Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

LASQUEI O CU DÁ SOBRINHA CURIOSA

o que passo á contar aquir é real.tenho todos mim chamam de bombom por que eu sou uma pessoa boa.tenho 42 anos sou bem coservado,gosto muito de sexo.temho uma irman que tem uma filha de 19 aninhos.um estouro de menina.morena clara.peitinhos pequenos,parecendo dois tomates,cintura larga, e uma bunda super impinada,rosto de criança.bom.sair de ferias do trábalho e fui passar uma semana com minha adárada irman que é separada do marido e mim pediu para murar seu quintal dá sua nova casa no suburbio,lá chegando acertamos como tudo seria feito e começei logo no outro dia á trabalhar.sua filha que estuda pela manha,sá chega ão mei dia em casa é muito apegada á mim e sempre nos divertimos muito com bricadeiras alheias.minha irman trábalha o dia todo e nos dá toda confiança.até mesmo por que não tinha de que qesconfiar já que pra mim se tráta de uma criança.mas á coisa começou á mudar no primeiro dia em que cheguei.á noite ná hora de dormir quando ela apareçeu saindo do seu quarto sá de camisola,sem sutiem,e veio mim dá um abraço de bao naite colando seu corpo ao meu.eu estava sem camiza,e minha irman ná cozinha,quando ela mim abraçou eu á sagurei e retribuir o abraço forte sentindo seus peitnhos macios roçarem juntos ao meu,segurei ela por um instante beijei-a no rosto e quando soltei-a pude ver que os bicos tinham crescidos com aquele abraços.ela vendo que eu estava olhando para eles deu risada e saiu.aquilo ficou ná minha mente até que fui dormir.No outro dia acordei com o relogio despertando era hora de minha irman ir trabalhar.levantou fez sua ingiene matinal e mim pediu para eu acordar naninha ´´e seu nome ficticio.que ela iria para á escola logo mais as 8:00 ainda era 6:00 da manha.quando deu 7:00 eu fui acordar naniniha quase tive um colapso ao ver minha sobrinha dormindo sem cobertou,com á camizola ná sintura deixando á amostra uma bundinha de dá tesao em qualauer um velhote com uma tanguiha dento do cu dava pra ver o monte por baixo das perna de sua buçeta carnuda.primeiro. á cobrir e a chamei ela levantou se cuidou e foi pra escola fiquei atribulado amanha toda.não teve geito á não ser bater uma bela punheta pensando naquele cuzinho quando ela ghegou tava ná hora do almouço.pedir á ela que colocasse o meu enquanto iria tomar um banho.entrei no banheiro e estava lá feliz com tudo isso quado sentir que estava sendo observado por alguem i sá podia ser ela.pois na divisoria sá tinha uma cortina e deixei á porta aberta por não ter fechadura.ai começei a sacanear.primeiromcomeçei á bater uma pro meu casete endurecer e quando estava bem duro lhe preguei uma peça.do nada abrir á cortina e sair nu. ela fez uma cara de assustada.e disse que ia pegar á sua escova de dente,mas não tirava os olhos do meu casete duraço.aproveitei que não tinha tolha e pedir que pegasse uma pra mim,e entrei novamente pro banho.quando ela voltou ela mesmo abriu á cortina pra mim entregar á toalha foi a gota dagua,eu disse que tava calor e perguntei se ela não queria tomar banho tb

