Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FIZ A RUTE MULHER

Bem estou de volta contando as melhores partes da minha vida. Confesso que nao transo com frequência, alias nao transo há um quase um mês. A minha práxima transa e com a Rose, a sua filha e a sua Irma. Como todos sabem a Rose me apresentou este site. E espero que ela esteja lendo estes meus relatos, se excitando, ficando louca.

Quero contar sobre Rute, me aconteceu em Natal. Uma morena, adolescente, tinha 19 anos. Eu tinha 31. Estava passeando em uma feirinha de artesanato e ela trabalhava como vendedora. Eu estava acompanhado mais ao vê-lá fiquei com apetite voraz. Naquela noite transei muito pensando naquela morena, mas pensando em como chegar nela, achava difícil. No outro dia eu e minha garota nos separamos, ela para compras eu para Rute. Fui na loja, perguntei seu nome, nos apresentamos, entrei na sua loja e simulava interesse pelas coisas. A loja era apertada, e acabava que a gente se esbarrava muito, e eu estava sem cueca. Aproveitava e tocava sem querer nela. Que horas vc sai do trabalho? Porque? Eu quero te convidar pra um passeio. Você tem quantos anos? Porque? Eu nao quero ser preso! Falei brincando! Saio daqui a duas horas e tenho 16! Posso vim te buscar pra um passeio? Que passeio?! Ue andar, te levar em lugar que vc queira... Vc nao e casado!? E vc e comprometida? Daqui a duas horas... Poxa mais nao to arrumada pra sair nao... Bem a gente resolve isso. Chegou o horário eu estava lá ela nao. Voltei para o hotel frustrado. Ao chegar a encontrei. Ela entrou no carro, e disse se acontecer alguma coisa comigo a tua esposa e o hotel vão ficar sabendo.

Onde vc quer ir? Estou a tua disposição! Fui pra uma parte da orla há uns 40 minutos. Vc nao acha que a gente esta indo muito longe nao? Eu apenas ri. No caminho conversamos sobre muitas coisas. Chegamos na praia. Era um lugar rústico, cheio de cabanas individuais. Tinha uma barraquinha onde compramos uma roupinha mais a vontade pra ela. Ficava um pouco transprarente, ela ficou um pouco sem jeito mas aceitou. Fomos tomar banho de mar. Fiquei sá de bermuda afinal nada havia embaixo, mas os contornos parece que mexeram com Rute. Em um dado momento molhei sua roupa, expondo os biquinhos de seus seios. Vc quer transar comigo nem!? Por isso isso tudo?! Vc sabia que tenho 16!? Eu sou virgem! Bem vc parece ter mais... Quer ver a minha identidade?! O que posso fazer pra vc desejar ser amada aqui agora! Cara vc ta maluco aqui na frente de todo mundo!? Vc e casado!? Nao nao eu nao sou e se tudo ser certo ela vai te comer também! Ela se levantou Quero ir embora! Ta bom! Onde tem uma ducha pra tirar o sal? A indiquei. Ela demorou, demorava fui ver o que estava acontecendo. Na ducha ela terminava uma siririca gostosa! E bom nem?! Posso!? Entre. O que vc quer fazer? Eu quero que vc me beije! Beijei comecei pelo pescoço! Ali na ducha começei a amar a Rute! Ali na ducha a apresentei ao sexo, ao pau, ela sabia que ela seria minha da minha garota e de quem mais eu quisesse a dividir. Ela já sabia que ela receberia mastros por todas as suas entradas. Mas o privilegio de lhe tirar o véu de virgem era meu. E com muitos orgasmos. Ela tremia, convulsionava. Ela mau teve forcas para me chupar, gozei dentro dela. Alias gozei duas vezes. Ela umas trocentas. O celular tocou era a minha garota. Falei que estava indo e que íamos ter companhia. Ela falou que nao esperasse por ela, porque ela estava traçando duas garotas no centro. Perguntei onde ela estava e fui atras dela. No meio do caminho Rute me pediu pra passar em casa, na casa dela encontrei o seu irmão. Pedi pra ela se arrumar mas nao colocar calcinha nem sutian. Bem ela se arrumou, e saímos. Ela estava deliciosamente licenciosa. Na hora da despedida ela tascou um beijo no irmão, na hora eu pressionei a cabeça dos dois as bocas se tocando, os dois surpresos se olharam, vacilantes, fomos pra dentro novamente, peguei a mão dela e guiei ao membro. A mão dele coloquei no seio dela in natura pura pele. Era a senha. Se entregaram. E eu tudo via. Escolhi a hora tirei minha roupa e a encoxei, ela caiu de joelhos, convulsionava. O irmão entrou na frente e eu por trás. Era uma delicia o vai e vem, os gemidos, ela beslicava a costa do irmão, se beijavam freneticamente, gozaram. Eu gozei na boca dela. O irmão também. Tomamos banho e liguei pra minha namorada. Estou indo pra ir e estou levando um cara pra te comer. Você nao tem tabus, preconceitos passe um email e vamos combinar uma viagem juntos. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


