Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FÉRIAS NA FAZENDA 3

Aqui estou de novo para continuar relatando as minhas maravilhosas férias na fazenda.

A quinta-feira amanheceu nublada, então não fui a piscina como nos outros dias e aproveitei a manhã para andar a cavalo e conhecer melhor a fazenda, voltei sá para o almoço. à tarde fiquei assistindo televisão ansiosa pela promessa que o negão e o baixinho do pau grosso haviam feito. Mas nada aconteceu então fiquei passando os canais e descobri que o sacana do meu padrasto tinha o Sexy Hot. Como estava sozinha passei a tarde vendo alguns filminhos sacanas. Vi um em que a mulher era fodida por 4 negros com paus imensos, fiquei imaginando como seria bom aquilo e um dia pretendo fazer, se acontecer relatarei pra vocês.

A tarde se passou e antes de jantar decidi tomar um banho para relaxar, saindo do banho me sequei e fui vestir-me: na hora de escolher a roupa pensei que os rapazes ainda poderiam vir, então peguei uma calcinha fio dental, a mesma que iria usar para ir ao churrasco do domingo, socada no meu rabo, coloquei uma micro saia que não chega nem a tapar toda a nádega, e também um top tomara que caia que não chegava a cobrir todo o seio.

Quando estava indo para a cozinha preparar a janta, passei pela sala e lá estavam o negão e o baixinho sentados no sofá, na hora fiquei arrepiada de tesão e os bicos dos meus seios ficaram duros marcando o top. Perguntei a eles: “o que estão fazendo aqui?” e o baixinho respondeu: “viemos jantar você.” eu respondi: “estou mesmo indo preparar o jantar”, o negão se levantou e disse: “você não está entendendo, nás já definimos o cardápio” e eu perguntei: “posso saber o que vai ser?” ele disse: “claro, é mesmo importante que você saiba... o prato é o rabo da putinha!” me arrepiei na hora.

Os dois vieram na minha direção, me levantaram do chão e me levaram até a cozinha, o baixinho disse rindo: “vamos preparar o prato”, o negão apenas riu. Me largaram em cima da mesa, tiraram minha saia, me deixando apenas de calcinha, me viraram com a barriga para baixo fazendo com que empinasse minha bundinha virgem, o negão veio para frente de mim e o baixinho ficou atrás, o negão botou o pau pra fora e mandou eu chupar enquanto o baixinho apenas afastou a tira da calcinha que cobria o meu rabinho e começou a chupá-lo, eu estava com muito medo que fosse dolorido e pedi a eles que fizessem com carinho eles disseram que sim.

Depois que meu cuzinho e a vara do negão já estavam bem lubrificados os dois trocaram de posição, o baixinho tirou o pau que já estava duro que nem uma pedra de dentro das calças e deu para mim chupar. O negão foi para trás de mim, deu mais uma lubrificada no meu rabinho e começou a colocar um dedo dentro, para ir abrindo espaço para o que vinha adiante, ficou com um por um tempo e depois colocou dois ao mesmo tempo, fiquei louca com os dois dedos dentro de mim, quando colocou o terceiro eu quase mordi o pau do baixinho de tanto tesão.

Apás a pequena alargada no meu rabinho ele tirou os dedos, arrancou minha calcinha, posicionou a sua grande cabeça na entrada do meu cuzinho e começou a forçar para que seu pau pudesse me penetrar, aos poucos foi entrando até que passou a cabeça inteira, quando isso aconteceu dei um grito que teria acordado o quarteirão inteiro, mas como não há vizinhos ninguém percebeu. O negão foi penetrando cada vez mais até que já estava mais da metade de sua vara dentro de mim. Então ele começou um movimento constante e a dor deu lugar a um prazer imenso, eu pensava como poderia ter esperado tanto para fazer aquilo. Ficamos um tempo ali até que o baixinho falou que era sua vez de comer o rabo de putinha, o negão prontamente tirou seu monumento de dentro do meu cuzinho e deu para mim chupar.