no que ela disse que sim.pedir para ela tirar á roupa e ela tirou á saia e a blusa ficando sá de calsinha e sutiem e entrou como uma menina inoçente que não sabia o risco que estava correndo.se molhou toda eu nú ela de calsinha começou á brincar mim jogando agua uma loucura.em dado momento eu agarrei ela por traz e mim encochei em sua bunda abracei e segurei em seu peitinho ela parou e disse tio eu sou virgem eu disse pra não se preocupar que o titio sabia como fazer.virei ela e lhe dei um beijo gostozo na boca emfiei á mao por dentro de sua calçinha por traz e apalpei sua bunda chamei de encontro á mim e meu caçete se encaixou no meio de suas pernas duru como uma pedra.abrir meus olhos e vi uma prátilheira com uns frascos de champus.começei a tirar sua tanguinha fui descendo e ela ficou nua na minha frente.abraçei-a de novo e agora sentia minha pica ná entrada da sua xoxota emcostei ela ná parede e começei á roçar na sua buçetinha virgem ela sá fazia gemer ai ai aiaitio toi tio thaaaaaaaaaaaaa gostosoooooooo assssiiiiiiiiimmmmmmmmmmmm tá bbobooommmmmmmmmmmmm eu semtir ela gozar em meu casete ai eu disse pra ela que ia fazer outra coisa boa com ela.peguei o fraco de champu pedir que ela abrisse á mao ela abriu coloquei o shampu ná mao dela e pedir que passasa em meu picão ela começou á lambuzar minha pica tomei da mao dela e pedir á ela que ficasse de 4 segurando no vaso sanitário com as duas maos e ela fez sem saber o que á esperava coloquei chanpu nas minhas maos e direcionei ná eatrada do seu cuzinho.ela perguntou tio o que vai fazer?eu disse que queria roçar meu caçete ná sua bunda e ela deixou mim pedindo pra nao machuca-la.passei bem no seu rabinho e na cabeça do meu casete e direcionei bem na entradinha,passei meus brássos por baixo dela aré seu rosto e mim encaixei.fiquei brincando na entrada do seu cuzinho um bom tempo até que ela se acostomou e começou á rebolar.ai foi á minha vez dei uma empurada e á cabeça entrou ela berou aiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmeeeeeeeeeeeeeeuuuuuuuuuuuu cuuuuuuuu tataaarrrrrrrrddeeeeeeeenddoooooootiooooooooooooooooo tiiiiiiiiiirrrrrrrraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaatiratirarairtiratira tira tira tiraaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiieu segurei-atapei sua boca e metir á metade ela começou a chorar eu parei e disse olha eu vir vç mim olhando tomar banho fiqui quieta que a dor vai passar ela ficou quietinha de 4 eu tirava e enfiava ela gemia agora sentindo um pouco de prazer á dor tá passando tiodizia ela vá devagar que eudeixo e fui devagarinho tirando e botadando.quando sentir que era á hora da segunda etápa enfiei de vez o resto e segurei ela pela sintura ela gritou chegaaaaaaaaaaaa aiiiiiiiiiiiiiiii euuuuuuuuuuuuunaooooooooooooooo aguennnnnnnnntoooooooooomaisssssssssssssss quero cagaaaaarrrrrrrrrrrrrrrrr táaaaaaaaaaa mmiiiiiiiiiiiiinnnllascanddoooooooooooooooooooooooooooo vç minnnnnnnnnn lascouuuuuuuuuuuuuuuuuuu uiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiitiraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa titio titio tiraatochei tudo dentro do seu cu e começei o vai e vem parei e disse á ela que que acabe logo?ela disse ttiiiiiirre eu disse mexa um pouquinho pra acabar logo e ela começou á mexer foi uma gozada como nunca gozei ela tomou banho e foi dormir.sem dar uma palavra.veja como tirei seu cabaço no proximo conto de [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos sexuais titia e esposocontos eroticos com gordacontos primeira surubaconto gay no posto de gasolina heteroesposa bebada contos eroticosconto erotico de shortinho marcando fui abusada pelo velhocontos de incestos e orgias com minha irmã e minha mae nu feriascontos eróticos evangelicascontos eroticos casada dotadosconto erotico minha sobrinha de toalha enrolada no meu colohetero perdendo as pregas contoconto erótico finalmente minha prima quis transar comigocontos eroticos elizandraComi uma velha deficiente contosconto erotico professora linda gostosa lesbica aluna virgem gostosa não tirava os olhos da professoraconto droguei minha esposa loira muito gostosa pra ver outro comendo elaarrombei o cu da garotinha contoscontos acavala meu tio 12contos eróticos professora com garotinhoscontos eroticos casada gosta de negro pauzudoleitinho no copo. contosesposas coroas ancudas traindo contos eroticoscunhadinha dando o cu apoiando na mesacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteponodoido pai fudeno o cuzinho apertado da filhinhacontos de sogro comendo a noracontos eroticos viajando sentadacontos porno violentadaseu.tinha.cinco.anos.e.ja.dava.o.cu.pro.meu.primo.contos.prpibidosconto madrasta gostosaenfiando uma banana conto gaycontos eroticos policial forçacontos com a visnha casada escondido oaconto gay sorteio para da cucontos eroticos dando pro caminhoneirocontos minha tia dava pra mimcontos eroticos dançando com a filhaanã puta contoapostou a filha conto eroticocontoseroticos paguei para comer minha sograirma tarada ensaboando o irmao no banhodelirando com meus dedinhos contoscontos eróticos violadas por mlksconto porno amigo punheta apostaconto gay o amigoChat Amo sexoavivopau atochado no rego da joanamarido chama primo pra tranzar com sua espozacontos eroticos Araguainacontos eroticos entiadaconto meu filho meu machoconto erotico meu filho me chapouconto de sexo com rabuda asquerosocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentegosei ni cu da prima traveca conto erotico contos mordidinha na bucetacontos me chamo camila transei com felipe meu irmaomulher poe seu cachorro dormir com ela e acaba deixando ele lember sua bucetamenino bateno puheta pos amigo no riosinhover canto erotico com viuvacontos eroticos diversos safadeza e assanhamentoVelha fofinha em contos eroticoConto estrupo casada namarraestórias pornográfico cu de bêbeda não tem donoconto erotico dei para o fortao da academiafrancisca coroa ruiva contos eroticoscontos heroticos tranzando com a minha madrinha de casamentocontos verdadeiro meu sogro insaciavelnegao marido de aluguel com casadas contosconto comendo uma fumadora de crackoSexo no aterro do flamengomulher entrando na chapeleta do pôneiconto erotico patrao pauzudo do marido comeu eu e minha filhacontos eroticos flagrei minha filha com o vibradorcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erótico de estupro de empregadasmunher ce mastuo eu ficonto erotico ele pediu pra bater umazinha pra eleminha cunhadinha e virgens peguei a forcaMinha sogra me pergunto se eu deichava ela chupa no meu peniscontos o comedor falou o cu da sua mulher é muito gostoso.contos eróticos com mulher vizinhaestórias eróticas sequestrosSou negra e dei gostoso contos eroticosConto a buceta peluda da minha irmaconto erotico dividindo o quarto com meu cunhadocontos eroticos na marraComtos casadas fodidas na rua por camionistascontos eróticos de tirando o cabaço das cunhadas