Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SURPRESA DA DAIANE ? PART.2

Era mais ou menos umas sete e meia da noite quando suas amigas chegaram, eram 3 amigas do trabalho, a Aline, a Pricila e a Amanda e com elas tinha uma outra garota que eu não conhecia, disseram que era prima da Aline, a Aline era uma morena, bonita, não tanto como minha esposa, mas era bonita, cabelos longos e pretos, peitos médios e uma voz sensual, a Pricila era uma loira, um pouco mais cheinha e a Amanda outra morena, mas mais clara, bonitinha e gostosinha, já a prima da Aline se chamava Bianca, morena, olhos verdes, cabelos longos e cacheados, um corpo bem desenhado, com belos peitos, cintura fina e uma bunda redondinha. Pois então, elas chegaram numa alegria sá, acho que mulher quando esta com as amigas sempre são assim né, foram para a cozinha e a Daiane pediu para que eu lhes fizesse caipirinha, coisa que fiz imediatamente, deixei elas conversando na cozinha e fui para a sala ver um filme, não conseguia ouvir a conversa delas, pois meio que sussurravam e o som do filme atrapalhava, sá ouvia muitas risadas. Depois de mais ou menos uma hora e meia a Daiane veio até a sala e me chamou para ir com ela até nosso quarto, fomos até lá, entramos e ela encostou a porta, me abraçou e percebi que ela já estava bem alegrinha devido a caipirinha, começou a me beijar e apertar minha bunda, então falou baixinho no meu ouvido: ?Você é minha putinha safadinha, meu viadinho, e hoje eu quero ti fazer de putinha na frente das minhas amigas, quero que elas vejam tudinho e você vai ser a putinha delas também.? Dei um beijinho na boca dela e falei que ela estava doidinha, falando besteira por causa da caipirinha. Ela pois a mão na minha boca e falou: ?Fica quieta putinha, vai ser nossa putinha sim e acabou, to louca pra ti ver de putinha na frente de todo mundo, quero te humilhar mesmo, cala a boquinha?. Ela começou a querer tirar minha roupa e eu não estava deixando, não queria fazer isso, não mesmo, estava morrendo de vergonha, quando de repente a amiga dela Aline entra no quarto e pergunta se estamos com algum problema, eu digo que não e a Daiane diz que sim, ela fala assim: ?Acha Aline, a minha putinha está com vergonha de ser putinha na frente de vocês, não esta querendo ser nossa putinha, vê se pode?. Eu quase cai das pernas quando ela falou aquilo, então a Aline me abraçou por trás e falou no meu ouvido: ?A que isso Vitor, para de frescura, a Daiane já nos falou a muito tempo que você é uma putinha e adora isso, para de frescura vai, a gente veio aqui sá pra isso, vamos ter você como putinha sim, ou por bem ou por mal, você escolhe?. Então eu fiquei paralisado ao ouvir que elas já sabiam de nossas fantasias, e a Daiane falou pra Aline ficar tranquila que eu ia aceitar sim, ia ser uma putinha bem obediente. A Aline então saiu do quarto e disse, tira a roupa dele que eu já volto, a Daiane começou a tirar minha roupa, eu chamei ela de louca por ter falado nossas coisas pras amigas, ela disse que se me avisasse eu nunca ia aceitar e por isso decidiu fazer de surpresa. A Aline voltou no quarto eu já estava sem roupa e ela com uma bolsa na mão, começou a despejar na cama algumas calcinha, meia calça, e roupas femininas, então disse para a Daiane, pronto, vamos produzir a Putinha, deixar ela bem bonitinha. Pegaram uma calcinha fio dental e me fizeram vestir, elas não paravam de rir e isso me deixava morto de vergonha, e ao mesmo tempo com muito tesão. Depois me vieram me colocando uma meia calça branca, a Aline passou a mão na minha bunda e falou: ? Hum de bundinha lisinha, que delicia?. Elas me vestiram com um vestido bem curto mesmo, que qualquer coisa já mostrava a bunda, então vieram me maquiar, disse que isso não, sá me mandaram calar a boca que quem mandava eram elas. Me passaram pá no rosto, blush, alongaram meus cílios, maquiaram meus olhos e me passaram um batom vermelho. Olharam uma pra outra e disseram: ?Pronto nossa putinha esta apresentável rsrsrs?. Pegaram-me pela mão e me levaram até a sala, onde estava as outras 2 amigas e a prima da Aline. Eu não sabia o que fazer, nem sabia se estava mais com vergonha ou tesão, Foi uma sensação jamais sentida até aquele momento. Então todas, sem exceção começaram a me rodear e apertar minha bunda, cada uma com palavras me xingando, de putinha, viadinho, safada, etc. A essa hora eu já notava que quem mais se deliciava com essa situação era a Aline, e também era a mais autoritária. Então a Daiane chamou a atenção de todos e disse: ?Pronto gente, agora o Vitor não é sá mais minha putinha, a partir de hoje ele é nossa putinha, nosso viadinho, e claro de quem a gente mais quiser?. Falou isso e riu, ela e todas as amigas. Então se sentaram nos sofás e ficaram me olhando, depois a Aline mandou