Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A TATUAGEM QUE DEU EM SEXO

Oi, vou me apresentar. Sou de pele clara tenho 1,71alt. 74kl. Olhos e cabelos castanhos e longos o corpo meio malhado pois pratico muitos exercícios físicos, e sou tatuador em Pernambuco. Adoro uma sacanagem, e o que vou relatar aqui aconteceu mesmo, com uma de minhas clientes. rn Um belo dia pela manhã, quando eu tinha acabado de abrir o meu Studio chegou um casal, ELA 20 anos quase da minha altura falsa magra com uma bundinha redondinha, seios pequeninos que nem precisavam de sutiã para segurá-los, um rostinho que mas parecia de uma boneca de lousa, pele bem clara e lábios carnudos e bem rosados que indicavam a cor de sua bocetinha. ELE deveria ter uns 26 anos creio eu.rn Bom a princípio claro que não rolou nenhum tipo de flert, fiz o orçamento do desenho que ELA queria fazer, e como eles já tinham feito outros orçamentos (e claro também gostaram das fotos de meus trabalhos), resolveram fazer comigo mesmo. Aqui no meu Studio eu não permito acompanhantes na sala de procedimentos, expliquei o porque a eles e tudo bem. Ela vestia uma calça jeans e uma blusa comum de malha, mas como o desenho iria ocupar ¼ das costas dela, ELA claro que te de tirar a blusa, e pelo espelho vi sem querer os seus seios que eram mais gostosos do que eu tinha imaginado. Decalquei o desenho e ELA se deitou, enquanto eu arrumava o material, tentei puxar assunto mais ELA não era de falar muito, era praticamente um monálogo rsrsrsrs. Desisti então de conversar. Como o desenho era grande eu o dividi em três seções, a o término da primeira já marcamos logo pra uma semana depois a segunda seção, que rolou do mesmo jeito da primeira, a surpresa veio na semana da última seção. Encontrei ELA na loja cujo trabalha pra compras uma calça, e ao me ver fez uma festa danada e abraçando-me me deu dois beijinhos daqueles que pega a metade da boca rsrsrsrs adorei mas ao mesmo tempo me espantei pois aquelas coisinha gostosa que mau falava, agora me abraçava e me beijava com muita vontade, e me disse que não via a hora de ir terminar o desenho e que estava com saudades de mim pois tinha gostado muito de como eu a tinha tratado. Fiquei sem palavras e admirado com aquilo tudo, foi então que eu perguntei se ELA iria sozinha ou iria com o segurança(o esposo dela), e com um grande e malicioso sorriso nos lábios ELA respondei que iria sozinha dessa vez porque queria ficar mas avontade comigo, claro que eu adorei escutar aquilo mais fiquei meio sem saber o que ELA realmente queria.rn Bom chegado o dia e no horário marcado ELA me liga dizendo que iria se atrasar mas que não iria deixar de ir, e ainda completou dizendo que era melhor o atraso que sá assim daria pra ELA tomar um banho e chegar bem cheirosa pra mim. A coisa ficou mas estranha ainda pois aquela gostosa que mau falava, agora estava se atirando de mão beijada pra mim. A o chegar notei logo de cara que ELA me olhava com um olhar bem diferente de antes, e vestia um vestido que consertesa teria que tirar pra que eu fizesse o resto do desenho, e não deu outra, com uma voz maliciosa e um olhar safado ELA logo perguntou se deveria tirar o vestido pois não daria sá para baixá-lo eu disse que sim, e não acreditei no que eu estava vendo, ELA sá de calcinha preta transparente que dava pra ver o grelão dela que delícia meu pau deu sinal de vida pois o tersão já estava a mil. Pedi que ELA deitasse e foi foi que fiquei de pau duro de vez quando vi qua a sua calcinha era de renda e fio-dental que mau cobria aquela bundinha deliciosamente redondinha.rn Comecei a tatuar e depois de umas meia hora ELA me pediu pra ir ao banheiro, claro que deixei, me sentei e pude ver algo inesperado, quando ELA levantou pude ver que a s suas coxas estavam meladas, CARA delirei a o ver aquilo e tive a certeza deque iria me deliciar com aquela ninfeta. Por mas duas vezes vi a meladeira que se fazia da sua boceta carnuda o seu cheiro de sexo já fazia parte do ar que eu respirava.rn ELA pediu que eu desligasse o ar-condicionado pois estava com frio entrão retuquei dizendo que nem poderia lhe esquentar naquele momento e como resposta ELA disse que depois poderia, meia hora depois liguei novamente pois eu já estava com calor rsrsrsrs(também com aquela coisa deliciosa pra comer). Finalmente terminei limpei e cobri o desenho, e como não quer nada eu perguntei se ELA ainda estava com frio ELA respondeu que sim ai eu disse agora eu posso lhe esquentar, e sá de calcinha ELA me abraçou e como dois loucos nos beijamos que delícia ELA sem demora já foi logo abrindo o meu zíper colocando meu pau pra fora e caindo de boca, ELA estava com fome de pau mesmo,(acho que o maridão dela não estava dando conta do recado não).rn E sem demora tirei