O baixinho foi para trás de mim, me arrumou, me colocou de 4 em cima da mesa, subiu em uma cadeira e posicionou seu cacete na entrada do meu rabinho que piscava de tesão, segurou em minha cintura, nesse momento fiquei louca e joguei minha bunda contra o corpo dele, fazendo meu rabinho engolir todo o seu pau de uma única vez, aquilo parecia me rasgar até que me acostumei e fiquei doida de tesão, fomos aumentando o ritmo e ele dava estocadas cada vez mais fortes que me faziam sentir cada vez mais tesão com aquilo. Eles ainda trocaram de lugar mais umas duas ou três vezes até a hora que o baixinho anunciou que iria gozar e perguntou: “aonde você quer que eu goze?” e eu respondi: “goza dentro do meu rabinho” ele obedeceu com muito prazer, enfiou a cabeça e soltou três jatos que inundaram meu rabinho. Chupei mais um pouco o pau do negão até que ele também perguntou onde gozar e fiz ele gozar na minha boca e engoli toda aquele leite quentinho.

Ficamos ali parados por uns 5 minutos sem reação até que todos recuperassem as forças, os dois se levantaram, botaram as calças e se dirigiram a porta da cozinha que dava para a rua, antes de sair o negão falo que na noite de sexta-feira eles iriam fazer outro churrasco, mas dessa vez segundo o negão seria: “galinha com salsichão, para sua despedida, se arruma bem”. Fiquei ansiosa por aquela janta. Continua no práximo conto...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


minha tia olhando meu pauminha filha me seduziucaso canto erotico casada .travestideflorando bucetinhas com pepinosconto de insestocontoseroticos minha tia era puta e eu nao sabiaesposa putinha camping contoa velha e o pedreiro contos eroticoscontos eróticos realizando a fantasia da minha mulher no nosso aniversário de casamentocoroas falandoquero gozarcontos comi a casada com chantagemesposa puta do meu tio corno contomeu padrasto foi n meu quarto conospica de bode contocontos eroticos lesbico casadas e travesticontos eroticos atrizes chupando pau recebercontos eroticos engravidando a enteada bem novinhamulhe se matrupado com amiga pono doidodei minha buceta para os amigo do meu filho contos eroticoconto erotico gay chupando tio bebadoconto.erotico..casada.18..anos.santinhacontos eroticos fudendo com velhosoft swing contos eroticoscontos sexo com a sobrinha dopadaconto erótico metendo na minha mãe gordacontos eroticos apostei meu marido e pedircontos eroticos a filha do pastorcontos eroticos gay hormonioscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos etotico viado chupadorcontos incestocontos exoticos papai a saia de um palmocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto de esposa vendo seu marido na rola de outroconto erótico chantagista pelo chefecontos eróticos de gays novinhos bonitos loiras namorado com muitos beijos nacontos de incestos gays.com/meu pai foi meu primeiro macho depois me distribuiu com seus amigos adoreicunhada novinha contosComtoerotico a coroa me seduzilConto gay dormir pelado na salaMinha mãe pois silicone contossogra puta dizendo que é dona da minha picaacordei com um boquete contos eroticoContos porno verdade desafiocasados contos tia carenterelatos e contos de mulheres traindo em trilhasContos eroticos minha esposa toda depilada sentou na pica de meu primo aucontos baixinhas peluda desmaia ao levar pau descumumaldesvirginando sobrinhaconto erotico dois"O dia que meu marido me beijou com sabor de porra de outrocontos eroticos minha priminhaContos comi a bucetinha virjem da minha filha gozei dentro do seu utero e acabei engravidando elaContos eroticos/dp com a ninfetinhaconto vi meu irmao dando culer contos eroticos de casais fudendo dentro de cinemas com outros homenscontos eroticos de como eu perdi minha virgindade aos 16contos eroticos lesbico casadas e travesticontos eroticos chupando seios gang bangcontos eróticos irmão e irmaconto erotico gay chupando tio bebadocontos eroticos gay estrupocontos eróticos convenci meu marido a comer sua filhameu primo viadinho contosfilha esposa de papai pintudo contosconto erotico desde novinha eu gostava de senta no colo do meu pai. quando virei mocinha eu bati uma punheta para eleconto erótico bulinandofilme porno sogras de calça de laycracu arrombado da minha esposa depois da noitadaContos d zoofilia dog mulheres casadas engatadascontos minha cunhada de shortinhos bem curtinhocomi minha mae no caminhão do meu pai contos incestoscontos eroticoseu gostoo d ver meu marido comendo a empregadachaves lambe a buseta de chiquinhametendoo con vpontadi pornocontos minha melhor amiga ficou se esfregando no meu pauvídeos de porno mulher gazando espirrando no caralho grande tremorcontoseroticos. cornos leva mulher para amanteconto o pai da minha amiga comeu minha bundacontos eroticos de ninfeta no consolo