eu ficar de costas para elas e mostrar minha bunda, me virei para elas e ergui o vestido, a Pricila disse para eu abrir a bunda com as mãos e mostrar meu cuzinho, peguei minha bunda e abri, a Pricila veio perto de mim e falou que ainda não via meu cuzinho, mandando eu abrir mais ainda, eu o fiz, então ela colocou a minha calcinha de lado, lambeu seu dedo e enfiou bem devagar no meu cú, ficava colocando e tirando, estava uma delicia, mas eu ainda estava com muita vergonha e não conseguia me soltar. A Aline veio até nás e colocou seu dedo na minha boca, dizendo: ?Vai viadinho, chupa esse dedo bem gostoso, chupa como se fosse uma rola bem gostosa, chupa que vou enfiar ele no seu rabo também?. Chupei bem gostoso, enquanto a Pricila ficava enfiando seu dedo na minha bunda, então a Aline tirou o dedo da minha boca e se juntou a Pricila, enfiando seu dedo dentro de mim, sá que a Aline colocou 2 dedos, sentia como se elas estivessem me rasgando, mas eu estava gostando daquilo, e ter outras pessoas olhando estava me excitando ainda mais. Tiraram os dedos de mim e me mandaram ficar de joelhos, obedeci como uma putinha, já estava aceitando a brincadeira e queria muito mais. Quando estava de joelhos, elas pegaram cada uma delas, uma cinta com pênis acoplado, vários tamanhos e cores, vi então que eu estava ferrado, mas eu queria mesmo me ferrar, ficaram em volta de mim e começaram a enfiar seus consolos na minha boca, primeiro veio a Amanda, toda delicada, enfiando e tirando bem devagar da minha boca, foi super gostoso, depois foi a vez da Pricila, ficava enfiando na minha boca, tirava e batia no meu rosto, enfiava de novo, então veio a Daiane, e começou a foder minha boca com vontade, enfiava tudo, até eu engasgar, enfia e falava para eu deixar bem molhado mesmo, que assim seria mais fácil de comer meu cú, depois foi a vez da Aline, essa sim não tinha dá, enfiava com tudo na minha boca e segurava minha cabeça, me fazendo chorar engasgado, eu estava quase explodindo de tanto tesão. A Aline então me fez olhar para elas e pedir para que me comecem, ficava falando pra eu pedir, dizer que eu queria ser a putinha delas, então eu comecei a pedir: ?Por favor, me comam, por favor comam minha bunda, eu quero ser a putinha de vocês, me comam vai.? Então fiquei de quatro, a Daiane veio na minha frente e me fez continuar chupando seu consolo, então a Aline começou a enfiar seu consolo no meu cú, era uma delicia sentir aquilo, devia ter uns 19 cm, era todos mais ou menos do mesmo tamanho, ela foi colocando devagar até entrar tudo e a Daiane não me deixar parar de chupa-la. Depois a Aline começou um vai e vem muito gostoso, estava tão bom que fiquei de pau duro, mas elas não virão pois estava de calcinha. Ela ficou me comendo por uns 19 minutos depois disse pra Daiane vir me comer e socou o consolo dela na minha boca, dizendo para eu deixar ele limpinho, chupava, mas chupava com gosto, enquanto a Daiane me comia e me xingava de viadinho, foi mais uns 19 minutos dando a bunda quando então veio a Pricila e me comeu também de quatro. Depois veio a Amanda, mas disse que era para eu sentar no seu pau e rebolar feito uma cadela, nessa posição foi meio deficil conseguir enfiar tudo em mim, mas consegui, subia e descia, então perceberam que estava de pau duro, me levantaram e tiraram minha calcinha, me xingaram de tudo quanto é nome e a Aline cuspiu na minha cara falando que a putinha tava gostando né, que tava adorando e eu balançava a cabeça dizendo que sim. Então sentei gostoso de novo no pau da Amanda metendo como uma vadia e minha esposa veio e começou a chupar meu pau enquanto eu dava a bunda bem gostoso, logo ela chamou as outras 2 amigas para me chupar junto com ela, eu estava para explodir de tanto tesão, dando minha bunda e tendo 3 mulheres me chupando, foi então que vi que a prima da Aline, a Bianca não estava participando da nossa festa, mas o tesão era tanto que nem falei nada, elas me chupavam e falavam para eu não gozar ainda, que a putinha delas sá ia gozar quando elas deixassem. De repente pararam de me chupar e a Amanda mandou eu sair de cima dela, sentaram todas no sofá e falaram: ?Vai Bianca a putinha é toda sua agora?. Ela se levantou e veio até mim, agachou no meu ouvido e falou: ?A putinha esta pronta para ser fodida de verdade?? Então começou a tirar a roupa dela, foi ai que vi que ela era um travesti, eu fiquei louco para chupar aquele pau maravilhoso logo e avancei com tudo, mas ela não deixou, disse que eu ia ver minha esposa chupando uma rola antes, pegou a Daiane pelos cabelos e a fez chupar seu pau, bem ali na minha frente, ficou assim uns 5 minutos até que a Daiane me chamou com o dedo e começamos os 2 a chupar a Bianca, nunca tinha chupado um pau de verdade, e nem imaginava que era tão gostoso, sentia