Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EXPLORANDO UM MENINO PELO OUTRO LADO

Olá a todos. Me identificarei como Circe e decidi vir aqui contar como comecei meu hobby de caçar meninos, pois imagino que mais pessoas têm tesão na mesma coisa. O site tem muitos relatos com "lolitas", mas poucos sobre o outro lado.



Sou branca, morena, não tenho corpo de mulherão mas até que tenho minhas curvas. Nunca fui de manter namorado, e minha vida sexual era ocasional... até este dia. Quando aconteceu eu tinha 21 anos e um emprego bobo no balcão de uma papelaria. Era muito comum que a dona saísse e me deixasse sozinha, muitas vezes o dia todo. O movimento era escasso e eu aproveitava para ler revistas de graça (ninguém nunca reclamou).



Num desses dias estava eu lendo sossegadamente uma Superinteressante (que na época ainda tinha textos com um mínimo de inteligência), quando percebi um barulho estranho e repetitivo vindo das estantes de revistas. Eram duas, e do balcão você não consegue ver direito quem está entre elas. Levantei e quando cheguei lá fiquei chocada: um menino mulatinho, sem camisa, havia colocado o pintinho para fora e estava batendo uma sem o menor pudor, a despeito de estar totalmente visível da rua, e com bastante proficiência apesar de aparentar uns sete, oito anos. "O que é isso, menino", eu disse exasperada, e ele retrucou: "Vamos trepar tia". Na hora meu rosto ficou vermelho de raiva. Quem aquele pivetinho pensava que era? Eu falei pra ele erguer o calção e ele: "vamos trepar tia". Nossa, eu fiquei mordida. Falei, ah, é?, e não sei bem como ou por que, mas decidi ensinar aquela criança mal-educada. Peguei ele pela orelha e levei para os fundos, fechando a porta (e deixando a loja aberta sem ninguém mesmo). A verdade é que já naquela hora eu estava perturbada com a situação, embora não fosse admitir pra mim mesma ainda. Aquele menininho praticamente pelado masturbando o pau do tamanho de um dedinho, falando que queria trepar... Eu tinha pensado em deixar ele de castigo, chamar a mãe, mas comecei a ficar com vontade de brincar de algo mais risqué.



Falei pra ele abaixar o calção. Coitado! Ficou todo feliz. Aí disse: "você foi muito malcriado e criança malcriada tem que apanhar na bunda". Ele fez uma cara de choro que eu quase perdi a pose e desatei a rir. O moleque estava se achando e agora não tinha como escapar. Falei "vem cá", firme. Ele veio. Botei ele no meu colo e ele ainda quis ficar de frente, mas o peguei pelos ombros e virei de uma vez. Ergui a mão e dei um tapa. Nossa! Aquela bundinha. Sá naquele momento entendi o quanto estava excitada. A pele dele era lisinha e suada, e a bundinha redondinha como a de uma menina. Dei outro tapa e senti minha xana escorrer. Estava morrendo de tesão. Nunca tinha sentido nada parecido. Fui batendo e a cada tapa eu quase gozava. Não resisti e comecei a demorar a mão, depois de bater ia alisando aquela bundinha até que fiquei sá nisso. Separei as nádegas empinadinhas e bolinei o cuzinho dele com o indicador. Seu pauzinho na hora deu sinal de vida. Eu não aguentei e comecei a me masturbar, enquanto brincava com seu cu. Comecei a falar bobagens: Então você está gostando do castigo, safadinho? Queria me comer e agora tá dando o cu pra tia? Bate punheta pra eu ver... Rebola a bundinha... Você é viadinho, isso sim... Eu pus ele no chão de joelhos, de quatro pra mim, enfiei o dedo sem dá, segurei seus quadris e insinuei um movimento... Ele não falava nada mas começou a rebolar bem bonitinho, enquanto mexia no pintinho... Aquilo me matou de tesão de vez, perdi a conta de quantas vezes gozei com aquela cena maravilhosa, sá de lembrar agora fico totalmente molhada... Até que ele gozou, sá um pouquinho de porra rala e transparente...



