Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

GANHARAM MEU CU NUMA RIFA I

Oi me chamo Bianca, sou morena queimada de praia, tenho 19 anos, moro no Rio de Janeiro num conhecido condomínio da Barra da Tijuca. Eu esta com 19 anos e estudava num colégio tradicional da Barra. Tinha acabado de me transferir como sou extrovertida logo fiquei muito popular tanto com as meninas quanto com os meninos. Todo ano a época dos trotes terminava com o tradicional baile dos calouros como caloura eu tinha que participar e arrecadar fundos para o grêmio minha turma então teve uma idéia inventou uma rifa e o premio da rifa seria eu. Não adiantou eu protestar, estava sendo disputada pela galera. Como o objetivo da rifa eram os fundos para o grêmio o bilhete não era barato custava 30,00 cruzados. Como qualquer aluno(a) podia comprar foram vendidos mais de 150 bilhetes marcaram o sorteio para a véspera do baile. Baile em que eu seria entregue como premio ao vencedor ou a vencedora. Minha irmã como ex-aluna junto com a Andressa compraram 5 bilhetes e perderam a rifa saiu para um bilhete sá. Eu nem dormi direito de tanta ansiedade pra saber quem tinha ganho. Já no intervalo do baile momento em que o dono ou a dona do bilhete premiado teria que reclamar o tão esperado premio. Eu quase cai dura porque 5 alunos se apresentaram como donos do bilhete... eles tinham feito varinha para comprar. O cabeça dos 5 teve uma idéia ... que tal trocarmos o baile por ir pra minha casa ouvir musica já que meus pais tão viajando. Essa idéia foi imediatamente aceita.

Fomos caminhando mesmo porque era perto. Todos os garotos passaram a mão na minha bunda enquanto caminhavam. Chegamos na casa do garoto não era muito grande mas parecia ser confortável. Colocou um disco na vitrola, pegou refrigerante e uma garrafa de vodca colocou tudo sobre a mesa junto com um monte de camisinhas. Eu perguntei pra que era aquilo. Ele perguntou de volta “ adivinha”. E começaram a tirar as calças, em dois segundos estavam todos nus e me apresentaram seus caralhos. Fizeram uma roda envolta de mim para que eu os chupasse. Ai primeiro eu tirei minha roupa para que não ficasse amarrotada, voltei pro mesmo lugar no meio da roda e fui chupando cada um pouco quero que gozem praticamente juntos e me encham a boca. Eram 5 paus diferentes em cor e tamanhos, tinha 1 branquinho com pau fino mas comprido, 2 moreninhos com paus razoáveis em tamanho, 1 mulato co uma pica bem avantajada e u negro com uma pica colossal devia ter perto de 24 centímetros por uns 8. Quando eles avisaram que estavam perto de gozar eu abri a boca e fiquei esperando, eu contei foram ao todo 24 jatos de parra acumulando e enchendo minha boca. Quando o ultimo terminou de gozar eu estava com boca tão cheia que tava perto de transbordar. Sá então eu engoli tudo e mostrei a boca vazia no final.

Quando um dos meninos ia colocando a camisinha eu pedi que parasse e falei que se algum deles tivesse doença eu já teria pego e que não era sá na boca que eu gostava de porra. Eles riram muito, mas acabaram concordando.

O dono da casa disse não são 5 são 6, e explicou que a contada da irmã dele tava muito triste porque tinha gasto toda mesada dela comprando um bilhete e tinha perdido. Daí perguntou se eu me incomodava se ela participasse também. Como eu não me opus, ele chamou sua irmã ela já desceu peladinha e quando chegou perto me deu um delicioso beijo de língua. Ela era linda devia ter uns dois anos a mais do que eu também tinha o corpo queimadinho de praia, olhos verdes e cabelos cor de mel. Deitou no tapete, no meio da sala e me chamou para fazer um delicioso 69. Eu sá tive uma exclamação “que delicia” e deitei em cima dela ficando com a bunda bem empinada. Pedi pra colocarem uma almofada pra que ela usasse com apoio e alcançasse minha buceta com a língua. Também entregaram um vidro de áleo de amêndoa doce pra que ela passasse na minha bunda com fartura.

