Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NO DIA DO APAGÃO

Era umas 22h14min mais ou menos, eu estava assistindo um filme pornô e de repente, apagaram-se todas as luzes...



- Caramba, faltou energia, logo agora!



Era o apagão em 7 Estados do Brasil e eu não sabia, achei que voltaria logo...



Moro em uma casa dentro de um condomínio e na casa esquerda vizinha a minha, mora uma jovem com sua filhinha de 2 aninhos e um irmão que sá vem dormir em casa, e chega normalmente por volta da 00:00, diariamente.



Eu pequei minha lanterna de emergência que sempre a mantenho carregando na tomada (e a essa altura já havia acendido automaticamente), e me dirigi ao terraço de minha casa, foi quando me deparei com a essa jovem sentada no terraço da casa dela, tudo escuro e a menina dela já se encontrava dormindo.



- Que azar né Cristine?



- Pois é, e o pior, é que eu estou sem nenhuma vela ou lanterna, aqui em casa.



Eu prontamente me ofereci para resolver o seu problema, pois eu tinha velas e mais uma lanterna dentro de casa.



Busquei as velas e a entreguei, ela, muito gentil e delicada, me convida para entrar. Não sei por que, mais na hora que ela me convidou, bateu um arrepiozinho na coluna, o pau ficou duro (novamente, porque eu já tava em tempo de gozar na hora do filme) e eu nem havia percebido que ela estava trajando um baby-doll muito excitante por sinal.



Cristine pede para que eu me sente na poltrona da sala dela e se dirige ate seu quarto, em poucos segundo já volta trajando apenas a calcinha e a parte de cima do baby-doll.



Fiquei em estado de êxtase, afinal, eu sempre tive uma atração muito grande por ela, mais nunca tive coragem nem de insinuar algo... Ela sempre foi muita na dela e nunca mostrou nenhum interesse por mim.



Sentou ao meu lado e disse: Ta fazendo um calor muito grande, não é Roberto?



- Uhrum e como ta!



Eu realmente senti o fogo subir a minha cabeça, quando vi aquela deusa (por quem tinha um tesão sem limite) ao meu lado, trajando apenas roupinhas intimas (semi-nua) e ainda se oferecendo pra mim.



Me virei, ficando quase de frente para ela e falei: Sabe que você é muito mais bonita desse jeito.



Ela deu um sorrizinho safadinho e disse: Você acha?



- Mais é claro, e melhor ainda se você ficar sem essas pecinhas que ainda estar vestindo.



- Então pode tirar, faça o que você quiser, aproveita enquanto meu irmão não chega e a energia volte... Sorriu lindamente e eu não deixei nem ela terminar a frase, já fui logo puxando-a para junto do meu corpo e a beijei apaixonadamente.



Nunca tinha sentido uma sensação igual. Senti como um fogo tomar conta do meu corpo.



Que loucura de mulher, e como é que nunca ela mostrou interesse por mim e eu nunca me declarei a uma deusa dessas? (eu mesmo me perguntava)



Introduzi minha língua em sua boca, ela num mesmo momento introduz também a língua dela a minha boca e nossa línguas ficaram se acariciando uma a outra.



Minhas mãos não perdiam tempo, em fazer carinho naquele corpo deslumbrante e aveludado.



Senti a mão dela descendo por todas as minhas costas e vindo ate a frente, puxando o coes do calção e pega meu caralho (que estava duro como uma barra de ferro), segurando forte ela começa a me punhetar levemente. Deito ela sobre o sofá e começo a chupar seus lindos seios de bicos durinhos e arrepiados, as auréolas estavam bem enrugadinhas quando coloquei a minha boca naquelas tetas.



Ela alisava meus cabelos como quem fazia um cafuné e sussurrava baixinho... Eu descia suavemente com a língua percorrendo toda sua barriguinha ate o umbigo (muito delicado), coloco a língua dentro daquele umbigo e sinto quando ela da uma urrada de prazer... Desço mais um pouco ate sua buceta maravilhosa (depilada e um bigodinho ao redor de boquinha).



Com a ponta da língua eu localizo o grelo dela e começo a massagear ao redor. Ela se excita cada vez mais e mais e sua respiração vai ficando ofegante e ela não resiste e dá sua primeira gozada em minha boca...



