Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CAVALEIROS DO ZODIACO - 01 - QUANDO TUDO COMEÇOU.

Resolvi postar contos sobre esse anime por que a mim desperta curiosidade e fantasias ao assisti-la. Com personagens lindos e bom de ser explorados vamos ao primeiro conto, a descoberta do sexo por cada personagem... alias, vou citar apenas quatro aqui... de acordo com as outras aventuras vou colocando outros, os principais serao: Shyriu, Seya, Shun e Hyoga.



vamos ao que interessa:



"Era uma tarde nublada na Sede da Fundaçao. Seya em seu quarto vendo uma revista sobre lançamentos de jogos do Play Station 2 que ele tanto gosta, entediando-se depois de meia hora. Resolveu entao ir andar pela Fundaçao para ver o que seus amigos faziam. Shyriu, meditava em seu quarto, Seya observou por um momento e saiu, nao quis incomodar. Hyoga falava ao telefone com alguma conhecida no torneio galatico pela armadura de Sagitário. Seya entao, correndo as maos pelas paredes da fundaçao chega perto do quarto de Shun, ao qual a porta está fechada, resolvendo entao, pregar-lhe um susto; bruscamente, abre a porta e paralisa-se ao ve-lo se masturbando e olhando uma revista gay, porém o que Seya nota é que nessa revista sá tem loiros. Passado o momento de paralisaçao devido ao susto, Shun já havia vestido seu macacao, o que fez rapidamente, Seya aproximou-se do amigo, atônito, e brincou: "bem que eu desconfiava!", Shun vermelho de vergonha replicou: "não conte pra ninguem." Seya entao correu rumo a porta ameaçando gritar, Shun levantou-se bruscamente gesticulando negativamente e caindo-se na poltrona ao perceber q Seya estava somente brincando. Seya voltou-se a Shun e conversaram por um breve periodo sobre o assunto, até Seya achar, entre as revistas de Shun, uma fotografia de Hyoga. Questionado por Seya sobre a fotografia, Shun respondeu afirmativamente a pergunta sobre gostar do Hyoga. Shun entao começou a chorar. Seya nao querendo ser indelicado, guardou todas as revistas para Shun, e logo foi afaga-lo, estando com Shun aos seus braços sussurrou ao ouvido de Shun: "nao se preocupe Shun! estamos juntos nessa!" Trocaram olhar profundo e sincero, segurando a mao um do outro fortemente e calorosamente, nesse instante entra Jabu de Unicárnio, que questiona sobre a situaçao. Seya apenas explica que Shun está preocupado com Ikki, seu irmao, já que, rotineiramente Shun chora lembrando seu irmao que nao via há um bom tempo. Jabu logo sai e Seya pede emprestado a Shun uma de suas revistas. Uma que tem varios cabeludos nus. Shun sorri e empresta-lhe a revista. ...

Passado algum tempo, estao conversando, apás o lanche feito toda tarde, os cavaleiros de Andrômeda, de Cisne, de Unicárnio, de Hydra, de Dragao e Saori, notando a ausencia do cavaleiro de Pégasus, Seya, nao se preocuparam, já que Seya as vezes se ausentava para correr pelo bosque da cidade. Hyoga voltava para seu quarto, quando ouviu algumas pancadas vindas do quarto de Seya, assustou, sentiu uma cosmo-energia diferente emanada de lá, abriu a porta vagarosamente e viu Seya sentado de costas para a porta com roupas de Gueicha cavalgando em um manequim vestido com quimono chines, e se masturbando ao mesmo tempo. Nao querendo incomodar o amigo, saiu do quarto e logo que virou no corredor deu uma gargalhada discreta e encaminhando-se para seu quarto. No caminho encontrou Shun e foram para frente da fundaçao, onde tinha uma fonte para conversarem, prática muito utilizada pelos dois, pelo menos uma vez na semana vao ali pra conversar sozinhos durante horas. O tempo estava ameno e confortante, tornou-se noite ali, resolveram ir para seus dormitorios. ...

Na madrugada, Hyoga, acordou mais uma vez com aquele sonho estranho. Ele sonhava, rotineiramente, que estava de maos dadas com Shun correndo por lindos campos arborizados e florados com lírios, não entendia por que o amigo estaria ali naquele sonho, entao, perdendo o sonho e pensando no sonho, ligou a televisao pra distrair e pegar novamente no sonho, porém, ao ligar, notou que passava um filme com tematica homossexual. Sentindo-se muito confuso Hyoga se viu excitado ao ver uma cena em que dois homens se beijavam e poeticamente, no filme, tiveram uma relaçao sexual. Notou que seu membro estava tao duro quanto o gelo da Sibéria, onde foi treinado, e pegou-se pensando em Shun de costas, toda vez que tomavam banho juntos todos os cavaleiros quando criança. Não resistindo, desceu logo as calças e começou a se masturbar pensando em Shun. Ao gozar, se sentiu enojado por tal pensamento. acompanhando o outro filme que tinha começado, dormiu. ...

