Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SOPHIA, CADELA BOCETUDA E GOSTOSA

Passei no sítio mais um final de semana de 19 a 19 de abril de 2011. Sophia, como sempre, é uma surpresa agradável e uma companhia maravilhosa. Eu acabava de vacinar um bezerro quando ela chegou como quem nada quer, mas farejando algo em mim. Bastou eu suspender um pouco a perna esquerda do calção folgado e ela deu as primeiras lambidas.

Fomos para o gramado da estrebaria, para ficarmos sás e a salvo, caso chegasse alguém. Mas, para nosso prazer, passamos a tarde na mais completa solidão. Adorei realizar algumas preliminares depois que Sophia deu as primeiras lambidas e minha pistola ficou em ponto de bala. Ela se tornou mais receptiva e mais tranquila.

Coloquei-a no colo bem acomodada e fui conversando com ela como conversaria com uma gostosa mulher. E parece que ela entendia de alguma forma, porque, cada vez que lubrificava o dedo e o roçava em sua buceta, ela ruminava algo me olhando com prazer. Como em cenas de sedução, cada vez que eu enfiava o dedo em sua xana vermelha ela me lambia o rosto, o pescoço, o nariz. Tudo isso foi me deixando louco pela iniciativa de penetração.

Sophia parecia mais sensível naquela tarde. Percebi isto no momento em que a coloquei sentada no meu colo, de frente, embicando a cabeça da pica para a xotona da minha querida companheira e ela pareceu desconfortável, como quem pedia tempo para entrar no clima.

Brinquei com ela um pouco mais. Deitados de ladinho, fizemos um sessenta e nove. Enquanto ela lambia meu pau, eu metia língua na buceta dela, que pulsava e alterava a temperatura, indicando que Sophia estava mais receptiva.

Depois de uns dez minutos de amor, coloquei-a novamente sentada na cabeça da pistola em brasa e continuei abraçando-a de frente. Estava bem lubrificada e colaborava na penetração. Embora por diferentes motivos, ela se mexia gostoso como uma mulher, e a ferramenta ia sendo agasalhada pela sua deliciosa xana, pulsando e abocanhando meu caralho, até que Sophia engoliu o último milímetro de nervo duro.

Quando ela acabou de agasalhar minha rola, ficamos quietinhos curtindo a pulsação, até que ela pediu para mudar de posição. Foram momentos muito intensos em que explorei suas entranhas e ela parecia gratificada com o meu abraço, com as palavras de amor e acolhimento que recebia.

Mudamos de posição. Passamos a um papai e mamãe super caprichado: enquanto fazia movimentos de entra e sai mais lentos, ela lambia minha face, até a coisa esquentar e eu meter-lhe a marram pra valer em busca do gozo profundo e delicioso: acelerei os movimentos, gemendo e conversando com ela, que recebia esguichos de porra quente lá dentro e começava ficar inquieta: Sophia parecia entender minha busca e seus movimentos colaboravam para eu atingir o ápice do gozo. Sua bucetona contraia e mordia meu caralho.

Como sempre, depois de receber jatos de porra, Sophia não conseguiu mais ficar sob meu domínio, querendo liberdade para lamber a xana escorrendo. Terminada a faxina, veio lamber minha pica melada, até ficar satisfeita. Aí a gente foi para o sofá da sala de TV e, enquanto eu via um filme, ela dormiu no meu colo.

Caiu a noite e a gente repetiu tudo com o maior prazer. Foi mais tranquilo, porque Sophia concluiu com sucesso a primeira sessão. Estava com a buceta inchada e lubrificada, porque, enquanto ela dormia, apliquei-lhe uma gostosa massagem com áleo fino e cheiroso.

