Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TITIO DO PAU GRANDE

Meu nome é Stella, atualmente tenho 19 anos. Vou contar como foi a minha primeira transa. Eu tinha muita vontade de transar, sá q não tinha com quem, isso eu tinha 19 anos. Meu tio não era do meu sangue, ele é marido da irmã de minha mãe, mas sempre o chamamos de tio, eu i meu irmão. Sempre quando iamos na casa dele e ficava me olhando, passava a mão na minha bunda e as vezes quando passava por mim encostava pra puder se roçar. Eu tenho os peitos bem grandes e a bunda tambem. Um dia minha nmãe me pediu para q eu fosse egar uma panela emprestada pra minha tia. Eu fui lá pensando q ela estava em casa. Quando apertei a campainha ele apareceu. Estava euforico, eu fui de mini-saia e uma camisa com um belo decote. Ele me olhou de cima a baixo e apertou o saco.

-Minha tia tá aí?

-Não, não tá. Entra, relaxa um pouco-disse ele

Então eu fui. Ele me chamou para q fosse pro quarto dele, chegando lá ele apontou pra televisão. Então entendi porque ele estava tão euforico. Estava assintindo um filme porno. Estava pausado, bem na hora q o negão enfiava o seu cacete enorme na menininha. Ele deu play. Comecei a ficar excitada q até me esqueci do tio. Até q senti uma mão quente na minha coxa, quer dizer, duas mãos. Ele chegou bem perto no meu ouvido e disse

-Quer q o tio te ensine uma coisa?

Eu não respondi. O cacete dele estava roçando minha bunda.As mãos q estavam na coxa subiram para a virilha e chagaram na minha bucetinha. Uma mão ficou na frente e a outra foi descendo devagar para tras, eu estava com uma calcinha bem enfiada no cu. Ele levantou a calcinha e passou a mão bem com calma no rego, e enfiou bem a pontinha do dedo no meu cú. Aquele ponto eu já estava toda molhadinha. Ele me puxou pra trás e ficou contra a parede, me beijando no pescoço e devagar descendo minha calcinha. Eu comecei a rebolar no pau. Pra frente e pra trás, prum lado e pro outro. Ele tirou minha calcinha e depois tirou minha camisa. Segurou meus peitos com força, e me virou pra frente pra poder ve-los. Tirei a camisa dele e fui abaixando a calça devagar. Estavamos lá, eu já nua e ele sá de cueca. Ele me levou pra cama, e me jogou. Foi pra cima de mim e me deu um beijo quente, muito quente, enquanto seu dedo penetrava minah vagina devagar. Estava com mutio tesão, nunca tinha sentido aquilo. O beijo foi descendo pelo pescoço, e eu comecei a gemer baixo, foi pra os peitos, onde permaneceram por alguns estantes, acompanhados por umas belas chupadas, desceu pelo umbigo e chegou na bucetinha, q tava todo molhada e inchada. Ele passou a lingua bem de leve por toda a fenda, eu comecei a gemer mais alto. Então a lingua entrou na buceta. Já estava quase gozando de tanto tesão. Ele abriu minhas pernas com as duas mãos e sua lingua começou a fazer movimentos incrives, entrava e saia, mexia no pinguelo, então eu gozei. Ele chupou tudo.então disse.

-Agora retribue o favor.

Nunca tinha feito aquilo, mas... Comecei batendo punheta, então chupei gostoso o saco dele, ele gemeu, fui subindo pelo tronco do pau, deixei tudo molhadinho, sempre q subia dava uma lambidinha na cabeça, demorei um pouco, ele já estava quase implorando para q eu metesse logo na boca. Chupei a cabeça com força. O cacete dele era mutio grande, reparei q não ia conseguir por tudo, então no final dele comecei a bater punheta enquando em cima subia e descia minha boca, tava umas lambidelas e continuava, ele se contorcia todo e me chamava de minha putinha. Então ele gozou na minha boca, chupei tudo. Subi e dei um beijo na sua boca, pra ele poder sentir o gosto da porra dele. Sentei com as pernas abertas nele, e devagar encaixei a pica em mim. Comecei a gratar feito uma louca enquanto pulava no cacete. Ele segurou minha bunda e foi fazendo o movimento pra frente e pra trás. Ele me levantou e mandou eu ficar de quatro, eu abedeci prontamente. Ele enfiou na buceta e metia com força e be, rápido, até eu sentir q ele gozou dentro de mim, apás ter gozado deixou um pouco e eu gozei também. Ele tirou e pôs no Cu, eu comecei a gritar de dor, mas não queria q ele tirasse, ele tirava do cu e colocava na buceta, tirava de buceta e colocava no cu. Então me virou e chupou minha buceta pra q eu gozasse, e eu gozei pela terceira vez, e fui fazer chupetinha nele pra ele gozar também. Quando terminou me vestir correndo e sai, sem falar nada. Ninguém nunca soube. Todo mês eu vou lá pra repetir a dose.

