Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI A POMBINHA DA MINHA PROFESSORA DE GINÁSTICA

Minha professora de ginástica dos tempos de colégio era o tipo ideal para um aluno tirar o atraso. Morena alta, esbelta, seios aprumadinhos e fartos, bumbum arrebitado e carnudo, lábios provocantes e prontos para serem beijados, um tesão de mulher.rn Confesso que sempre fui tímido para esses assuntos relacionados com namoro e sexo e tive que esperar uns belos 5 anos para criar coragem e chegar junto da professorinha "tesãozinho de adolescente".rn Certa noite, depois de uma festa, noite chuvosa e fria, estava saindo quando minha professora, esqueci de mencionar o nome dela, Mariza, me pediu uma carona até sua casa. Ela mora sozinha e não relutei em entrar para tomar uma saideira e mais um dedinho de prosa. Afinal, não é todos os dias que você conversa com uma ex professora gostosa.rn Depois de tomarmos algumas cervejas e jogar muito papo fora, criei coragem e fui direto ao assunto. Elogiei com todos os adjetivos o corpo bem definido de Mariza que ficou envaidecida e senti que gostaria de mostrar um pouco mais daquela beldade que se escondia atrás da roupa. Sem muito rodeio, elogiei suas pernas, coxas grossas e firmes, suas nádegas que levantava até pau de defunto e seus seios fartos e provocantes. Não demorou até ela ir ao quarto e voltar vestida com um camisão bem mais íntimo e provocante.rn Voltei aos elogios e por fim, ela sentou-se ao meu lado deixando as coxas à vista e não tive outra alternativa senão passar as mãos naquelas pernas deliciosamente bronzeada no seu auge dos trinta e poucos anos de idade. Que mulherão! Pensei olhando os seus seios que estavam praticamente à mostra.rn Mariza nunca foi de meias palavras. Ao notar que eu estava trincado de tesão, levantou e abriu o camisão mostrando o corpo totalmente nu. "Eu sempre soube que você é tarado por mim, então mostra do que você é capaz". Ela disse me encarando olhos nos olhos.rn Um suor frio subiu pela minha espinha quando ela aproximou-se mais e colocou seus seios colados no meu rosto. Tive duas opções, ou agarrava ela ali mesmo e comia no sofá ou começava dando uma lambida naqueles seios deliciosamente carnudos. Optei pela segunda opção e comecei lambendo aqueles peitinhos como um tarado e ela gemendo baixinho fazendo com que meu pênis saisse fora da cueca. Aquilo que era uma mulher de verdade!rn Passei os braços por trás dos seus quadris e apertei seu corpo perfumado contra o meu e beijamos prolongadamente até ela sentir meu pênis enrijecido por dentro da calça encostando em suas pernas. Ela tirou minha camisa devagar, como se fosse uma streeper, desafivelou meu cinto, baixou minhas calças e meteu a boca no meu cacete com toda fúria. Tive que segurar para não gozar naquela hora.rn Depois, pegou em minhas mãos e me puxou para o quarto e antes mesmo de caírmos na cama já gemia gostoso sabendo no que ia entrar. Dei um banho de língua naquele corpo fenomenal, passei um áleo lubrificante, que ela me deu, na ponta do pênis e comecei a penetrá-la lentamente enquanto ela gemia e pedia para devorá-la de uma vez.rn A cada estocada mais forte que eu dava, ela gemia mais alto, até que deu um grito e senti sua vagina mordendo o meu pau, sinal de que havia gozado gostoso. Esperei um pouco mais e depois forcei a barra e gozei duas vezes seguidas dentro daquela bucetinha semi-nova. Um espetáculo!rn Deitamos ofegantes na cama, ela sussurrando alguma coisa no meu ouvido que mal dava para entender e sentou em cima de mim colocando meu pau que mais parecia um mastro dentro da bucetinha aveludada e foi fazendo movimentos subindo e descendo até gozar novamente, enquanto eu chupava seus peitinhos durinhos.rn Foi uma noite inesquecível. Marcamos novos encontros para discutirmos as atividades físicas dos alunos dela e em todas essas ocasiões fizemos a maior festa na cama. É uma mulher que sabe provocar um homem e eu, como um bom pupilo não decepcionei. Em outras oportunidades conto os encontros que tive com Mariza, minha eterna professorinha de educação física do colégio e agora minha grande putinha.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Incesto com meu irmao casado eu confessocontos eróticos perdendo a vigidade com meu sogrocontos eróticos cachorro taradocontos de sexo com novinhas trepando com advogadosapostando a esposa contos eroticoscontos eroticos no cine pornocontos deu para homen de rola grande e gozou muito de esguinchoconto da mulatacontos eróticos de irmão irmão comendo a mulher no outroEu eo velho da pica grande contoscontos balas por metidas nas meniminhasSe a mulher fica engatada com o ccao quanto tempo ela pode ficar grudadapassa cuspe e meti no meu cu vai contos eroticosIrma cavala contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de negão advogado comendo loira clientecontos eroticos sou crentecontos eroticos teen espiandocontos eróticos dando pros pedreirosconto lesbico tia iniciando a sobrinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto gay cu cheio porracontos eroticos com homem contratado para engravidarcontos eroticos de colegiover bpceta bem grandeContos eroticos pescaria com minha filhacontos eroticos arrombando a gordaouvir contos eróticos gay meu primocontos flagrei meu marido me traindoporno quando o home empura o cacete no egua ela gozacontos eroticos de incesto filho arromba fode mãe carentecontos eróticos a dona da pafdei meu cu contosso putao dando o cu e gozando e gritandoContos o comedor de cu que dopa as gostosasminha esposa raspadinha contoconto porno de lesbicas ela so me dava o cu com o straponcontos eróticos na saída do paredão comendo c* virgemconsegui comer minha mãe contos eróticoscontos fudi a minha chefecontos eróticos família fodapatroa de perna abertacontos meu pai mi deu de presente pro negao picudo mi foder todaconto incesto perdia a aposta meu filho me comeucontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosgostosa encarando o pau monstruosofui estuprado pelo mendigocontos baixinha popozudacontos eroticos fui comida feito puta e chingadame fode me arromba seu velho safadoconto tia e prima no meu banheirofilme porno sogras de calça de laycracontos de cú de coroa viuvademorou mas comi o cu da minha sogra conto eroticopessoas fazendo sexo gostossoooocontos erotico de puta fudendo com velhocontos eróticos sobre prima bucetudaConto Chupei a buceta da virgemcontoprimasafadinhaContos eróticos de orgias orgia na chacara com a mamae gulosaConto minha filha so anda de fio dental em casaPorno contos incesto familia prazer total qualquer idadeconto erodico gay usando ropa de menina curtinha com o mendigocu delicioaoconto erotico primeira vezcontos eroticos na praiaconto erotico de minha esposa velho pausudoesposa bebada se abrindo apos a farra no bar contocontos me fuderam atraves de chantagenscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecavalo mangalar goza na boca da coroa resen separadacontos de coroa com novinhocontos: neu amigo comeu mimha filhinhacheiro de pica contos gaysocando fundo no rabo da sogra chifreiraconto fui lipar a casa do vizinho e dei pra elwmeus aluno roludo contosmulhere dando pro cachorro contos eroticpsContos eroticos de filhas peitudasconto erotico irmazinha virgemconto erotico no meu noivo fffffffffContos de minha mãe é uma deusatransei com minha filha conto eróticocorno conto eroticogozei nas coxas da filha contossubo em cima do teu pauminha bunda grande contocontos eroticos de mulheres casadas putas