Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU FILHO COMO AMANTE

Eu me chamo Isabel, sou loira cabelos loiros ate o ombro, 168m bonita sou casada tenho dois filhos um de 19 e outro de 16, e depois de 19 anos de casada queria arrumar um amante sem levantar suspeitas, mas quem poderia eu arrumar e algo seguro, eu pensei bem já sei o meu filho Felipe, já tinha visto o seu corpo e sempre tinha vontade de saber como era transar com um garoto, num certo dia tinha entrado na banheira de hidromassagem eu estava pelada de coque cabelo preso com dois pauzinhos na cabeça sem sutiã sem nada, e meus filhos chegam do futebol, suados e cansados querendo tomar um banho eles estavam ali falei que eles podiam ficar e tomar banho junto estávamos todos pelados eu sabia que meu filho tinha um prazer pelas mulheres de cabelo de coque e como eu estava não tirei para ver o que acontecia e aconteceu realmente esse meu filho que tem um pênis de 25 cm começou a beijar-me e falei o que você esta fazendo ele falou sá um beijinho na minha mãe ele começou a beijar minha nunca meu filho como fazia tempo que não tinha um carinho assim meu filho fazia esse carinho que precisava depois ele beijou minha pescoço e pedia para ele continuar e falava vai filho beija sua mãe mais mais forte e o outro meu filho observando chamei meu outro filho que estava na banheira e falei filho beija sua mãe no pescoço desse lado seu irmão esta desse vai para o outro e ele foi eles começaram a beijar e os pênis dos meus filhos começaram a ficar eretos não estava aguentando mais um deles começou a beijar meus seios e falei filho vai lambe os seios de sua mãe ele lambia e outro depois do pênis grande começou enfiar em mim na minha bunda não tinha sentido tanto prazer com meu marido como meus filhos davam ele enfiou seu pênis todinho depois o meu filho falou mamãe agora vou enfiar meu pênis em vc eu falei vai filho vai enfia esse pênis enorme em vai filho vai filho enfia mais que esta entrando não estava acreditadando meus dois filhos fazendo um sanduíche de sua prápria mãe, depois chupei o pau de cada um depois os dois duma vez, ele pediram mamãe fique de quatro que seu filhinho vai meter uma bengala em você fiquei de quatro eles davam estocas em mim era muito prazer, nesse dia já tinha encontrado não um amante mais dois jovens fortes seriam os meus filhos. Num fim de semana tudo perfeito: em casa, eu com o meu filho André, meu marido nunca poderia imaginar que eu iria traí-lo eu já comecei a provocar o meu filho André, o outro meu filho tinha ido viajar com o seu pai na casa de parentes : usei uma mini-saia minúscula, sem calcinha, e um decote bem grande. não aguentei, afastei a cadeira, abri as pernas, puxei a blusa pra baixo, mostrando os bicos duros, e comecei a esfregar a xana, olhando nos olhos Comecei a enfiar os dedos, revirando os olhos, gemendo e chamando. Ele não aguentou. Me pegou no colo, me levou prá sofá, deitou em cima de mm e já caiu de boca nas minhas tetas. Eu sentia o volume do pau duro nas calças dele, e parecia enorme. Não havia tempo par preliminares, eu queria fuder! Aí comecei a abaixar a calça dele, pedindo pra ele me comer logo. Ele então levantou minhas pernas e começou a meter a cabeça. Foi difícil! Doía, mas era bom demais! Aí ele percebeu que não ia dar pra enfiar devagarinho, e começou a recuar. Eu achei que ele ia desistir, e comecei a empurrar a buceta contra aquela vara pra ele não escapar. Aí ele entendeu o que eu queria e não teve dá: meteu o caralho de uma vez, enfiou até o fim, até que eu senti as bolas dele baterem na minha bunda. Que dor! Minha xota ficou arregaçada, toda aberta! Que delícia! Era isso que eu queria! Ele começou a socar o pau dentro de mim, cada vez mais rápido, até que eu gozei forte, gritando de tesão. Ele então parou, me virou de costas, me pôs de quatro e enfiou de novo, de uma vez, e começou a fuder com força de novo. Eu delirava! Ele começou a bater na minha bunda, me xingar de vaca, vagabunda, cadela Eu gozei outra vez, gemendo, gritando. Ele ainda não queria gozar. Tirou o pau da buça de novo, me pôs de lado e enfiou com força, quase me rasgou no meio! Eu já tava com a xota esfolada, ardendo, mas eu queria mais! Ele enfiava, me batia na bunda, me xingava, metia, me fudeu como eu nunca tinha sido fudida antes! Aí eu gozei pela terceira vez. Ele não quis gozar na xana, então tirou e colocou o pau na minha boca. Não cabia nem a cabeça! Sá consegui lamber, e então ele gozou uma quantidade de porra enorme na minha boca! Que delícia! Eu lambia os beiços, gemia com a buceta ardendo! Aí eu resolvi que queria mais. Levei-o pro banheiro, enchi a banheira enquanto nos beijávamos e explorávamos o corpo um do outro. Fomos pra banheira, ele ficou ajoelhado esfregando o pau entre as minhas tetas. Ele é louco pôr tetas! Aí ele resolveu me fuder dentro da banheira! Eu fiquei até com medo! Imagine, dentro da água, sem lubrificação! Mas ele queria, e eu também! Então ele me pôs de quatro de novo e enfiou. Enfiou de vez! Eu senti tanta dor na buceta que achei que não ia conseguir nem gozar! Ele metia com força, me batia de novo, dizia: "Eu sei que você adora isso! Cadela, ordinária! Vacona! Puta! Seu pensa que você é santa? Ele sabe a vagabunda que ele tem em casa?" E eu respondia: "Sabe, ele sabe que eu não presto! Ele sabe que adoro tomar pau!" Aí ele disse que queria arrombar meu cu. Eu fiquei apavorada! Sempre adorei tomar pau no cu Então ele gozou na minha xota, me enchendo de porra. Trepamos a tarde toda! fui tomar um banho fiquei morrendo de vontade de dar o cu! Então disse que queria que ele fudesse meu cu com violência e foi o que ele fez: me pôs de quatro (de novo!) e enfiou o pau de uma vez no meu rabo! Ai, que delícia! Ele gozou, mas não tirou a vara do meu rabo. Continuou metendo, com força, até gozar de novo. Meu cu já tava ardendo e latejando também! Que delícia! Ele ficou mais de uma hora dentro do meu cu. Ele sabe que adoro ficar com dor, então dizia: " Então toma, minha puta! Toma vara no cu que é o que uma vadia feito você merece!" Eu gozei forte, exausta! Aí deitamos lado a lado, abraçados. Eu estava toda melada, com uma grande dor na xota e agora também com dor no cu, mas estava feliz! Tinha encontrado os amantes da minha vida, não me arrependo de ter meus filhos como amantes.

