Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A CHEFE COROA

Oi meu nome é Teresa, tenho 47 anos, divorciada, mãe e funcionária pública. Há 7 anos me divorciei e entrei numa depressão que me fez engordar 20 quilos. Eu que sempre fui vaidosa e considerada atraente, passei a não ser percebida pelos homens.rnHá 5 anos, chegou um novo funcionário na repartição onde sou chefe. Edson ou como chamamos ?Edinho? é 19 anos mais novo e já era casado, pai e muito bonito. rnEm outubro de 2010, depois de muita dieta e efeito ?sanfona? decidi reagir. Procurei ajuda médica e psicolágica. Passei a frequentar academia, lugar que sempre odiei, mas que passei a gostar e a ir todos os dias. rnAos poucos, os resultados surgiram e em 1 ano havia chegado ao meu peso ideal. Meço 1, 55 m, 50 kg, cabelos castanhos curtos e olhos castanhos. Estava radiante e confiante. Os homens, inclusive Edinho passaram a me olhar. No final de 2011, passei por uma cirurgia plástica no abdome e para reerguer os seios, mas não pus silicone, pois meus seios são médios para grande.rnJá fazia tempo que não transava. Eu estava obesa e depressiva o que afastava qualquer homem. Me satisfiz sozinha por muito tempo. Mas havia chegado a hora de recuperar o tempo perdido, mas tinha que tomar cuidado, afinal sou mãe e não quero prejudicar meus filhos. rnEm fevereiro deste ano, Marisa, uma amiga, me falou de um resort que patrocinava mensalmente encontro de solteiros. Seria um final de semana propicio para ?lavar a égua ? rssss.rnCombinei de deixar as crianças com o pai e fomos eu e Marisa para o resort, que ficava a três horas de viagem. Marisa já era cinquentona, loira, siliconada e muito tarada rsss, segundo dizia, não havia encontrado um homem que a tivesse satisfeito.rnChegando no local, ficamos decepcionadas, pois sá havia barrigudos e idosos rsss. Na piscina sá víamos homens escrotos.... todos nos comíamos com os olhos, mas percebemos que seria um fiasco.rnQuando voltávamos para o quarto, passamos pela pista de corrida e alguém me chamou. Era Edinho que estava dando uma corrida. Foi um colírio para nossos olhos, Marisa apertou minha mão e foi logo se apresentando ao gato rssss.rnConversamos rapidamente e ele nos falou que a noite iria ter uma festa na boate do resort, destinado claro aos solteiros.rnNos despedimos e Edinho foi o assunto ate a hora da festa. Lá pelas 23 horas chegamos a boate e não vimos ele. Logo fomos abordadas pelos barrigudos e vovôs rssss. Havia outros homens mais jovens, mas que também não eram grande coisa, além de outras quarentonas bem enxutas. rnLogo vimos Edinho chegar. Ele nos viu e veio ao nosso encontro, mas foi abordado pelas outras coroas que não o deixaram falar conosco. A mulherada estava muito tarada rsss. Como nosso gato estava muito ocupado, decidimos que daríamos chance aos quarentões que estavam nos cercando. rnFui levada ao bar, e Marisa ficou na mesa, ambas acompanhadas por grisalhões. O papo era péssimo, queria parecer moderno e coisa e tal. Descartei logo, mas não vi Marisa nem Edinho.rnImaginando que eles deveriam estar no bem bom com seus acompanhantes, voltei ao quarto para curtir mais uma noite sem transar. rnEu já estava no banheiro tirando a maquiagem quando ouvi a porta abrir e antes que eu pudesse sair vi pela porta entreaberta do banheiro Marisa e Edinho se atracando na cama. Não pude acreditar no que estava vendo. Eu pensando que eles estavam com outras pessoas, quando na verdade estavam juntos.rnMarisa estava por cima e já tinha tirado a calça dele e chupava o pau. Então ela, que estava de costas para mim, se levantou e fez um striptease caprichado. Então ela sentou no pau e começou a cavalgar. Estava claro como ela estava sentindo prazer, parecia uma louca subindo e descendo no pau de Edinho, enquanto ele mamava nos peitos siliconados dela.rnDepois sem tirar de dentro foram para o ?papai mamãe?. Marisa louca de tesão prendia ele com as pernas e ele num ritmo cadenciado não parava de socar o pau na xana dela. Depois de longos minutos, Marisa ficou na posição frango assado e assim pude ver