Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TITIO DO PAU GRANDE

Meu nome é Stella, atualmente tenho 19 anos. Vou contar como foi a minha primeira transa. Eu tinha muita vontade de transar, sá q não tinha com quem, isso eu tinha 19 anos. Meu tio não era do meu sangue, ele é marido da irmã de minha mãe, mas sempre o chamamos de tio, eu i meu irmão. Sempre quando iamos na casa dele e ficava me olhando, passava a mão na minha bunda e as vezes quando passava por mim encostava pra puder se roçar. Eu tenho os peitos bem grandes e a bunda tambem. Um dia minha nmãe me pediu para q eu fosse egar uma panela emprestada pra minha tia. Eu fui lá pensando q ela estava em casa. Quando apertei a campainha ele apareceu. Estava euforico, eu fui de mini-saia e uma camisa com um belo decote. Ele me olhou de cima a baixo e apertou o saco.

-Minha tia tá aí?

-Não, não tá. Entra, relaxa um pouco-disse ele

Então eu fui. Ele me chamou para q fosse pro quarto dele, chegando lá ele apontou pra televisão. Então entendi porque ele estava tão euforico. Estava assintindo um filme porno. Estava pausado, bem na hora q o negão enfiava o seu cacete enorme na menininha. Ele deu play. Comecei a ficar excitada q até me esqueci do tio. Até q senti uma mão quente na minha coxa, quer dizer, duas mãos. Ele chegou bem perto no meu ouvido e disse

-Quer q o tio te ensine uma coisa?

Eu não respondi. O cacete dele estava roçando minha bunda.As mãos q estavam na coxa subiram para a virilha e chagaram na minha bucetinha. Uma mão ficou na frente e a outra foi descendo devagar para tras, eu estava com uma calcinha bem enfiada no cu. Ele levantou a calcinha e passou a mão bem com calma no rego, e enfiou bem a pontinha do dedo no meu cú. Aquele ponto eu já estava toda molhadinha. Ele me puxou pra trás e ficou contra a parede, me beijando no pescoço e devagar descendo minha calcinha. Eu comecei a rebolar no pau. Pra frente e pra trás, prum lado e pro outro. Ele tirou minha calcinha e depois tirou minha camisa. Segurou meus peitos com força, e me virou pra frente pra poder ve-los. Tirei a camisa dele e fui abaixando a calça devagar. Estavamos lá, eu já nua e ele sá de cueca. Ele me levou pra cama, e me jogou. Foi pra cima de mim e me deu um beijo quente, muito quente, enquanto seu dedo penetrava minah vagina devagar. Estava com mutio tesão, nunca tinha sentido aquilo. O beijo foi descendo pelo pescoço, e eu comecei a gemer baixo, foi pra os peitos, onde permaneceram por alguns estantes, acompanhados por umas belas chupadas, desceu pelo umbigo e chegou na bucetinha, q tava todo molhada e inchada. Ele passou a lingua bem de leve por toda a fenda, eu comecei a gemer mais alto. Então a lingua entrou na buceta. Já estava quase gozando de tanto tesão. Ele abriu minhas pernas com as duas mãos e sua lingua começou a fazer movimentos incrives, entrava e saia, mexia no pinguelo, então eu gozei. Ele chupou tudo.então disse.

-Agora retribue o favor.

Nunca tinha feito aquilo, mas... Comecei batendo punheta, então chupei gostoso o saco dele, ele gemeu, fui subindo pelo tronco do pau, deixei tudo molhadinho, sempre q subia dava uma lambidinha na cabeça, demorei um pouco, ele já estava quase implorando para q eu metesse logo na boca. Chupei a cabeça com força. O cacete dele era mutio grande, reparei q não ia conseguir por tudo, então no final dele comecei a bater punheta enquando em cima subia e descia minha boca, tava umas lambidelas e continuava, ele se contorcia todo e me chamava de minha putinha. Então ele gozou na minha boca, chupei tudo. Subi e dei um beijo na sua boca, pra ele poder sentir o gosto da porra dele. Sentei com as pernas abertas nele, e devagar encaixei a pica em mim. Comecei a gratar feito uma louca enquanto pulava no cacete. Ele segurou minha bunda e foi fazendo o movimento pra frente e pra trás. Ele me levantou e mandou eu ficar de quatro, eu abedeci prontamente. Ele enfiou na buceta e metia com força e be, rápido, até eu sentir q ele gozou dentro de mim, apás ter gozado deixou um pouco e eu gozei também. Ele tirou e pôs no Cu, eu comecei a gritar de dor, mas não queria q ele tirasse, ele tirava do cu e colocava na buceta, tirava de buceta e colocava no cu. Então me virou e chupou minha buceta pra q eu gozasse, e eu gozei pela terceira vez, e fui fazer chupetinha nele pra ele gozar também. Quando terminou me vestir correndo e sai, sem falar nada. Ninguém nunca soube. Todo mês eu vou lá pra repetir a dose.

