Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIOLAÇÃO ANAL NO RIO - PT 2

Logo abaixou a sunga sem largar minha cabeça e sua pica saltou para fora. Era linda, bem negra, com a cabeça vermelha e devia medir uns 19 cm. E era grossa, nossa, muito grossa. Ele bateu com a pica na minha cara e empurrou minha cabeça contra sua bolas e mandou eu lamber. Fiquei muito excitado mesmo e obedeci. Chupei uma por uma e depois ele me fez engolir sua pica. Fez ela ir até o fundo, mal eu conseguia respirar. Sentia sua cabeça entrando na minha garganta e quando chegava lá ele forçava mais, como se tivesse fudendo minha boca. Me engasgava e quase vomitava. De meus olhos saíam lágrimas devido à ânsia de vômito que me dava. às vezes ele tirava o pau e saía aquela baba toda que escorria pelo meu queixo e caia em meu peito. Fiquei todo lambuzado. Logo ele metia de novo e fodia minha boca. Numa dessas ele meteu tão fundo que não consegui segurar e vomitei no seu pau. Ele tirou o pau e me deu uns tapas na cara, gritando:

- Viado de merda, vomitou no meu pau, vou te ensinar uma coisa.

Ele me jogou no sofá e me fez virar de ponta cabeça. Ele enfiou o pau na minha boca e começou a foder. Nessa posição o pau entrava mais ainda, mas não era tão incômodo. Ele viu que eu tava de pau duro, pois estava excitado com tudo isso e começou a dar uns tapinhas no meu pau.

- Viadinho, ta gostando, hein? Engole minha pica toda. Agora abre a boca, vou cuspir dentro e você vai engolir.

Ele seguia fodendo minha boca, às vezes tirando o pau para cuspir dentro dela, ou bater com ele na minha língua.

- Te prepara, boneca, hoje você vai sentir o que nunca sentiu na vida.

Não sabia se ficava assustado ou excitado. Então seguia engolindo aquela pica preta. às vezes ele sentava na minha cara e manda eu lamber o cu dele e as bolas. Ficou assim alguns minutos, até que tocou o interfone. Atendi e o porteiro disse que era um tal de André. Marcos mandou eu deixar ele subir. Logo alguém bateu na porta. Era outro rapaz negro, mais baixo que marcos, e menos musculoso. Ele entrou e cumprimentou o amigo.

- Então, cara, conseguiu uma bocada prá nás?

- É o viadinho quer saber o que é bom.

- Haha, o putinho ta de calcinha.

Marcos fez eu me ajoelhar na frente de André. Então ele tirou as calças e pulou um pênis molengão para fora. Mas mesmo mole eu já notei que era enorme. Ele mandou eu chupar mesmo no estado que tava eu não conseguia colocar todo dentro da boca. E era tão grosso quanto comprido. Fiquei tão excitado quanto assustado, pois fazia tempo que não levava no cu. Comecei a chupá-lo e a medida que a pica crescia na minha boca, mais difícil era de engoli-la.

- Que nojo, disse André, alguém vomitou aqui.

- É, o viadinho vomitou no meu pau, não aguentou o tranco.

- Haha, quero ver agora.

Então começou a forçar cada vez mais o caralho prá dentro da minha boca, certamente aquela pica tinha mais de 20 cm. E eu me engasgava sempre. Até que não aguentei e vomitei de novo. Ele riram, e deram tapas na minha cabeça e me xingaram. Saímos da parte vomitada e fomos para o sofá. André se sentou e afundou minha cabeça no seu pau e Maarcos foi para trás de mim. Eu estava de quatro e ele arregaçou bem minha bunda e deu uma bela cuspida nele. Senti que ia levar ferro. Ele começou a massagear meu cu e enfiar os dedos.

- Que cu rosinha que tem essa biba. Quero ver como vai ficar depois que levar essa pica.

Então apontou a cabeça no meu cu e começou a forçar a entrada. Tentei gritar e dizer para ele colocar a camisinha, mas André não deixava eu tirar seu pau da minha boca e enfiava cada vez mais. Marcos forçou um pouco e não conseguiu. Cuspiu no meu cu de novo, mas não adiantou. Levantou-se, foi até a minha frente e meteu o pau na minha boca e mandou:

- Lubrifica bem para eu comer teu cu.



Continua

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãohega gotosacontos de casadas com quantos homens ja transaram antes de conhecerem o maridodei o cu fiquei arrombada contosvelha boqueteira contoolha o pezinho dela todo gozadinhocontos de mulheres ninfomaniaca por sexoContos erotico com equilina da minha patroavídeo de pornô do metendo vendo a sua beleza ela me chameadoro andar sem calcinha contosesposa putinha camping contoamor corno conto olhandoSem a minha permissao contos eroticosContos maes dando cuconto erótico "totalmente peladinha" ruaConto �rotico na favelconto erotico familia zoofiliaamigas da empresa contosloiro curto de meladinha de pernachupada no bloquinho de carnaval contos eróticos peitos caidos da velha do cornoneguinha suja contolésbicas castigando o rabo da parceriarelatos sexuais porno gratis a faxineiracontos eroticos domia ele cospi nu meu cuMulher que gosta de ser curradascontos eróticos pastor compadre d*********** a virgemcontos gay cheiro de rolacontos erótico me rasgaram mo acampamento contos de incesto minha filha se tornou um mulheraomadrasta pegou enteado vendo filme porno e aliviouconto gay negao casado deucontos delícia de cacetaocontos eróticos de negros avantajados comendo n*********priminha de dez aninhos mais bem safada contosme comeram contosgozei me esfregandocontos lesbicasesposa puta do meu tio corno contoContos eroticos calcinha da vizinhacontos eroticos esposas arrependidasconto erotico sozinho com a priminhacontos eróticos meu cu na rifacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto comendo a madrasta gostosacontoserotico, sogrocontos eroticos de pastoresPintinhocontosdona Florinda abrindo pernas mostrando calcinha pornContos eroticos seios mautradoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos fotos esperimentando rolaContos eroticos tira a camisinhacanto erotico dei gostoso pro meu vizinhocontos tia marta sua bundaconto erotico era pra ser brincadeira e virei cornoContos Eroticos: Fudendo com cavalo(Verídico)conto ele ficou sabendo do tamanho da bucetaconto erotico.mulher feiaconto erotico flagrei meu irmao comendo mamaecontos eroticos de homens que vestem as calcinhas das esposas e saem com travestifinalmente o telefone tocou conto erotico cornoconto chantagem com a patroahistorias eroticas das peitudascontos eróticos peguei minha mulher com a empregadaconto erótico clínico geralamamentar o pedreiro contosconto eRotico os piralhoS m comeraoMaicon tá doida ela me pediu pra comer sua esposa na frente deleconto erotico gay fudido pelo negaoler contos de garotas que foram bolinadas quanto eram.pequenascontos porno bunduda sogracontos eroticos comendo mae e filhaconto corno rabocomedor de esposascontos eroticos patricinha caminhoneiroscontos eroticos de bulinadas no busao