Bem, é sá isso. Eu mando outros contos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Comtoerotico alula com mamaecontos eroticos comendo minha sogracontoseroticos/pauzudocasadasou casada loba contoscontos eroticos sarrando mulher do corno de biquine na festa da praiacunhada no cio contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos minha irmãzinha tinha mania de sentar no meu colocontospegando a mae na marrameu amigo é travesti eu comer a mulher dele quando a mãe dele sair de casacontos eroticos minha namorada virgem e meu amigo pauzudoconto erotico padrastocontos eroticos gay cheiro de rolacontos erotico brincandovídeos pornô de avô sentando a netinha de sainha curtinha no colovideos de pau ficqndo ficando durocontos eroticos de meninas que ja perdram a virgindadecontos eróticos Vanessacontos zoo velha carentechantagiei minha sobrinha contosContos de mulheres, fudendo com seu avôcontos eróticos vovó gay militarhistoria de mulher cazada que deu a.buceta e o cuzinho por seu sogro na marra e ele tinha um pau enorme e grandecontos eroticos/chupar e cheirar chulécontos esposa loira recatadaSebastião, o vaqueiro que gostava de cavalgar 2contos.encochando.uma.negra.bundudaporno doido em cabines chupando e dando a buceta por buracos de paredesContos.eroticos.crentizinha.abusada.no.cuzinhoCoroas safadas que adorao uma pica,preta Contosconto minha namorada greludaxvidios da ninha vizinhacontos eroticos tive que dar pro homem da funerariaconto erotico dormir e chuparam meu paucontos de namorado viado com namoradaconto etotico antebraco na vaginacontos eróticos casamentomulher com uma bu dando nda inmencaContos filha de 7 com papaifodida junto com o marido contos eróticoscontos cu gostosoO gay falou da cabecorra da minha jebadei cu de fio dentacontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestibest camerasMeu primo gay que ve meu pauconto de sogra dando a b***** para genro safadocontos eróticos levei minha namorada virgem e santinha pra casa da minha mãe e quando ela saiu comi elacontos zoo mastiff taradoconto erotico mlkmeninas piranhas de calcinha fio dentalcontos eroticos de mulher que deu para cavaloscontos felipe comeu minha mulhrerfoi sentar no colo do tio sem calcinha e levou ferrocontos pornô de gordas faxineira grátisquero ver o filme de pornô a mulher metendo o Cascão na gemendo gemendocontos das danadinhas perdendo cabaçinhoestourando as pregas da minha noramama direito vadia csralhocontos erotico de estuproSobrinhas safadas relatos atuaiseu vou te arregaçar inteira me perdoa amor, desculpaContos de sogras velhas crentes rabudas dando o cunetinha de sainha sentando no paucontos ela gozou no meu dedo no metrôNo motel os dois cabaços das duas amigas da minha filha conto eroticocomentário de. mulher que ja a buceta pro donzelosurra vaginal amordaçada contocontogayporno conto na sauna do aroucheContos eroticos gay primeira vez traumaticaa morena virtual itaperuna rjContos eroticos sexo selvagem maeContos eroticos minha mulher me algemoucontos porno gratis evangelicas submissas e chantageadaszoofilia umcacete enorme pra pequena putaklaudia ria fudemdos xvpai fode fia a forsa contosMinha irma tarada conto