Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FLAGRANDO A IRMÃZINHA

Flagrando a Irmãzinha

Meu nome é Alex, tenho 19 anos e uma histária incrível para contar. Aconteceu num dia em que, chegando do colégio, entrei em casa, indo para meu quarto. Parei ao ouvir sons vindo do quarto de minha irmã Vanessa, uma deliciosa ninfeta de apenas treze aninhos. Eram risadinhas e cochichos nervosos. Curioso, grudei o ouvido na porta, tentando entender o que se passava. Logo identifiquei a voz de um garoto da vizinhança, um pirralho de não mais do que onze anos. Imaginando que o que se passava lá não eram inocentes brincadeiras, abri a porta bruscamente, flagrando Vanessa sem blusa, com a saia levantada e a calcinha arriada, exibindo para o garoto os peitinhos ainda incipientes e a xaninha quase nua. Ainda pude percebê-la tirando a mão do pau dele. “Ah! Mamãe e papai vão adorar saber disso...”, disse eu. “Não, por favor Alex, não conte nada...”, implorou minha irmãzinha quase chorando. Congelado de medo, o garoto permanecia imável, sequer recolocando o calção arriado. Lancei-lhe um olhar fulminante, dizendo, ameaçador: “E você, seu pirralho, o que espera para sumir ?”. Ele não disse absolutamente nada, saiu correndo apavorado ainda recolocando o calção. Eu, então, voltei a atenção para Vanessa. Para minha surpresa, minha irmãzinha exibia um sorriso cínico. Deitando-se de costas, apoiada nos cotovelos, tinha as pernas abertas. “Se não contar, posso ser boazinha com você...”. Não acreditei em ver minha prápria irmã que, até pouco tempo antes brincava de bonecas, oferecendo-se a mim como uma vadia. Pensei em xingá-la, mas a visão de sua xoxotinha me fez hesitar. Cheio de culpa, porém, muito excitado, abri o zíper da calça expondo meu cacete duro, agarrei-a pelos longos cabelos negros e a puxei para junto de mim, obrigando-a a abocanhar-me. A habilidade de sua linguinha me fez delirar. “Para quantos você já deu, putinha ?”, perguntei, louco de prazer. Tirando meu pau da boca, ela respondeu com o mesmo sorriso cínico: “Para todos os garotos da vizinhança... O que você acha ?”. “Ah, é ?”, devolvi no mesmo tom, “Pois agora chegou a vez do teu irmão !”. Puxando-a pelos cabelos, fiz Vanessa ajoelhar-se e ficar de quatro. Meti a mão em sua bunda lisinha e acariciei o cuzinho com os dedos. “Não! Assim não!”, protestou ela. Â“É o seu cuzinho ou papai e mamãe sabendo de você e aquele pirralho ...”. “Seu tarado desgraçado!”, gritou ela, mas sem resistir. Não respondi, apenas coloquei meu pau na deliciosa bundinha de Vanessa e tentei enrabá-la. Porém, por mais força que fizesse, não conseguia meter em seu cuzinho ainda virgem. Cheio de tesão, estiquei o braço e apanhei de cima da mesa de cabeceira um pote de creme para espinhas que minha irmã putinha usava. Abri o pote, lambuzei os dedos e besuntei meu pau com o creme. Limpei os dedos entre as nádegas de Vanessa, ajustei meu pau em seu cu e forcei a cabeça da pica contra as preguinhas ásperas. Não precisei mais do que duas estocadas para mergulhar o pau na bundinha deliciosa. Vanessa gritou, contorcendo-se de dor enquanto meu pau entrava todo em seu cu. Comecei então a bombar contra suas coxas. Não demorou muito e o que eram gritos de dor viraram gemidos de prazer. Vanessa começou a rebolar a bundinha, tomada pelo prazer do primeiro sexo anal de sua vida. Quando gozei, enchendo sua bunda de porra, ela gritou para que eu não parasse. Aquilo me deu forças para prosseguir. Quando senti a ponto de gozar novamente, retirei o pau de seu cuzinho e o enfiei na xoxota, completando ali o delírio. Acabamos por cair os dois sobre a cama, exaustos. Para minha surpresa, minha irmã, depois de alguns instantes ergueu-se e me beijou na boca. “Você foi incrível !”, ela disse. E daquele dia em diante nos tornamos amantes. Bastava nossos pais se ausentarem e lá estava Vanessa em meu quarto com o pote de creme para espinhas... QUEM SE INTERESSAR POR CONTOS ENVOLVENDO NINFETAS E INCESTO, ENTRE EM CONTATO COM [email protected] TENHO VÁRIOS OUTROS DE MINHA AUTORIA E GOSTARIA DE LER DE OUTROS AUTORES.