Eu não sabia o que fazer então disse pra ele sumir dali senão ia contar pra todo mundo. Depois fiquei super encanada, mas ele nunca contou pra ninguém. E foi assim que descobri meu fetiche. Votem se gostarem, se houver interesse eu conto de como conseguir fazer dois meninos se comerem... Foi a coisa mais bonita que já vi na vida...



[email protected]gmail.com

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto mamando vizinho casadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemusas de shortihnoopornô contos sobrinha se assusta com o pau mostro do tiocontos eroticos na garagemos melhores contos de gang bangContos primeira chupadaconto a sogra evangelicafudendo pra valer com tubo de gel no raboesposa puta do meu tio corno contoContos comendo irman dormindosiririca na frente dele conto eróticoCoroa fudemdovoyeur de esposa conto eroticosentada no colo na festa contoscuzinho melado de manteigairmao fode irma contos Eroticoscrente mulher do meu amigo contosContos novinha sendo bolinada pel su titi e seu tiocontos eróticos preto velhocontoseroticos encochando minha irma onobisconto esposa transa com marido se exibe pra molecadaconto minha mae me deu o cu no baile fankeu e meus irmãos e meu pai contos eróticosevangélico emcoxado em ônibus contosEróticospornô.comcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemulher de fio drntal dancando e abrindo bem as pernas con tirinha enfiada no bucetaocontos orgia com pobresesposa deu pra outro contosvarios me comero s calsinha contos gayeu minha mulher e meu sogro contosContos eroticos flagrou namoradacontos eróticos esposa andando a cavalo com o macho da garupacontos eroticos gays de todas as idadesconto erotico incestos assaltoMeu sogro cheirou minha calcinhahttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/conto_29412_eu-e-sil-sua-mae-assiste-tudinho..html&ei=1Kd9m-1b&lc=pt-BR&s=1&m=817&host=www.google.com.br&ts=1490805753&sig=AJsQQ1BphuM3pDKWCoUN5S7o2Fw319rWgQcontos tia gostosaa ai delicia ai vai vaio cu rosinha de minha neta de 9 aninhoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemenina vigem napicagrosaque cu mais apertado agora chora contocontos eroticos fiz sexo com sobrinho tia martaesposa puta do meu tio corno contoconto erotico chantageada pelo deficienteso putao dando o cu e gozando e gritandocontos er gozando na boquinhacontos eróticos a louca farmacêutico atendimento em casaduas mulher chupando a b***** no Jordão baixo fazendo sexocontos de coroa com novinhovomitando contos eróticosporno. filio eu. sou. sua maeFAMÍLIA LINDA CONTOS ERÓTICOSzoofilia cavalo violentos o dedãocontos eroticos bebadamulher querendo contos eroticospaugrande rabo da buceta gulosa ingolindo porraevangélico emcoxado em ônibus contosEróticospornô.comconto erotico engoli 1 litro de esperma no vestiarioConto surpreendi meu maridocontos eróticos adoida minha sogra safadacontos eroticos evangelicas estupradas submissasusando uma calcinha pequena e morrendo de tesaiwww.contopadrinho.comxoxota gozando muito com os dedoscontos eróticos vovó dando o cu para jumentocontos detias eirmasnegra ra ufa bundudacontos meus amigos comeram minha maecontos erotico com irmaocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erótico comi minha irma e o corno olhandocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecom doze anos bonitinha virei mulher esperta contos eroticosOi meu nome ê marta tenho uma amiga travesti e ela micomeuconto incesto minhas irmãs gritaram no meu pauprovoquei ele me arrombou conto eroticovideo porno irma de veztido curto bege na frente padrasto na salacontos eróticos: prima comprometidacontos eroticos guto 2 amiguinhos e 1 padrasto parte 3nua e corpo inteiro melado de margarinaconto erotico gay entre pai e filhocomendo a prima linda do cabelo super comprido e muito vadiaEu e meu marido na praia passando bronzeador só de fio-dentalconto chantagem da minha irmaconto.erotico.tia.sogra.cunhadacontos de estruposcontos eroticos brincadeiras inocentes de sitioscontos eroticos de joven trasformato em travestiContos eroticos gays cunhado bem doradoputa que mora no bairro portão