ele pulsando, quente e meio úmido, foi delicioso chupar e ainda mais junto com minha esposa. Depois a Daiane mandou eu ficar de quatro e dar como uma vagabunda, quando senti a rola da Amanda começando a entrar em mim, quase desmaiei de tesão, ela me comia com vontade, e aquela rola de verdade, era muito mais gostoso, ficou me comendo até que eu não estava mais aguentando e disse que ia gozar, então a Daiane veio por baixo de mim e começou a me chupar, então gozei, mas gozei muito mesmo, mas gozei gostoso mesmo por causa daquela rola dentro de mim, enchi a boca dela de porra, que se levantou e veio me beijar, colocou toda minha porra na minha boca e mandou eu engolir, engoli tudo e quando acabei ela disse: ?Gostou né, agora tem mais?. Então a Amanda veio e colocou aquele pau gostoso na minha boca e me mandou chupar e punhetar, não demorou nada e começou a gozar na minha boca, não deixei nenhuma gota, bebi tudinho e lambi aquele pau como se fosse o melhor sorvete do mundo. Acabei exausto e jogado no chão, então todas vieram até mim, cada uma com seus celulares na mão, me mostrando os videozinhos que haviam feito da transa, e disseram: ?Agora vai ser assim sempre, você vai ser sempre nossa putinha, nosso viadinho, se não esses vídeos vai pra internet?. Fui pro banheiro tomar um banho e quando acabei elas já tinham ido embora, dei um beijo na minha mulher e agradeci, dizendo que tinha sido a melhor coisa que já aconteceu na minha vida, ela sorriu e disse que ia ter muito mais, era sá aguardar. Depois disso tivemos muitas outras transas e taras, em breve postarei outros fatos ocorridos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos viagem ônibuscontos erotico patricinha debaixo do edredomcontos eroticos com padrastos e enteadascontos faço anal com meu filho adolesçenteteen bucetas estupro contosna festa um travesti enrabiu minha esposinha echupei opau com porraconto de não aguentei a pica grande no meu cuzinhocontos comendo o cuzinho dela dopadaContos eroticos gozei na bunda da minha mãe que uma grande piranhaconto eroticos minha irma de vestido rosaconto erotico meu filho me encoxando estava friominha namorada ficando com.outro contoincesto tia gordinha contoscaravda pica imenca rasgando bucetaNetinhas mamando pica contoseroticosMeu pai e meu tio fudendo minha namoradaporno finho brexa tia tocado de rupanem peitinho teen grita na pau do vopirulito do titio contos inocentecontos eroticos cavaloComtos namorada fodida por homems casadosconto erotico pazes novinha e coroaesposa gorda contos eróticosconto de casada fudendo com outroEu eo velho da pica grande contosxvidiofodendo entisdatitio viu minha bucetinha e achou linda contosgatas angelicais a procura de um agarrao 4contos eroticos de curra gaydeflorando bucetinhas com pepinosse masturbando com a vó olhandocontos eróticos com meu querido irmãocontos sogra ajudandocontos eroticos como passei a ser travesti por causa do meu cunhadocontos eroticos meu genro caralhudo fodeu eu e minha filha conto erotico dona de casa casada cantadaConto erotico sou madura e sobrinhocontos erotico eu ando na rua e fui estrupada gostosocontos/meu primeiro broche e fodacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteeu e minha prima nps cariciamos a bucetaVizinha magrinha de cabelos preto fada do sexocontos ela deixou por no cuzinhocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto erotico macho dominador obriga puta a fuder com cachorrocontos eróticos espoza rabuda não casa de suwgcontos eroticos corno o comedor chegou a calcinha de lado e meteu tudoContos erotic minha mulher me amarrava e tortura contos gay com a mulher em casabuceta praia toninhas contos servente de pedreiroconto erituco humilhada e currada pelo amigo do meu filhom insinuei e fui estrupada e gostei muito contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos coroa chatamae com leite no peito contos eroticoscontos eróticos meu cachorro comendo minha xoxotaContos eroticoa transei cm um aduto na infanciaporno contos voyer no carro com esposaver coroas no baile de Carnaval chupando pau passando a língua no sacojumento comeu contosconto bebendo muita porraconto erotico bi com atendente de hotelcontos corno humilhado beija péscontos eróticos fizemos amor no carro deleesposa puta do meu tio corno contocontos eroticos de curra gaycontos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbcontos recentes de mulheres casadas gordas com animais sexoconto comi o cu da prima dormindo e ela cagou na camaporno de peladas meladas de margarina na bunda e no cucontos eroticos gays com mulatosporno familia papai e minha irma e eucontos eroticos de estuprocontos sogra punhetaviolada pelo tio contoContos eroticos gay funkeiroconto minha esposa rabuda deu pra familia todo na salaconto minha estagiária