Acordou tarde essa manha, por volta das dez horas, sendo acordado por Shyriu que se preocupou com a demora do amigo. Tomou banho e logo desceu pra tomar seu café da manha, sozinho, pois todos já haviam tomado, Shun apareceu na cozinha assim que Hyoga terminou sua refeiçao. Hyoga lembrou-se da ultima noite e respondeu apenas um "bom dia" enviado ao amigo Shun e retirou-se da cozinha friamente sem se preocupar com a estranheza com que o amigo o olhou. Shun chorrando e correndo foi ao quarto de Seya preocupado com o que havia acontecido, logo desconfiando que o amigo pode ter contado de seus sentimentos por Hyoga. Seya negou, acalmando Shun, porém não tirou sua tristeza, já que Shun nao compreendeu a açao do amado. Seya apenas disse "deve ter acordado com mau humor. Até os mais frios demonstram sentimento!"

Shun riu do amigo dando em Seya um abraço caloroso, Seya correspondendo. Nesse instante entra Hyoga no quarto de Seya, e retira-se sem ser percebido, suas suspeitas tinham sido confirmadas sobre Seya, "mas com o Shun?" Hyoga pegou-se sentindo ciúme de Shun, mas resolveu caminhar para aliviar a confusao que se instaura em sua cabeça. Nisso, ouve-se, do quarto de Shyriu uma voz de homem estranha, parou um momento, silencio, pensou consigo mesmo: "estou ficando neurático. Relaxa Hyoga! Relaxa!

entrou em seu quarto, deitou-se em sua cama e ao cair em si, notou que havia anoitecido, dormira por várias horas.





Bom, nao sou expert no assunto "contos eráticos" mas acho que com o tempo vou aprendendo. Quem for fã do anime e ler esse conto e tiver alguma sugestao ou quiser me conhecer e conversarmos por msn, o meu e-mail é [email protected] Como sou muito reservado, nao estou aberto a encontros pessoais, apenas virtuais. Quem sabe, me interessando na pessoa, rola encontrar pessoalmente

obrigado galera!

até o práximo!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico gay chupando tio bebadoamiga inseparavel chupa a bucete uma da outraCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA ESrelatos verídico de homens que se masturbou com calabresarelato erotico cheirei a calcinha gozadame fode gostoso contoscontos eróticos esposa trai o marido sem saberesposa puta do meu tio corno contomulher bem negra asunlona tranzam com jumeto contos eroticos entre mae filho na praianovinha inocente chorando com dote da travesticonto erotico bi com atendente de hotelcontos erotivos mamar no pau infanviacontos eróticos caderamte analcontos eróticos de novinha dando para garanhãomeu professor meu namorado contos gayconto erotico insesto entiada sentada no colo do padrastrocontos eroticos de incesto: morando com meu irmão.minha esposa com negao contoscontos no orfanato gayZoofilia de cachorro engatado com mulher (contos)cdzinha de soroca  contos minha mulher pagou minha divida com a bundacontos eróticos a rola descomunal do meu empregadocontos minha mulher pagou minha divida com a bundaconto erótico do vovô e a netaConto erotico com a vizinha coroafotos de relatos de fatos reais nora transando com sogro no Rio de Janeirocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos quando eu era pequeno meu colega me comeuhttp://googleweblight.com/i?u=http://okinawa-ufa.ru/conto_3499_sonho-realizado.html&grqid=us62HVTu&s=1&hl=pt-BRuma dupla penetração com vibrador contoscontos eroticos com escravas sendo humilhadaComi a cadeirante casada contoscontos eroticos gay eu sendo arrombado por dois amigos negros do caralhão grossoContos eroticos da infanciacontos eroticos excitado por minha filhacontos erotico mae tia sogra e menino.pau de 30 cm.de sungacasada sedusida pelo novinho pintudo contosabusada pelo filho contopau atochado no rego da joanacontos filha se fode pra aguentar a geba do pai no cumeu pai chupou minha bucetinhaconto erotico irmafilme pornô minha prima gravata preta para mimhestotia porno a grande fantasia de meu marido e c cornocomprei a Cristina da mãe bêbada contos eróticoscontos eroticos d pessoas q venderam a virgindadeCrossdresser de salto contos eroticoscomendo a vendedora contos eróticoscunhada contosQuero treinar o vinha perdendo a virgindade da bucetinhaZoofila comi a mãe de meu amigogritei muito enrabada contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos zoofilia com bodeincestos como Virei p*** é obediente dentro de casa numa festacontos heroticos muheer arrummando amante p maridocontos ficava toda molhada quando minha sobrinha falava do pau do namorado delaSexo no aterro do flamengoconto vestido fino no onibusfotos porno mostrado xoxota pra bater acela puetafui acordar o sogro pauzudoContos ruiva novinha d baby dollmelheres contos de encoxadas em mulheres com o marido pertomaesqUefaZemsexocontos erotico mimha filha e minha netacontos de sexo espiando minha maefrutaporno insensto cim a cunhada gostosa sentado na pistolacontos eroticos com fotocontos eroticos de loiras com negroscontos eroticos velha donzelacontos eróticos com mais de 5contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos traindo: viajando contos eróticos comendo a mulher do irmão na festa do final de anoCU arrombado ABERTO madrasta contocontos eróticos vi minha esposa gozar no pau de invadir negãoconto pai por favor mim enxugaconto erótico dando pra um mendingocontos eróticosmenininha dormindohistoria porno de meninas com seu irmao tarado nocamp