cada centímetro do pau de Edinho entrando e saindo da buceta melada de Marisa.rnA essa altura, Marisa já havia gozado umas três vezes. Eles estavam encharcados de suor, mas Edinho não parecia cansado, de pau duro colocou Marisa de quatro e tratou de fodê-la na buceta por trás. Marisa gemia como uma gatinha. A cada estocada, ela engasgava com a prápria saliva e pedia e recebia mais. Vi ela gozar mais. Ainda de quatro e com o pau dentro, ela se deitou e Edinho se deitou por cima e sem dá nem piedade comeu Marisa que deve ter gozado várias vezes até que finalmente ele gozou.rnEu estava toda trêmula, minhas pernas não se aguentavam e eu estava de joelhos com a xana melada e três dedos nela.rnMarisa estava acabada, parece que enfim havia encontrado alguém com vigor suficiente para satisfazê-la. Eles se beijaram, ele fez carinho, mamou nos seus peitos longamente. Depois, abraçados Marisa adormeceu. Edinho a cobriu se vestiu e saiu. rnEu já estava recomposta e fui atrás dele. Não sabia qual era o quarto dele e o achei na piscina coberta. Ele me chamou pra entrar. Ao me ver de biquíni, não escondeu a admiração. Sá estávamos os dois na piscina, afinal já era de madrugada. Ele disse que eu estava muito bonita e não precisaria estar num encontro para solteiros. Me senti lisonjeada e respondi que se não fosse por ele, o final de semana teria sido um fiasco. Ele sorriu e então nos beijamos. Me pendurei nele, o abracei com as pernas e minha xana ficou bem na altura do seu pau que estava duro.rnEu falei para irmos ao quarto dele. Saímos da piscina e fomos direto. Ao entrarmos no quarto dele, ainda molhados, ele tirou meu biquíni e me fez dar uma voltinha e disse:- nossa chefe, como vc é gostosa!! Como eu sonhei em te ver assim peladinha!!! rnEu me senti o Maximo. O abracei e beijei muito. Depois me ajoelhei e chupei seu pau duro feito pedra. Dei um trato. Chupei desde as bolas até a cabeça. Fiz ele gemer, coisa que a Marisa não conseguiu.rnEntão no chão mesmo, ele abriu minhas pernas e caiu de boca na minha xana toda molhada. Ele dizia que meu ?melzinho? era doce que iria sugar cada gota do meu gozo. Eu estava em êxtase ao sentir sua língua me devassando e ao ouvir galanteios tão safados e ordinários que me deixavam com mais tesão ainda.rnNão pude segurar e gozei na boca do meu subordinado. E ele não parou e enquanto eu gozava o safado me chupava mais e me fez gozar seguidamente. Eu me sentia no paraíso, apás anos, eu me sentia sendo desvirginada rssss. Apás anos, eu estava de volta ao sexo sendo muito bem ?tratada?.rnSubimos na cama, abri minhas pernas louca para sentir o pau dele dentro de mim. Foi fantástico. Ele entrava e saía de mim, num ritmo frenético. Ele havia se transformado num animal do sexo, numa máquina que não se cansava. Eu me sentia uma puta, ordinária e estava adorando. Gozei no ?papai mamãe?, gozei como ?frango assado?.... de ladinho. Era incrível o vigor dele. Então fiquei de 4. Edinho meteu por trás e pegou meus peitos e disse no meu ouvido que aquela era a posição favorita dele e que imaginou me comendo assim varias vezes !!! então eu respondi:- então aproveita e me come seu cachorro, me fode por trás que eu quero sua porra agora!!!! Enquanto eu dizia isso senti o pau dele ficando mais duro dentro de mim... Edinho tirou de mim e tirou a camisinha e perguntou: quer porra chefinha?? Sim quero bem quentinha- respondi. rnEdinho ficou insandecido. Puxava meus cabelos e batia na minha bunda... e eu adorava. Gemia muito ai como estava gostoso..... o safado apertava meus peitos eu estava sendo toda usada por aquele macho gostoso. Gozei novamente, daquela maneira, de quatro, toda rendida. Seguidamente gozei com aquele pau dentro de mim.rnEntão Edinho pediu para que deitássemos. Ele por cima, com as mãos nos meus peitos, ele continuou a me comer por trás. Aquele contato corpo a corpo, quase completo me fez gozar de novo, e então ele anunciou seu gozo. ? Goza meu gatinho, goza dentro da sua chefinha... senti seu leite quente inundando minha bucetinha. Senti também a porra percorrer o pau antes de me inundar.rnMesmo cansado, Edinho me abraçou, nos beijamos longamente e em silencio. Adormecemos.rnDe manhã acordamos com meu celular tocando. Era Marisa perguntando onde eu estava. Claro que menti.rnDepois desse final de semana eu e Edinho passamos a nos encontrar diariamente. rnMantemos em segredo para não causar boatos na repartição. As vezes invento para minha família, uma viagem a trabalho para a capital para ficar mais tempo com ele.rnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


