Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEDI CARONA E FUI ESTUPRADO

Bom dia,



Moro em Téofilo Otoni-MG e resolvi ir a Governador Valadares-MG que fica à 150km de distância. Sou branco, olhos claros, cabelos negros, 1,73 de altura, lisinho. Sempre vi pessoas pegando carona no posto da policia rodoviária e achei que poderia econimizar um grana indo de carona. Sai do trabalho, tomei um banho, fiz a barba e peguei minha mochila e fui para o posto pedir carona, ja eram umas 21 horas quando finalmente parou um caminhão enorme. Perguntou para onde queria ir disse que era até Governador Valadares, ele disse que ia para o Rio de Janeiro e se eu quisesse poderia pegar carona com ele que me deixaria na cidade. Como vi que era um coroa de mais ou menos um 58 anos e que estava sozinho resolvi entrar pois não vi perigo nenhum. Entrei e percebi que ele estava de camiseta e uma bermuda larga. Tinha um volume enorme na frente, pensei comigo que o cara deveria ser um jumento. Começamos a bater papo, ele me disse que era do Rio que ja estava longe de casa a um mês e meio, pois fez vários fretes na Bahia. Contou-me que era separado e que sentia muita falta da sua esposa, pois ela sempre deu o cuzinho para ele, e que ele adorava um cuzinho e me perguntou se eu gostava. Disse que nunca tinha comido, ele me falou que quando eu comer um não vou querer outra coisa, inclusive que os melhores são os de homem. Fiquei meio sem graça, mas como estava de carona tive que ir ouvindo. Ele me disse que adoro pegar um macho a força e dominá-lo, ir colocando o bruto todo dentro do macho e vê-lo tentar fugir. A medida que falava fui vendo que algo acontecia dentro de sua bermuda. Ele falou: veja sá em falar minha ferramenta já fica dura, e puxou pela berada da perna para fora um pau enorme e duro. Fiquei ainda mais sem graça, pois apesar de gostar de uma vara sou discreto e não queria dar na pinta. Falei para ele que estava com sede ele me disse tem água gelada ai na geladeira da boleia, pode pegar. me virei e fui pegar, como estava com uma permuda de tactel ao fazer o movimento para me inclinar para trás realçou minha bunda e percebi que ele deu uma olhada. voltei e coloquei a água no copo e comecei a beber. Acredito que ele tenha feito de sacanagem, pois deu uma freada brusca e água caiu toda em cima de mim. Fiquei todo molhado, ele pediu desculpas e disse que eu poderia me trocar sem problemas, pois tinha um buraco na pista e se não freasse seus pneus iriam embora. Falei que tudo bem, não precisaria trocar que daria para viajar assim. Ele me disse que é ruim viajar a noite molhado pois poderia pegar um gripe. Deu seta e encostou o caminhão no posto que ja estava fechado. Falou pode ir ai para a boleia e se trocar que espero. Fui para trás e tirei a roupa toda, me abaxei para pegar a roupa na mochila e minha bunda ficou exposta, acho que ele não resistiu e veio para tras com o pau para fora e disse que cuzinho lindo, vou te comer agora, pois ja tem mais de um mês que não como um cuzinho. Disse para ele que não sou o que ela pensava e ele disse se não é vai ser agora, pois vou te comer a força. Pedi para ele parar, pois não iria aguentar um pau do tamanho do dele, ele disse quenta sim. Pegou um lubrificante liquido e untou o pau todinho como estava de gosta não tinha com fugir, me segurou os quadris e disse: aguenta que vou enterrar tudo em você, veio e deu uma linguada no meu cuzinho, fiquei todo arrepiado, ele derramou lubrificante e enviou um dedo, a essa altura meu pau ja estava duro e ele disse: não falei que vocẽ ia gostar, agora vai sentir o que é um homem de verdade. Apontou a cabeça em direção ao meu anel e tentou entrar, nada de conseguir, pois era muito grossa, tentou de novo e nada, então enviou um dedo, depois outro, e outro, até alargar meu anel. Ai tentou de novo e foi forçando até que passou a cabeça, pensei que tinha me rasgado, ele me disse: agora vocẽ vai sentir o que é um pau de verdade, enterrou tudo de uma sá vez, pensei que ia morrer, desmaiei em cima da cama da boleia e ele deitou em cima, não consegui me mexer, sá sentia ele estocando, estocando, estocando, estocando até que sentir seu pau dilatar e encher meu cuzinho de porra. Ele se levantou e eu fiquei la sem forças para me levantar, simplesmente dormir, acredito que ele tenha descido e ido ao banheiro do posto, depois ouvi algumas vozes do lado de fora, de repente sinto alguem me pegar pela cintura novamente e encaixar o pau no meu anel arrombado. O cara falou no me ouvido, bem que o Paulão falou que você estava no ponto certinho era sá colocar o bruto na caragem. Enterrou uma vara enorme em mim e bombou, bombou, bombou, ate gozar. Pensei nossa deve que estava na seca. De repente a porta se abre e entra outro caminhoneiro e faz a mesma coisa, isso se repetiu umas 5 vezes, ja não senti meu cuzinho, pois estava enchargado de porra e arrombado. O Paulão entrou e disse agora até chegar lá em Governador vem para frente e meu chupa gostoso, pois quero gozar em sua boca a viajem toda. Assim fiz, tomei leite umas duas vezes e fui dormir peladinho na cama da boleia, todo gozado. Acordei com o Paulão no meu ouvido dizendo que iria tomar o café da manhã no meu cuzinho, e enterrou a vara até gozar. Ele resolveu não seguir viagem aquele dia e ficou me comendo o dia inteiro. Sá paramos para almoção e tomar banho, e até no banho ele me comeu, e ainda chamou outro caminhoneiro que estava no banheiro para comer.