Bem, é sá isso. Eu mando outros contos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


virei amante de meu tio novinha contosContos eroticos meu pai meu homemcontos eróticos gay de calcinhacontos sexo meu marido rebolou na pistolaFui confessar e comi a madre contosContos eroticos mae e filho chuva dourada gozei sem camisinhaContos eróticos: acordava cedinho p levar rolacontos de corno como minha mulher aguentou cazero jumentaõ metedo na bucetinha delacontos eroticos entre irmaocontos eroticos brecheiConto erótico filha putinhacontos comiminha primaConto erotico seios doloridosela pegou no pinto dele na marra mais ele gozouMinha irma e puta do meu pai contoMinha mãe colocou silicone e ficou gostosa contocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestiContos eroticos cu de mulher de bebado nao tem donocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico em familiacontos erotico com irmaoGay aregasando o irmao mais novoMãe mamando pau do filho contoseroticoscontos eroticos coroas negrascontos-gays sou gay e fui arrombado pelo pauzao grosso e grande do meu patraoEsposa eu na bucetinha eo cachorro engatado mo cuzinho contos eroticoscontos massagem na tialoiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinacontos de cunhadas casadas reaiscontos eróticos realrelatos de sexoimagens de namorado tirando virgindade de namorada tímidamoranade bct Grande batendo um pra amiga Contos de mijadas no rostocontos.eróticos desde pequena já era putinha contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos de lesbicas na piscinahttp://contos erodicos matrinha e o primo e a prima transandosexo Sátão garotas da noite prazer contos eróticos de casadas evangelicas vagabundas dando tudo por tesãocontos eroticos comendo a coroa crente bem oseu cusinhocontos de punheta com botasincesto contos suruba com minhas irmasconto praia nudismo familiasobrinha de calcinha na piscina contospapai me ensinou chupar buceta conto eroticonua e corpo inteiro melado de margarinaconto erotico arrobando ocu da medicacontos eu novinha e meu primo me inicioucontos coloquei de ladinho no cucontos erot sogra e cervejacontos eroticos ccb viuvas safadaspapai poi teu caralho na minh conacontos eroticos assaltorelato de mae dando a buceta para o filhocontos eróticos com molequescontos erótico professor e alunacontos de olha que putinha tá gostando neconto erotico filha de empresario ajudano mendigoconto minha mae chupando meu pau com meu pai ao ladoconto meu amante me arromboudoido pra brincar na bundinha da sobrinha novinha inocente gratisconto negao pauzudo fez a puta pedir arregomarido passivo contos eroticoscontos eroticos engravidado do mendigosurra vaginal amordaçada contoConto ensesto com Fillhocontos de gays como foi sua primeira vezincesto comeno aprima novinha de peleitinho no copo. contoscontos comi a internadaconto esposa do vizinhohistorias reas sexo tia marta bundaocontos erotiocs de quando fiquei com meu primo lucca  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  conto porno de amigas casadas fudendo com machos picudos nas feriasConto erotico sou morena clara evangelicacontos eroticos eu novinha e ja chupando um pau grandecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecalcinha usada contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto a buceta peluda da minha irmacontos eroticos esposas adora pau grande e muita porra levei ela pra dar pum cavalopeguei minha mae transando com boneco de siliconemassagem pés madrasta conto eróticocontos erot fudendo a esposa e a enteada virgemconto transei com tiocontos eróticos arrastei peo canto e fodi com forçacontos de mae com consolo comendo cu da filinha bem novinha contos eroticostisiane so de causincontos eróticos curiosidade novinhacontos eróticos baixinhacontos fiz o cuzinho da mamãeconto erotíco fui sedusida nova e gosteiContos eroticos no acampamentoConto erótico minha esposa foi no colo amigovideos de sexo casal depois de bem velhinhos que se corno e esposa concordaconto cunhada raspadinha