa hora não sei o porquê me enchi de tesão. Eu queria saber como tinha sido. Como ele era na cama. Tudo.

-E aí e como foi?

Ela riu.

-Pra que você quer saber? Você não disse que era nojento?

-Ahhh, diz logo!

-Tá. Foi átimo, ele é simplesmente enorme! Se é que você me entende...

É claro que a entendia, ela estava falando do pau dele.

Eu já estava toda molhada com isso e não aguentava mais de tesão. Eu precisava fazer algo pra eu ver com meus práprios olhos o que ela tanto falava.

-Olha, tenho que ir Rê, depois a gente se fala. –Desliguei o telefone e saí correndo do meu quarto, me fazendo esbarrar em Matheus.

-Calma aí, qual é a pressa? –Ele segurava meus braços com suas duas mãos super fortes, pelo corpo lindo e musculoso dele. Nossa. Como eu não tinha percebido que tinha um cara tão gostoso dentro de casa?

Suspirei e olhei bem em seus olhos. Ele pareceu se intimidar e me largou.

-Olha, vou fazer um sanduba quer?

-Não, vou tomar banho. Brigada.

Depois do banho. Eu estava decidida. Eu ia seduzir meu irmão pra ele me comer. Fui pro meu quarto, e vesti um vestidinho verde que ressaltava meus olhos e bem minhas formas. Pois eu sempre tive um corpo legal por causa do balé. Eu tinha um peito grande e uma bundinha empinada que deixava todos os homens de queixo caído. E eu esperava que meu irmão também. E coloquei uma calcinha minúscula, que até parecia que eu tava sem.

Fui pra sala descalça e com o cabelo molhado deixando a parte de cima do meu vestido ensopada e transparente. Pus uns livros no chão e fingi estudar. Deitei estrategicamente de barriga pra baixo e cruzei as pernas. Fazendo meu vestido subir um pouco. Ele esta comendo no sofá ao meu lado. Então ele tinha como me ver de corpo todo.

-Gostei do vestido. –Ahá! Ele já estava prestando atenção em mim.

Eu virei em sua direção e joguei meus cabelos pra trás, fazendo revelar meus peitos que o vestido de tão molhado transparecia. Ele olhou pra eles depois virou o rosto disfarçando.

-Brigada. Quando quiser está a disposição.

Ele riu sarcasticamente.

-Essa foi boa. Muito engraçado.

E depois eu voltei pro os livros e ele ligou a TV. Ele aumentou bem o volume.

-Porra, Matheus! Eu tô estudando!

-Ah, larga isso! Vem assistir.

-Ah, Ta bom. Mas eu não vou ver essa porcaria que você tá assistindo.

Eu engatinhei até o armário onde ficavam os dvds. O vestido subiu e eu deixei que meu querido irmãozinho visse minha bunda. Ele devia estar tendo uma maravilhosa visão. Pois a calcinha deixava ver até minha bucetinha. Ele arfou. Hummm. Eu quase gosei na hora. Peguei um dvd coloquei depois sentei no sofá. O filme começou.

-Bia, esse filme é pornô! –Ele pareceu surpreso.

-Eu sei. –Disse como se fosse nada.

Depois de alguns minutos assistindo putaria ele não parava de olhar pra mim. Eu fingia que nem notava. De repente seu pau levantou fazendo um volume enorme em sua calça.

-Vou tomar banho. –E saiu praticamente correndo pro banheiro.

Fui de pontinha de pé até lá. E encostei meu ouvido na porta. Ele estava urrando chamando meu nome. Minha calcinha já estava encharcada de ouvir meu irmão. Não aguentei mais e escancarei a porta. Ele me olhou paralisado.

-Bia... O que você ta fazendo aqui?! –Seu pau ainda pulsava. Nossa era mesmo enorme como a Renata tinha dito devia ter uns 24 cm.

-Matheus. Pra quê você se masturba e pode ter uma mulher de verdade? – Eu não sei como tive coragem de falar essas palavras.

Ele ficou paralisado de novo apenas me olhando. Eu não resisti e caí de boca nele. Eu chupava como uma louca. Eu olhava pra ele e ele ainda parecia petrificado olhando pra mim até que:

-Bia, que porra é essa? Saí de mim! –E me empurrou.

-M-Matheus. –Eu comecei a gaguejar, ninguém tinha me rejeitado antes.