Desejo receber mensagens dos leitores relatando experiências e avaliando este relato. Quero amizade com mineiros que curtem fêmeas animais. Sou casado, preciso de total sigilo e confiança. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos esposa fogosa sempre me coloca chifresContos sou viadinho dos tios e amigos delesminha mae me prostituia conto eroticoContos eróticosPadrasto e enetada loucos de amore paixãocontos eroticos eu e minha amiga levamos piça ggela e surpreendida quando esta lendo e seu namorado fode com ela boafadacontos eróticos sobre irmã bucetudapenetrando so nas coxa da prima novinhaminha mulher explorando meu cu contocontos eroticos festa a fantasiacontoseroticos minha namoradinha so me deu a bundaContos meu tio chupava os carocinhos do meu peitinhomaldoso comeu meu cuzim meladas de margarina na bunda e no cumeu subrinho enfiou o dedo no meu cu contoConto erotico espremia a cabeça da minha pica com o cu apertadoesposa de langerycontos eroticos gay transei com velho gayContos sogra medindo o tamanho do paucontos eroticos de travesti no cine iriscontõs eroticos com paus mostruosos fudendo casais novinhoscontos eróticos esposa foi levada na saidinha de bancocontos empinei bunda meu filhosobrinhosexos tia chuveirover dvd porno homems chupa bucetas de baicho da mesa tira calcinha do ladocontos de envagelicas encoxadas e fudidas na frente do maridocontos eroticos sadomasoquismo com putascontos erotico elas reclamam do pau grandicontos de rabos sendo dilaceradoscontos eroticosmadrasta fazendo sexo com enteadocontos de corno surpresa e flagra na minha esposaconto erotico travesti desobediente castigada pelo donoconto erotico sou empregada e viuvacontos bato punhetaeu entrei no banheiro e não sabia que a minha madrastra estava la e come. a xota delacorno bi na zoofiliaa gostosa d aobrinha pertubando o tio kovem no quarto cheio d teaaoconto do tarado que se fazia de bonzinho para comer as meninasmamae falou pra mim q tava carentecontocontos dois amigos aloprado fuderan u cu da minha mulherhttp://contos hetero piscinaContos eróticos menininha putinha com rostinho de anjominha pequena filha mas ordináriaesposa puta do meu tio corno contoconto erotico. sexo louco ele era devorador de buceta eu ficava louca demaiscontos eroticos fetiches. suzane deu pro paiContos eroticos estava de calcinha fio dental e fui fudida pelo mendingoContos eróticos curtos de cachorro lambendo a buceta da vóbaba fuderam conto eroticoconto erotico gay comendo o genrocontos erótico de casada bi certinhacontos eroticos entre tias e sobrinhas e enpregadasContos eroticos traindo marido na festacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos como perdi meu cabaço com meu vizinhoContos eroticos mulheres novas com homens velhosminha namorada perguntou se eu era gay contoconto gay tirei o atraso do meu primoconto erotico de casais com viadinhoContos eroticos esposa maduraAmigo do meu filho me fude junto com minha filha contoconto meu filho meu machocontos eroticos tia feiacorno de imperatriz maranhao contoscontos eroticos putinhaBaixou minha calcinha e meteu contoscontos eróticos sobre sobrinha virgem é bucetudacontos eroticos de travestis fudendo o tioconto erotico meu sogro de 60 anoscontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheirocontoseroticoscomendo a coroa loira e a filha delacomtos eroticos psseando com menininhadoido pra brincar na bundinha da sobrinha novinha inocente gratiscontos minha garotinhacontos: safadezas de um velhoarombei minha mae contos eroticos pornocontos eroticos de noraprimeira mulher a fazer zoofilia.no cinemacontos casada com porteirocomendo e sendo comido por hipermegadotadomeu padrasto e meu.irmao me comeumeu filho sem querer contosconto erótico vovô fode Eu e minha mãeContos iniciano as garotinhascontos erotico coroacasado comendo onovinhoporno noiva na boate contoConto erótico gay sobrinhomeu cunhado solteiro ele e o irmão gemeo do meu marido eu fui com ele no seu carro pro motel conto eróticoSobrinhas safadas relatos atuaiscontos encasa so andamos peladosporno negão fudendo navinha pau grande 68cma menina da latinha contos eroticoscontos fodi menininha por docescontos eróticos safadezas entre famíliaContos novinha sendo bolinada pel su titi e seu tio