papai voce me acha bonita contos eroticosminha tia no sofa de vestid de perna aberta pornoContos eroticos meu primo nao aguentou e chupou a xoxota de minha esposa rabudaconto erotico gay entre pai e filhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto gay o amigoConto gostoso picante paicontoprimasafadinhacontos eroticos a chantagem metendo sem camisinhacontos eróticos gay com monstrosConto erotico dei pro meu papai e tiocontos eroticos garotinha dormindo no colo do padrinho de pijaminhamamae linda e brava/contosContos eróticos, ai tio, goza na minha mãoestourando as pregas da minha noraOi meu nome ê marta tenho uma amiga travesti e ela micomeuconto erotico gay chupando tio bebadoconto erotico com velhoContos eroticos trai meu marido com travesti bem dotadoe Deus que cavalo inteiro transando ai ele tem pinando amolecer botar a mão na orelha Ela empinative dar para um dotadocontos eroticos pasando pomadinha xxx.wwconto erotico comendo crente fielContos erodicos comi o cu de meu sogro corno vestido de mulhercomendo a família toda contos eroticostravesti coroa enroladinho Pretocontos eroticos ai meu gostoso mim come todinha vai faiz o que vc quiser comigo vai meu gostosoconto minha mulher e o mendigocontos fudendo na praia com mamaemeia-calça contos eroticosContos eroticos noviça virgemcontos eroticos novinhaconto erotico mamando na comadresocando a mao no cu do namorado tinscontoerotico orgia interracial esposas putaContos eroticos meu sogrocontos eróticos de vizinhas negras virgem e homes negrospai e filinha pequen q deixa pai come ela contosirma feiz sexo comigo eu gozei na boca delaconto erotico gay chupando tio bebadoLekinho cú apertadinho contos gaysconto deixei minha amiga molhadinha na massagemcontos gays festa de inauguacao do cuinhoo cuzinho da filhinha da minha namorada contos eroticoscontos irmãzinhaeu quero ver anaconda chupando leite da mãeConto o zelador e meninocontos comendo gay na vielaconheci a vara do meu padrasto muito novinha contos eroticoscontos eróticos realrelatos de sexocontos- neguinha gemeu no kctaocontos de quen comeu coroas dos seios bicudosno cu nunca mais contosconto dono da minha mulherchute no saco contos pornoContos Eroticos Gratis De Gay COMIDOquero asistir filme pornô gueis novinhos.fudendo primeira.vez.com.dotados.morrendo de dor.gritando.e chorando.muito. lady jane( zoofilia )Contos sogra mulher e cunhadas peladinhas na piscinacontos eroticos filha putaContos erótico pai tanto banho filhacontos sexo com enfermeirasvideos de porno sogro cardando a moracontos eróticos o sequestro da ruivinhacontos eroticos de mulheres tendo suas tetas mamadas por animais e eles metendo nelasconto elotico mae safadacontos eroticos treinamentocontos eróticos bebadafoi chantageada pelo meu colega de trabalhocontos eroticos arrombando a gordao cu rosinha de minha neta de 9 aninhosfala no telefone matrupadoconto padeiro me engravidoucomo minha esposa aguentou 23cm no raboconto gay depilando o camaradacontos de sexo orgia com a esposacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html coleguinha liberal gay contoscontos eroticos cuspe punhetaporno gay cara com video game no rosto e o outro chega fode logocontos eróticos com minha cunhadinha ainda bbConto eu e meu marido bebemos muita porra fresquinhacontos erotico a curta separacao meu marido virou chifrudoconto de insestoContos eróticos cuzinho virgem nao aguentou minha rola chorou e nao aguentouConto reunião de familia minha tia travestilora baixinha de fildental cpm a buceta rasspadinhaTrempando em cima da lancha com o coroa conto erotico