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico gay chupando tio bebadocontos eroticos brincando com meu cachorrinho taradocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentetereza okinawa pornocontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludacontos erotlcos de mas com bundas volumosas fofinhascontos eroticos crente traindo o marido com o Dogcontos eróticos minha sogra gordacontos corno empretei minha mulher para traveti e fikei vendoContos eroticos o marido gostoso da primacontos eróticos mas que porra de meio irmãovidio porno u homen gozano na buseta po sema dacasinhacontos eroticos sou casada tenho filhos meu marido otavio meu sobrinho parte 3filho me fudeu na conacontos eroticos de maes crentes com peitos enormes com filhocontos de maes flagando fihos punheteiroscontos eroticos surpreendeu a esposaconto mamando minhas tetas e me abusandoconto eróticos menina novinha petuda caindo de boca no pau no macho pintudocontos eroticos gay vendo filme porno com tiosogras e esposas loucas em pirocas grossas,contos e relatos eroticoscontos erotixos comi abuceta da minha irma cadeirantecontos erotico com loira e negaogozei no copo e dei pra minha tia bebeu contoso cu rosinha de minha neta de 9 aninhoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico barzinho depois servicocontos casada que e amante do genro por causa de sexoKadu meu primeiro heterocontos gay virei escravo de molequecontos vendo o meu cunhado a fode minha irma betinhaFotos de mulheres com opriquito melado e de fio dentalpequeninhacontosminha mae adora um negao contos eroticos gratisconto erotico meus peitoscontos erotico femininos chupei o professor da faculdadecontoseroticospedreirofiz boquete dei o cu pro meu irmaonúpcias interracialcontos eroticos fui comida na fazendaconto erótico de mãe transformando filho em mocinhacontos lesbico meus pais viajarammorena cabelos pretos seios durunhos e aureulas escuras deliciasandra trasano com amigo na casa delecontos eróticos minha servacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevi minha esposa dando mole contosvizinha crente eroticoContos eroticos viagem a africacontos eroticos familiacontos e mega grelo de titiacoleguinha liberal gay contoscontos eroticos arrombando a gordaconto conheci e comicontos erotico de trans com esposacontos eroticos arrombando a gordacheguei da escola vi minha p*** s***** dando para o meu tio minha prima piranha s*****comi minha filha pensando que era a minha mulhercontos de lesbica chupando a buceta eo cu da outrapuro sexo sou muito deliciosa viajei com meu filho conto incestoincesto contos suruba com minhas irmascontos eroticos minha mae gorda dos peitao mesmo assim cominoiva putinha titio velho caralhudo safado noivo corninho manso safado contos eroticos com fotoscontos eroticos syrubascontos erotocoa de alufando esposaesposa puta do meu tio corno contoconto eroticos rolas na beceta das mulheres taradaloira resebi anal depois de treinamentominha avó chupou meu pintinho :contos eróticosvídeos.pornôs.contos.eroticosdeincesto.mãe.efilhacontos estupradaContos eróticos da minha sogramuita pica e plug no rabinho contoseróticosadiantei no servico e oeguei minha espoza chupando a vizinha contoContos eroticos o professor de quimica me comeu varias vesses e tirou minha virgidadecontos pornô de gordas faxineira grátisContos eróticos:meu querido professorcontos eroticos incentivei minha minha a trepar com dois enquanto eu dava meu cuzinhocontos eróticos filhinha bobinhaContos inserto com as subriasum cu para muitos caralhoscontos eróticos irmã calcinha dormindocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentearrombarao minha filhinha na festa da empresa contos erticosconto de mulher de sc fodendo com cachorrogoza nuoutro egravidacontos eroticos traindo marido na Sala ao ladocontos eroticos de como eu perdi minha virgindade aos 16contos eroticos querendo uma rapidinhacontos eroticos enconxei e comi cu fa minha sobrinhaconto erótico dando para o vizinho quando o marido saiContos eroticos chantagiei minha irman casadaminha mulher fudeo com varios neste carnaval contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemolestei minha filhinha contos eroticosconto erotico gay chupando tio bebadoconto minha mulher e o mendigo