O dono da casa foi o primeiro a se colocar atrás de mim encostar seu cacete no meu cu e ir empurrando ate o talo enquanto os demais assistiam do sofá.



(continua)

Se você gostou de sua nota e entre em contato comigo pelo email [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos enconxei e comi cu fa minha sobrinhaporn ocomeno a bebacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteÇonto eroticos seduzindo e comendo a cunhadaesposa puta do meu tio corno contoconto erotico comendo a dona da mercearia do bairro onde morocontos eroticos arrombando a gordacontos de safadas que trabalham em frigorificopica grande contos eroticoscache:iOh7vGcQjJIJ:okinawa-ufa.ru/home.php?pag=151 matrupado no onibus xideobucetinha rozadinhacontos eróticos disneylandiaconto eróticos zoofilia estrupei cadelacontos heroticos gay meu tio de dezenove anos me comeu dormindo quando tinha oito anosmulheres violadas contos eroticoscontos eroticos treinamentocontos eroticos que fisioterapeuta que fode gostosoconto erotico o macho dominadormulher entrando na chapeleta do pôneiContos eróticos de comi a mae do meu colresposa show streeper liberty ckubConto de sexo com a maninhacontos sogra fingindo que dormiaconto mulheres que fizeram dupla penetracaomeu marido e minha amiga conto eroticoteta gostosa contos eroticoscontos depois de 30 anos de casado pede a minha mulher para ser cornoContos eroticos a rola enor do meu irmao mamae e filhas gemeasconto erotico coroas de cornos de suplexcontos eroticos novinha do onibuscontos eroticos arrombando a gordaminha amiga pervertidapornumulhe cazadavirei cadela contos gayscontos eroticos elizandracontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos sou casada realizei o desejo do meu sobrinhocontos eróticos sou mulher casada e vou contar como tirei cabaço da minha sobrinha de oito anosContos eróticos cuidando do meu priminho e deixando ele tomar banho no quintal conto gayCoroa de vestido no churrasco sendo encoxada e marido vendofodi a sogra contoscomendo minha sogra ruiva de 52 anos coroa mais gostosa do brasilconto eroticotisiane so de causincontos eroticos a sem tetocontos erótico eu e minha loirinha e um negao de 32 parte 2contos de mulheres ninfomaniaca por sexocache:9xq-vPkrsSoJ:okinawa-ufa.ru/conto_8634_minha--mae-gravida--do-meu-irmao.html contos coroas e desconheciconto erotico comeram minha namorada na saunaconto tio queria agarrar a moçasexo.pirralho.fode.amae.a.irma.e.tiaComo uma novinha magrinha virgem contoachou que fosse o irmão dopou a cunhada no banho xvidio pornoirmao encochando no buzaofotus de zoofiliaSobrinhas safadas relatos atuaiscontos ex namoradacontos eroticoscomi minha irma apertadinhacasa de contos eroticos tomando leitinho na mamadeiraconto deposito porracontos eróticos infânciacontos gays de enteado ver o vizinho de cuecaconto erotico da cunhada pegando no paucontos erotico o assalto meu marido participouConto erotico Eu, minha mulher e meus filhossexo porno safada do sitiotudo no curu cdzinhacontos realizei o sonho do corno engravidei de outrocontos eroticos ousados em lugares publicosconto porno com o tiocontos eróticos corno e viadinhocontos eroticos na rocaContos eroticos de incesto familia incetuosa em um gang bang no sitiocontos eróticos uma situação complicada retorno 9porno contos voyer no carro com esposacontos eroticos gay estupromulheres enfiando na boco pidoconto meti no cu da mae e ela chupou o pau do cao mae olhondo filho comtosConto erotico. A punheta da cunhadabunda tornar atriz contosconto erotico férias na jamaica VContos comi minha nora michelefotos cu arrenganhado com alongadorconto erotico era swing cornoconto velha deu o cuvizinho tezudocache:OattfPJRyqoJ:okinawa-ufa.ru/conto_13609_desejo-de-ser-corno-1.html esposa puta do meu tio corno contomulher passa leite condensado no rabo contocontos porno me chupou dormindoChupou o meu seio no curral contoscontos eroticos casada dormindo chovendocontos eroticos foderam minha mulher