minha roupa toda, arranquei a sua calcinha e ELA não aguentando mas me pediu pra comê-la com muita vontade e que não tivesse pena, pois era pra comer com força, quase gozei sá de ouvir isso, logo ELA ficou de quatrornDe frente pro meu espelho dando assim pra ver a sua cara de satisfação em cada estocada violenta que dava em sua boceta eu segurava em sua cintura e a puxava em minha direção de encontro a o meu pau e cada vez mas ELA pedia pra comê-la com vontade. Mudamos de posição, sentei de frente ao espelho e ELA sentou em meu colo de frente pra mim e começou a cavalgar com muita vontade e força que loucura os seus gemidos já eram altos e suplicantes pedindo cada vez mas pra gozar em meu pau, segurando em sua bundinha e arregassandoa pude ver o seu cuzinho e não resisti lambi uns dos meus dedos e meti naquele buraquinho que piscava de prazer e com um sussurro em meu ouvido ELA disse (DELIIIIIIIIIIIIIICIIIIIIIIAAAAAAAAAAAA, adoro dedo no meu cuzinho), a essa altura ELA já estava pronta pra gozar e eu também já não me aguentava mas de tanto tesão, ELA gozou a os berros me chamando de gosto, me segurei um pouco mas e gozei depois dela, ficamos exaustos rn Tirei a camisinha e ELA com uma carinha de quero mas me perguntou se poderia lamber o meu pau antes que a minha porra esfriasse, e claro que eu deixei né, e quem não deixaria. Essa foi uma de outras foda que tivemos aqui no Studio mas isso é pra outro dia.rn Espero que tenham gostado, garotas que quiserem uma aventura é sá mandar um e-mail com fotos que quem sabe eu possa realizar a fantasia de vocês. Mandem e-mail para esse endereço [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos gozei dentro da minha irma dormindoconto eu meu marido e o tatuador Contos eróticos, ai tio, goza na minha mãocontos eroticos esposa danadinhairmao fode irma contos Eroticoscontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anossou casada rola grossacontos eróticos video gamefui currada na frente do meu maridoesposa puta do meu tio corno contocontos herotico mulher viajando sozinha em onibusConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmaCONTOS EROTICOS PROVADORcontos eroticos machuquei minha primacontos erotico eu ando na rua e fui estrupada gostosocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos lesbico casadas e travestisuco de uma magrela trepando em pornô famíliameu filho meteu no meu cu ardeu muitocontos eroticos minha sogra de calcinha rendarelatos hetero casado que deu o cudando a bunda fedida no mato contos eroticos gaysconto erotico gozar dentro bucetacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentetitio e sobrinha contoscontos eroticos arrombando a gordacontos de coroa peluda no ônibus lotadominha virgindade da minha buceta e do meu cu foi vendida pela minha mãe pro seu patrão coroa rico conto eróticoconto erótica estupraram minha esposa sograscontoseroticosConto erotico sou madura safada portuguesa e surubacontos eróticos convenci meu marido a comer sua filhacontos dei o cu pro agricultor pauzudoconto crente corno e curradoPirocada sexo gay velhos tara contos veridicoseu fundendo a buceta da minha tia ela gozo eu disse pra ela tia eu quero fuder seu cu ela disse pra mim eu nunca eu dei meu cu virgem pro meu ex marido ela disse pra eu fuder seu cu virgem conto eróticocasadoscontos estrupada por pivetessocando muinto rapido ate ela gozar tezao monstruoso boa fodatocando punheta no maracanaCONTO COMI O CUZINHO DA VOVÓZINHAfui consola a cunhada contoscontos eróticos estupradapegando coroa recém separadacontos eróticos no citio com vovôhttp://transei com empregado nn hotel gay contos eroticos gaybolinada.contosFodido na construçãocontos eróticos fez minha madrasta e minha mulher deconto eroticos ,tio e pai dando banho na sobrinha de 6ou 7cache:o2QtLYsJB5EJ:okinawa-ufa.ru/conto_23564_totalmente-submisso-a-minha-dominadora.html contos eroticos arrombando a gordaguria sapeca contos eróticos picantescontos e entai eroticos aproveitei o asalto pra comer minha sogracontos eroticos cunhada me ajudou quando me acidenteicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto fodi a amiga da minha mulherseu madruga coloca pau no cu da dona florindamulheres da buceta cabeluda que dar e nao aguentou a rola grosa e pedia para parar videopapai me ensinou chupar buceta conto eroticoCONTO DEPRAVADAgrande rabo da buceta gulosa ingolindo porracu ardidocontos ta doendo papaibaixa vidio caceta de travesti duronaconto erotico caseiro pau groso gode minha esposacontos eroticos dei buceta e o cu dupla penetracaocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos - arrombando cuzinhocontos espiando minha mae rabuda lavando roupaContos eroticos cuidado do meu sobrinhocontos de mulheres q se masturbammeu padrasto meu dono