[email protected] você sabe onde se adquire filmes de incesto ou algum site ou mesmo se você deseja fazer filmes de incestoLesbianismo ou algo parecido me mande para o meu email.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

Sites Adultos

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


ginecologista so no cu da sobrinhaboyzinho18 dando cucontos eroticos orgia eu marido com as casais de amigos na chacaracontosminha enteada gosta de dar a bundscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteseduzudo e fudido contos gayNo cuzinho desde pequenafamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticoconto de dei meu cu e não aguentei a pica grande deleconto clube de amamentacao de adultosSou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempocontos eroticos velha greludavendi a buceta/contofui chupada igual uva contoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos comi minha prima no rodeiocontos fazendo vovô gozarcontos eroticos ela desmaiouPeguei meu entiado masturbando com minha calcinha.conto eroticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos shortinho pppcontos eróticos o negro arrombou a coroa gordinha casada na áfricaprimeira vez que comi meu amigoo cu rosinha de minha neta de 9 aninhosconto gozada encoxadacontos porno mãe biquínicontos eroticos noivas.boqueterasPai transarno com as filhascontos eroticos engravidando a enteada bem novinhagostozade 19 anos fodeno gostozoensabuou o pauzao e enfio na gostosacontos eróticos deu pro meu filhoconto erotico gemendo com mibga filhadei o cu quando eu era pequeno contoscontos d cdzinha d shortinho socadovou começar com Vanessa bucetaSentir tezao por tênis feminino e normalconto erotico vendo meu subrinho mamando pedi um pouco para minha irmaContos Eróticos De. Dona Sônia A Coroa Mãe Do Meu Vizinho contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentexerequinha juvenil de perna abertacontos eroticos arrombando a gordaConto erotivo estupro veridicolésbicas infia arma gelada na ppk até gozarContos eroticos minha esposa rabudabrinquei com a afilhada contoContos virei a puta dos oito negros picudoscontos porno chupetinho para um adultoconto eroticotravesti comdno coroas casadascontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãoporno minha amiga descobri lesbicas dedilioscoleguinha liberal gay contoscontos mulher baixinha e arrombadacontos eroticos fudendo cm meu sogro do pau d cavaloconto erótico esposa de férias e tal marido sem querercontos dentistas safadacontos eroticos amiga negracontos lesbico eu a mulher do traficantePica de jumento com veiasconto erótico fode cm clientes no camaroteo tio caçula contos eroticos porno gaycontos Recém casada traindo marido com dono da casanossa primeira suruba picas enormes dos boys das piconascontos fudendo casal bi drive innporno quando o home empura o cacete no egua ela gozacontos minha mae minha puta 23cmconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cuContos eróticos não queria gozou dentrocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto banho com tia timidacontoseroticosnamoradavirgemcontos eroticos gang bang com os molequespequeninhacontoscontos eroticos gay: se tu deixar eu não conto pra ninguemminhas duas prima foi dormi em casa cime fou a duascontos de sexo entre conhados gaymoça vai a fazenda trepar com capataz bem dotadocontos eroticos chupei meu cunhado embaixo da mesa perto da minha familiaContos eroticos Fui estupra com meu tio negroComtos mae fodida pelo filho e sobrinhoContos minha mãe e sua buceta greludaAjudei minha irmã a gozar