Imediatamente eu a coloco de bumbum pra cima e começo a bater o meu pênis nas nádegas dela e passando na boquinha da xaninha... Ela geme e pede pra que eu empurre na buceta dela... Eu fico brincando um pouco para que ela fique cada vez mais excitada...



Segurando meu pau vou colocando e tirando a cabecinha e fazendo-o roçar no clitáris dela, que já não suportava mais tanta provocação... Começa a gritar: “Me come logo, não faça assim comigo!”... Dou umas tapinhas nas nádegas dela e depois passo a dá umas estocadas batendo o púbis na bunda dela.



Não demorei muito pra gozar (apesar de tentar me segurar ao máximo). A espirrada de gala foi grande e gozei dentro da xoxota de minha princesa.



Cai deitado por cima dela, e assim continuamos por alguns segundos...



Foi uma das melhores transa que eu já tive... Não sei se foi por ter muito tesão nela, mais o fato é que foi maravilhoso e isso sem contar que essa foi apenas a primeira.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Incesto com meu irmao casado eu confessocontos eroticos arrombando a gordaconto erotico fodendo a michelevídeo pornô pica da cabeça enrolada redondadacontos eróticos de compadre minha esposa deu muito depois de umele era um lindo anjocontos de filhos chera causinhascontos eroticos espiando a sogravideo que profe girafales come cu se dona florindacontos eroticos de despedidas de solteiraLóira safada narra conto metendo na coberturafilmes pornodoido maridinho vendo sua esposinha loirunha novinha na vara de um negro dotadofiz bacanal com minha filha e o filho do caseiro contosfudendo a sobrinha contoschupar seio com leite contocontosbisexContos eroticos... Uma rapidinha com a cunhada de vestidoContos eróticos por acasoa cunhada falsa magra contosgozando na buceta enquanto ela dormiacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontoS lambida animal no rabomulher matrupado pono doidocontos ninha cachorra chupou minha bucetacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecasa d contos peguei minha sogra no flagra grudada c o m cachorroconto erotico primeira vezcontos vendedora em casacontos eroticos com fotos de transando com a cunhada casada e com seu marido bi sexualmeu marido fez eu fode com amigo contosContos travestus fudendocontos eroticos domestica gordinhapodolatria infancia contos eroticosxxvideos porno ci ru filo etupa a mae no crato bazilelocontos heroticos gay com mudinho da piroca gostozaconto erotico peguei no fraga meu pai comendo meu maridocontos de engates gays madurosconto de sexo com rabuda asquerosocomí a velha bunduda contos eroticosfui estuprado pelo mendigocontos eroticos surpreendeu a esposavida facil contos eróticospeitos da prima pulando fora da blusa no sexocontos eróticos a enteada bem novinhaver conto erotico sob velhos etrupadorecomi minha namorada e minha irma na festa de formatura contos eroticos VirgemRelatos de sexo tirando com o paicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos depois de muito tempo dei pro sobrinhocontos amigo dorme em casa esposaminha cunhada mim chamo pra trnzarcontos eróticos casamentoContos eroticos de filhas adolecentes e papai com rola grossacontos de chantagem analcontos eróticos levei meu filho para a praia de nudismo so para ver o pau deleContos eróticos mãe apavoradaDesvirginando a irmazinhacontoseroticos comeu a namorada de calcinha fio dentalContos eróticos curtos vó tarada louca de tesão por cachorro grandesexo gay okinawa ufacontos eroticos mulher castiga o homem emagando o saco e dando soco no saco papai me comeu contos eróticosmulheres a mijar por cima da casste grossa do marido cache:5Hgss0gp0hgJ:okinawa-ufa.ru/conto_6845_infancia-bem-feliz-com-papai-e-irmaos.html limpador de janela fode jovem em seu apartamentodesce com a x*** no pauContos eroticos comendo as russastransformação contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecache:woVuogglMaIJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_4_11_incesto.html presidiariocontoseroticoscontos eróticos:cunhadinha novinhaporno de tias primas maes cunhadascontos marido e esposa dando cu p negro dotadoAquela seria uma luta inédita e muito estava em jogo para Marilia. Há 3 meses ela havia descoberto que eu tinha uma ...contos eróticos meu aluno preferidoconto erótico finalmente minha prima quis transar comigodou u cu para qualquer pessoa. conto eroticocomendo a bucetona wue dormuiu da dunda p cima