novinha de camizola deixa o tio exitadoconto gay me sentindo femea pro machocontos de sexo com viuvaconto de quando era novinho chorei com uma pica grande no meu cuzinhoxoxota toda ardida com a madeira dentroContos eróticos com cão."me come"..."me fode" (contos eróticos)Conto erotico garotinho perdeu cabaço do cu e se cagouas duas bundinha para o macho contobuceta goza po 19minutocontos erótico mocinha mimada incestoporque.que.depois.que meu namorado chupou os meus peitos eles ficaram com o bico descacandoPrimeiro leitinho contoscontos eróticos fantasias de uma mulher gostosa iniciando os garotinhos novinhos e virgenscontos d cdzinha d shortinho socadoxvideo gay fletistacontos eróticos esconde esconde gaypornolouco ela se fode com sobrinho depoisa da escolacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erotivos mae fudendo pintor"estuprarem" contos eroticosconto ertico lambendo buceta ela gem mtoconto erótico primeira vez que eu levei o carro da minha esposacontos de sexo no bus primeira vezloira casada e filho conto erotococontos eroticos a calcinha da patroacontos eroticos passeio de lanchacontos de sexo com viuvaconto erotico d quem perdeu a virgindade com pistoludempregada humilhada contoscontos esposa branquinhaconto gay gusttavo limafudendo a sobrinha rapidiho no quintalconto priquitocontos eroticos traindo marido no futebolcontos eroticos corno vou te fuderfilha pega sua mãe dando pro seu namorado ponodoidosexo brasileiro com irmazinha gostosa na hora da malhaçaocontos eroticos ela come porracontos eroticos'a primeira vez que fiz um boquete na adolecencia'transei com o tatuador contoscomi.minha sogra no bscontos eroticos de pai obrigando filho a foder com.outros homecontos mulher dando pro jumentocontos irma nuaContos incesto filha calcinhaconto erotico da mulher de nome cris que gosta de varios cacetes e fez festa pra comemorar o casamentover conto erótico de passarinho doido pela afilhada novinhaContos erotico mim fantaziei de cachora para meu filhoconto erótico esposa dominada"amor vou dar" amigo colegaconto erotico gay chupando tio bebadocontos eróticos comi minha vizinhasambado se caucinha pra da pra pau grande e se deu maucontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelfudendo forte a gorda contocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos gay transei com velho gaypistolada cu contoMinha esposa obesa dormiu bebada e abriu suas pernas e meteu contocontos eróticos gay putinha pedreiroscontos eroticos puta donoasfantazias das mulher de pornoembebedei minha irma e a comi conto eroticoComtoerotico filhinha peladinhacontos eroticos traindo marido no futebolconto erótico- a pastoraconto elotico mae safadameu melhor amigo conto gayContos pornos-minha mae mamou o grelo da minha namoradacontos eróticos acompanhante no hospitalContos eroticos gay com cachorrocontos eroticos comi minha prima enquanto ela dormiafazendo a farra no cu da esposa em casa contoconto fui arrombado travesti dotadoconto erotico eu e meu pai fundemos minha filhacontos eróticos meu filho me acoxougodeminhaesposaconto erotico padrinho esposa bebada no churrasco conto eroticoler contos eroticos okinawacontos eroticos meu amigo pauzudo comeu minha mulher e minha filhacontos eroticos gay bêbadosdei pra um dog bem dotado me arromboprno irimo bebadocontos eroticos peguei minha traindo meu no depósitoBucetas virgemdas das adolecentes doidocontos porno filho do amigo secretocontos eroticos de casadas dano escondidosconssegui um cabacinho pro meu cunha do tira contoLer contos eroticos de casais casados fudendo dentro de cinemas com outros homensconto erotico gay chupando tio bebadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crente