-Você ficou maluca?! Nás somos irmãos!-Ele estava muito bravo.

-Mas eu te quero Matheus mais que tudo! –Eu quase que implorava pra ele.

-Mas isso é errado. E é pecado! –Ele gritava comigo.

-Por favor, Theu. –Eu implorei a ele. Eu não sei o que eu tinha na cabeça, me rebaixando assim.

Ele ficou sem fala. Ele nunca tinha negado nada pra mim até agora. Ele pareceu pensar no caso. Mas depois de um minuto de silêncio ele disse:

-Sai daqui. Eu não vou fazer isso. –Ele parecia que não queria realmente que eu fosse.

Mas ele já tinha me escorraçado demais e eu não ia pedir de novo. Levantei-me, Pois ele tinha me derrubado no chão. Olhei pra ele com fúria e dei as costas.

-Se você não é homem suficiente pra fazer, vou arranjar outro que faça! –Disse de costas mesmo e saí do banheiro batendo a porta.

Fui pro meu quarto me acabar de chorar.

Continua...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos minha mae liberalconto erotico comendo minha vizinha carminha conto erotico patroa apanhando da empregadaContos eroticos incentivei minha mulher a dar pro patrão delachavecou a coroa na pra fude com ele deu sertoso no cu da cunhada casada contosconto gay arrombadocontos erotico o amigo pintudo do maridocontos de sexo travesti dominadorana festa um travesti enrabiu minha esposinha echupei opau com porracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto sexo sogro pica gigantemeti na cunhada e sou t amante contos proribidosconto incesto mamae chupou meu pau e deu o cu rosa pra mim quando eu tava dormindoconto erotico. sobrinha mulatinhafui pesca marido bebado e seu amigo eu confesocontos eroticos garotas na escolacontos eroticos ai ai me fode fode primocontos fodendo a namorada de todo jeitocontos eroticos com cunhadabrincando de médico contosAmigos de meu filho eu provoquei e eles vieram conto eroticoconto como deu cu para travesticontos eróticos mendigo no ônibuscontos eroticos submissa chantagem casadascontos eroticos de virgemcontos porno chupetinho para um adultoconto erotico engravidei sobrinhofudeno cu da manu e ela gritando de dorcasadas raspadinhas contoscontos de relatos de nora transando com sogro em Santa Catarinaseduzida por uma lesbica contoContos eroticos fudendo gostoso com o titiocontos eroticos pegano a moreninhaconto erotico novinha no gang bangprimeira vez que fui chupada por um homem casado eu virgemcontos meteu no cu sem avisarrelatos de cornos meu tio Rui comeu minha esposa na minha frentemeu tio tem um pau muito grossocontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheirocontos eroticos sogrinhaMinha sogra me pergunto se eu deichava ela chupa no meu penisbucetas carnudas grandes beicos casadas cornoscomi um gordinho. contos eroticos gaydei o cu pra varios homenscontos eróticos d incesto irmã médica dormindo peladaquero ver história de homens pelados caminhoneiro de orgia comendo o cu do outro dentro da boleiacontos erotico cheirando calsinha da coroacontos de gauderio arrancando cacaço de cu e bucetasamor corno conto olhandocontos eróticos abusando da cunhadinhaRex dando o cucontos eroticos de mulheres casada de manausConto inversao e zoofiliacontos/como descabacei minhas filhasconto gay macho arrogantecontos eróticos brincadeira do leitemassagem video contos punhetameu cunhado meteu a lingua na minha bocacontos eróticos surpresa travesticontos ela me punhetoumeu cu ardia e ele nem ligava contos eroticoscontos erotico viajando com paicontos erotica de estrupamento de ninfetoscontos eroticos submissa chantagem casadascontos eroticos comi toda a familiacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos só no cu das coroas negrascoroa nos geme nos contosconto de encesto meu pai ficou empotenteconto erotico gay chupando tio bebadoContos porno minha mulher e o sogrotracei minha irmã contosfoda cadela mijo gostos vidio zofilamulher botando a x*** para o cachorro lambercontos eroticos arrombando a gordaconto eroticos entre primosnovinhaquinzeanosminha dani me fodeu me quando dormiconto erotico gay meu pai abusou de mimconto tanguinha da sogra rendaokinawa anal teen novinhaconto erótico seduzi a casadacomendo e sendo comido por hipermegadotadocontos meu marido nem percebeuursos velho gay contos