Quem quiser provar é sá me dar uma carona, [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos fragei meu amigo dotado e minha esposacontos eroticos de curra gaycontos vendedora em casainiciacao putaria bi conto eroticocontos heroticos a mulher viuva do meu tíoo cu rosinha de minha neta de 9 aninhosContos eroticos meu sogrocontos eroticos traindo marido na Sala ao ladofudi o cuzinho do meu irmaozinho de 12 aninhoa contossexo gayenfiei tudo naquele cucontos eroticos. esposo duvidou da esposao cu rosinha de minha neta de 9 aninhoscontos eroticos pra sogrcontos erotico brincandoconto ninfetinhaconto gay era pequenocontosdesexotialesbicas presediarismoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticosconto erotico gay chupando tio bebadocontos eróticos de professor Gayminha mãe me ensinou ser puta contosconto erotico.sou madura e taradatrai marido com negao enorme contoscontos de chantagem analthiagodepaudurocontos eroticos lesbico casadas e travesticonto eroticos vendo a foder minha irma no papai betinhacontos eroticos minha mae gorda dos peitao mesmo assim comicontos verdadeiro aventura das melheres com mendigos roludosconto estuprada por pivetesconto erotico gay chupando tio bebadocontos eroticos coroas fudendo o cucontos de menininha inocentewww.contopadrinho.comcontos forçada a virar cadelaContos eroticos/dp com a ninfetinhacontos eroticos travesti ativa camioneiraxvideo zoofilia mulher da a bucetinha apoiada no cavaletecontos eroticos de meninas novinhas que foi iniciada por uma mulher lesbica no sexocontos eroticos quero fuderconto as coroa crentehttp://okinawa-ufa.ru/conto_1767_putinha-desde-novinha---esfolada-e-sacaneada-por-h.htmlpadrasto e novinha conto eroticocontos eroticos menino comendo madrasta na chantagemContos eroticos filha rabudacontos lesbicos visita ao ginecologistaContos eroticos Machucaram minha bucetao pito da minha sobrinha e o cu da cunhada contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos gay medicocontos eroticos velha greludaconto ermao fudendo o cuzinho do irmazinho pequenino novinhocontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cão juntasconto erotico veia 70 anoscontoeroticocasadaZoofilia contos menininha chega do colégio animaisconto gay fio dental humilhado pelo negrofoi da aboceta vije e a romboAi tira tira, aguenta sua cadela so vou parar quando eu quiser e quando eu tiver satisfeito piranhacontos eroticos no terreno com a donacontos porno deficientecontos meu marido da pica pequenacontos eroticos arrombando a gordaaluninha dando cuzinho virgem para o professor pirocudo contos eroticosrelatos erotico brasil surubaTransei com minha quando agente brincavacontos eróticos fui Penha a força por doiscontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticonto gozei nos pés pezinhocontos eroticos coroas safadascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos abusada pelo cachorrovídeo de pornô com as moletinho as mulatinha pornô vídeos sexosó não doidão priminha gostosameu vizinho m comeu ao meus dez anos contosgay